11 de dez de 2018


[Resenha] Salva Comigo - Kristen Proby

Ficha Técnica 

Título: Salva Comigo
Título Original: Safe With Me
Autor: Kristen Proby
ISBN: 978-85-68056-66-0
Páginas: 288
Ano: 2018
Tradutor: Alline Salles
Editora: Charme
Manter os outros em segurança é o que Caleb Montgomery faz. Ele nunca teve problema em aceitar uma tarefa, tanto durante seus dias perigosos como fuzileiro naval quanto em seu emprego mais recente treinando mercenários de guerra. Mas ser responsável por manter Brynna Vincent e suas filhas adoráveis, Maddie e Josie, seguras de uma ameaça desconhecida tem tirado Caleb do sério. Com desejo pela morena alta desde que ela voltou à cidade há mais de um ano, estar próximo dela diariamente está obrigando Caleb a manter as mãos longe do seu corpo lindo e a mente na missão. Brynna está exausta de sentir medo. Tudo que ela quer é uma vida normal e calma para ela e suas preciosas filhas. Assim que estava se ajustando ao novo lar em Seattle e se sentindo segura de novo, Caleb aparece em sua porta insistindo que o perigo está muito perto. Mas ela não sabia se precisava ser protegida da ameaça do seu passado ou das emoções intensas que sentia pelo homem sexy e protetor dormindo em sua casa. O que vai acontecer se Brynna e suas filhas se apaixonarem por um homem com muitos problemas, e ele não conseguir protegê-las do perigo ameaçador, muito menos dele mesmo? Salva Comigo é o quinto livro da série With me in Seattle e continua a narrativa dessa família carinhosa e unida através das provações e adversidades da vida com humor, paixão e amor eterno.

Resenha


Finalmente chegou a hora de conhecer Caleb Montgomery no quinto livro da série With Me In Seattle da Kristen Proby.

Nos livros anteriores vimos que Caleb é um fuzileiro naval e sempre estava em missões pelo mundo. Depois que retornou para casa, em Seattle, conheceu Brynna, que tinha acabado de retornar para a cidade também.

Brynna Vicent vivia em Chicago com suas filhas, as gêmeas de seis anos Maddie e Josie. Mesmo após separar-se do marido, ela continuou na cidade, sempre adiando a vontade de voltar para casa, ainda que Jeff não tivesse uma relacionamento de verdade com as filhas. Entretanto, uma situação de risco faz com que esse retorno precise ser necessário e imediato.
A mulher dormindo no andar de cima está na minha cabeça desde a maior parte do ano passado. Ela e suas filhas maravilhosas me pegaram com seus dedinhos. Brynna talvez seja a mulher mais linda que já vi, com seu cabelo escuro comprido e olhos castanho-escuros, e aqueles lábios que foram feitos para beijar.
P. 25
Brynna está em Seattle há um ano e tem contado com o apoio dos pais, da prima - Stacy - e da família do esposo dela, os Montgomery. Stacy é casada com Isaac, o mais velho dos irmãos Montgomery e ele e seus irmãos Matt e Caleb serão os únicos a saber que a razão de Brynna ter voltado para casa de maneira tão inesperada e isso será unicamente por conta da profissão deles. Matt é policial e será fundamental para monitorar a segurança de Bryn e suas filhas, mas agora, um ano depois de ter voltado, as coisas parecem estar piores do que no início e Caleb - que já sente-se atraído por Bryn - irá se oferecer para ficar 24 horas por dia de olho nela e nas meninas e para isso, se mudará para a casa dela.

Ao longo dos outros livros vimos que Bryn nunca fez segredo de seu interesse em Caleb, mas quem se mostra reticente é ele e agora saberemos os motivos dele. Além de saber da necessidade de proteger Bryn e as meninas - e não misturar o trabalho com prazer - Caleb, como muitos ex-oficiais de guerra, tem uma série de questões psicológicas para resolver.
— Eu estava com medo que uma das duas coias, ou ambas, acontecesse. Ou eu teria um ataque de pânico no meio do show ou a experiência toda iria acionar pesadelos esta noite (...).
P. 177
Morando sob o mesmo teto, a atração entre Bryn e Caleb ficará mais forte e Caleb também se aproximará ainda mais de Maddie e Josie. Aos poucos as pequenas vão dominando ele e é incrível o poder que elas exercem 😂😂. Também veremos algumas cenas de Canta Comigo e teremos atualizações dos casais protagonistas de Fica ComigoLuta Comigo e Joga Comigo - coisas que amo nos livros 😍.

A narrativa alternada entre Caleb e Bryn nos permite entender seus medos e dificuldades para lidar com algumas situações. Bryn é uma personagem forte e madura e, tendo duas filhas para criar - algo que fez sozinha desde que elas nasceram - não se deixa abater facilmente pelas adversidades que aparecem em seu caminho.
— Aquele sonho americano pelo que todos vocês lutam tanto lá fora? A liberdade que vocês morreriam para proteger? É de vocês também, sabe.
P. 221
Em Salva Comigo também conheceremos um pouco mais sobre essa família, pois Matt e Isaac aparecem um pouco mais e novidades também aparecerão e surpreenderão, posso garantir. A cada livro que leio dessa série, gosto mais da escrita da Kristen, dos seus livros e da família Montgomery. Espero que o próximo livro chegue logo para a gente poder se deliciar com mais uma história, afinal a Kristen já deu uma dica de quem pode ser o protagonista do próximo livro.

Compre na Amazon

P.S.: Se quiser adicionar esse livro na sua lista de leitura do Skoob basta clicar na capa que você será redirecionado para a página do livro no Skoob 😉
Comentários
1
Compartilhe

10 de dez de 2018


[Resultado] Sorteio Apenas Com Você


Olá meus queridos, como estão?

Para animar as coisas, que tal saber se ganhou o Sorteio Apenas Com Você da série Viajando Com Rockstars, da Aline Sant'Ana?!

Vamos lá ver, né? Cruzem os dedos 🤞🏾🤞🏾🤞🏾


a Rafflecopter giveaway

Parabéns Lily!! Você recebeu um e-mail e têm 72 horas para respondê-lo e garantir seus prêmios.



Obrigada à todos pela participação e uma dica para quem participa de sorteios, confere se estão seguindo TODAS as regras, hein?! Até a próxima 😉
Comentários
3
Compartilhe

9 de dez de 2018


[Novo Resultado] Top Comentarista de Novembro

Olá lindos, como estão??

Então, estou voltando com o top porque a ganhadora desse mês não entrou em contato dentro do prazo estabelecido. Portanto, vamos conhecer o novo ganhador do Top Comentarista de Novembro? O sortudo irá receber em casa o exemplar do livro A Irmã da Pérola, da Lucinda Riley.



Número 1 = Lily Viana
Número 2 = O Vazio na Flor
Número 3 = Rudynalva
Número 4 = Vitória Pantielly

Agora sortearemos pelo Random.org


Parabéns Rudynalva!!! Você tem 48 horas para entrar em contato por e-mail, caso contrário, faremos outro sorteio.

Galera, super obrigada pela participação de todos!!
Comentários
4
Compartilhe

8 de dez de 2018


[Próxima Parada] Liverpool, Inglaterra


Olá amores, tudo bem com vocês?

Estamos tendo um déjà vu, não é mesmo?
Como prometido, voltei a Liverpool, para dessa vez explorarmos a cidade juntinhos!

Na primeira Parada em Liverpool, conferimos o Festival Internacional de Música de Liverpool, mas agora vamos explorar a cidade famosa pela vida noturna, cultura e por também ser o lar dos The Beatles!!

Shall we? (Vamos lá?)

Nessa segunda Parada na cidade de Liverpool, teremos o grande prazer de visitar alguns dos principais pontos turísticos e interessantes (e também históricos) dessa cidade super acolhedora. Pode ser um pouco redundante, mas preciso sim dizer e exaltar o quanto o povo de Liverpool é receptivo e amigável, fui mais uma vez super bem recebida pelos cidadãos de lá e todos sempre com um belíssimo sorriso no rosto. Ah, e dessa vez também tive tempo de explorar um pouquinho da culinária local e sem dúvida a cidade está recheada de bons restaurantes e com preços super justos (particularmente achei bem baratos inclusive quando comparado aos custos da cidade que moro, Dublin na Irlanda.)

Sem mais delongas vamos explorar!

Começaremos pelo Albert Dock, que fica na baía de Liverpool, lá podemos visitar diversos museus, super interessantes como o Museu Marítimo, Museu da Escravidão, Tate museu, Museu de Liverpool, fora várias outras atividades nas praças dos arredores, Ah! e lá também fica o museu da História dos Beatles.

Albert Dock area, vista paro o Museu de Liverpool
Dentre todos esses museus ali localizados tive a oportunidade de visitar o Museu Marítimo, que para quem é entusiasta por engenharia naval e construções navais é um prato cheio! Como ele fica no mesmo prédio que o museu da Escravidão, estendi a minha visita e conheci um pouco mais sobre o processo escravocrata além daquele que já conhecemos do Brasil. Nesse aqui é preciso ter um pouco de estômago, mas que também nos serve de aprendizado para que possamos evitar que algo assim seja permitido existir novamente. Como negra e militante essa visita me deu mais força e conhecimento para continuar a minha luta diária de mulher negra que veio das favelas do nordeste brasileiro e hoje desbrava esse mundão rico em cultura e beleza que nós vivemos.

Barco loja em frente ao Museu Marítimo no Albert Dock
Algo muito positivo do Reino Unido é que a grande maioria dos museus possuem visitação gratuita, então também fiz questão de visitar o Tate museu, que funciona mais como uma galeria onde diversos artistas expõem seus trabalhos e que também recebe evento culturais como Bienais do Livro e tantos outros. A estrutura é muito convidativa, afinal estamos falando de construções Vitorianas em ferro fundido, tijolo e pedra, dai você já imagina a riqueza histórica do local.

Tate Museu na area do Albert Dock
O Museu da História dos Beatles, vale muito a pena a visita, principalmente daqueles que são fãs da banda. Esse museu conta com funções tecnológicas que ajudam a experiência ser literalmente sentida. Com vídeos, músicas, projeções de imagens, a tecnologia nos ajuda a viver a história dessa que foi e ainda é uma das maiores bandas de todo o mundo.

Entrada do Museu da História dos Beatles
Andando um pouco mais pela cidade, podemos visitar vários outros locais relacionados aos The Beatles, como o The Cavern, que foi onde a banda começou a tocar e que funciona até hoje como ponto turístico relacionado a história da Banda. Como não sou uma grande fã da banda não fiz todo o roteiro dos Beatles em Liverpool, apenas o The Cavern e o Museu da História deles, mas ainda existe vários outros pontos relacionados a banda, casas onde eles moraram na infância, e até ônibus temático que para aqueles que se interessam mais pela banda, sem dúvidas deve ser absolutamente interessante de explorar.

The Cavern Club, sempre cheio de turistas rss
Outros dois lugares que fiz questão de visitar durante essa nossa Parada cultural em Liverpool, foram as seguintes Igrejas:

- Igreja de São Lucas ( mais conhecida como A Igreja Bombardiada)

A história aqui começa em 1791 quando um Lord doa o terreno à Igreja da Inglaterra para que ali seja construída uma igreja e que nada mais seja construído depois ou debaixo dela. Então desde 1805 a 1811 Ali foi construída a igreja de São Lucas, em estilo gótico. Infelizmente durante a May Blits (durante a Segunda Guerra Mundial), onde a cidade de Liverpool foi atacada por bombas durante 7 dias, a igreja também acabou sendo incendiada por 3 dias. Por um milagre ou acaso do destino, toda estrutura externa da igreja continuou de pé, sendo destruído apenas a parte interna, a torre do sino também continuou intacta. Até hoje a igreja é vista como um simbolo de resistência e sobrevivência, uma heroína de guerra.

Vista Interna da Igreja bombada de São Lucas


Restos de uma bomba encontrada dentro da Igreja de São Lucas, é possível ver a suástica na bomba

Imagens da cidade de Liverpool após os 7 dias de ataque durante a Segunda Guerra Mundial

Vista externa da Igreja de São Lucas
- Catedral de Liverpool , também uma igreja da Inglaterra (anglicana), famosa por ser a igreja mais comprida do mundo, com 189m de comprimento. Sua construção foi iniciada em 1904 e finalizada em 1978, seguindo um estilo Neogótico. Não somente é a mais extensa Igreja do mundo mais também possui a maior torre, com 100,8m de altura, o que permite os visitantes terem uma belíssima vista da cidade de Liverpool.

Vista externa da Catedral de Liverpool

Salão central da Catedral


Vista de uma das capelas dentro da Catedral

Rica em história, arquitetura, parques naturais e pessoas incríveis, Liverpool, se tornou umas das minhas cidades queridas, que sem dúvida ainda visitarei muitas outras vezes. E você? o que achou dessa nossa visita a Liverpool? Acidade ainda tem muito a mostrar além do que conhecemos por aqui, então sem dúvida se você puder, faça uma visita à Liverpool, seja para conhecer a história dos times de futebol, dos Beatles ou para curtir uma apresentação cultura. Não tenho dúvidas que você também vai se apaixonar!

Grande beijo e nos vemos na Próxima Parada!!
Comentários
4
Compartilhe

7 de dez de 2018


[Resenha] Noivos Para Sempre - Clara de Assis

Ficha Técnica 

Título: Noivos Para Sempre
Autor: Clara de Assis
ISBN: 978-85-68056-63-9
Páginas: 364
Ano: 2018
Editora: Charme
Ao desembarcar na Itália, Giovana Brandão sabia ter uma pequena chance de reencontrar Enzo Di Piazzi, mas era um risco que teria de correr se quisesse participar do casamento de uma de suas amigas. Além disso, o convite não poderia ter vindo em momento melhor. Com uma série de atitudes equivocadas, afastar-se do Brasil soava como uma ideia genial para Giovana, mesmo que significasse empurrar os problemas para debaixo do tapete. Enquanto Giovana evitava confrontos a todo custo, parecia que “problema” era o segundo nome de Enzo, que não tinha fama das melhores, embora não se achasse tão canalha quanto diziam. Aliás, seus não-relacionamentos estavam ótimos, obrigado. Bem, isso até dar de cara com a única mulher que o fez de bobo. Para Giovana, Enzo talvez fosse, de todas as escolhas que já fez na vida, a pior: canalha, egocêntrico, debochado, boca suja, imoral… e irresistível, principalmente quando estava determinado a ficar com Giovana… enquanto ela estivesse na Itália. A proposta mais direta que Giovana recebeu era honesta, prática, e eles eram adultos, então, por que parecia que algo daria terrivelmente errado?

Resenha


Ai gente, quanto mais a Clara traz esses Di Piazzi, mais eu me apaixono por eles. Noivos Para Sempre então foi uma overdose de Di Piazzi - mesmo que muitos tenham aparecido muito rapidamente.

Noivos Para Sempre é o segundo livro da série Os Di Piazzi e nesse livro Giovana Brandão, uma das amigas de Débora, será a protagonista dessa história. Giovana, assim como suas amigas, serão damas de honra no casamento de Débora na Villa Di Piazzi, na Toscana e sair do Brasil nesse momento é tudo que ela precisa.

Meses atrás ela conheceu Enzo Di Piazzi quando ele esteve no Brasil e isso lhes rendeu uma ótima noite de sexo, mas, antes que as coisas se complicassem, Gio foi embora enquanto Enzo dormia. A fama de Enzo o precedia. Rotulado pela família como encrenqueiro, canalha, galinha e adjetivos similares, Gio sabia que se envolver com ele seria um grande erro. Assim, depois de fugir e Enzo logo voltar para a Itália, ela seguiu sua vida: trabalhando na empresa da família fazendo algo que detestava para agradar o pai que havia sobrevivido a um ataque cardíaco e namorando um homem que não amava.
— Você nunca vai estar pronta, porque você odeia essa merda. Continue se escondendo em um porão, Giovana. Continue se escondendo de encontrar um amor, de assumir para os seus pais que você detesta a agência... Continue se escondendo de si mesma. Vamos lá, continue!
P. 99
Não ir para a Itália não era uma opção, assim, reencontrar com Enzo era uma possibilidade bem grande, sendo ele primo do noivo. Claro que ninguém nunca soube do que aconteceu no Rio de Janeiro e, se dependesse de Giovana, nem saberiam. Tanto que, ao se reencontrarem, Gio finge não conhecer ou não lembrar que conhece Enzo.

Ao contrário de Aluga-se um Noivo, quando tivemos apenas alguns capítulos com a narrativa de Théo, em Noivos Para Sempre, existe alternância entre Giovana e Enzo e conseguiremos entender melhor essa história, assim, logo vemos como Enzo ficou indignado com o desprezo e a "falta de memória" de Gio e como isso o motivou a persegui-la ao ponto dela ceder novamente a ele e, dessa vez, ele pretendia deixá-la (nossa... que infantil, amigo, supera 😂😂😂)
Essa palavra eu conhecia bem e combinava perfeitamente com a postura do homem que virou meu mundo do avesso: arrebatador.
Foi apenas uma noite, mas ele elevou meu nível de exigência para qualquer outro homem que surgiu depois dele.
Infelizmente, nenhum se equiparou.
P. 61
Enzo tem uma história de infância complicada e ao que nos parece, muito da sua maneira de viver atualmente é fruto do que aconteceu no passado, de ver o relacionamento fracassado dos pais, de ver o sofrimento do pai e depois de sua morte. De como ele e a irmã foram viver com a avó paterna na Villa Di Piazzi, com outros primos que também não estavam tendo momentos fáceis.

Enzo é bastante insistente e consegue que Gio faça um acordo com ele: enquanto ela estiver na Itália, eles estarão juntos. Simples e direto, mas Enzo não é de se envolver romanticamente com as pessoas e é exatamente o que ele está fazendo e nem percebe. Ele não sabe o que é estar junto, querer que o outro esteja feliz, ter pequenas atitudes que fazem a grande diferença e Gio precisa a todo momento lembrar de não se envolver, pois esse pequeno período na Itália é apenas uma pausa nos seus problemas, que a esperam assim que ela retornar ao Rio de Janeiro.

Se Enzo parece um imã de problemas: envolvendo-se com mulheres problemáticas e que não aceitam o que haviam combinado previamente (apenas sexo, sem envolvimento), Gio é muito racional e procura sempre fazer o melhor para todos a sua volta, sem deixar que as emoções a dominem. Entretanto, em muitos momentos, precisamos deixar sim que as emoções nos guiem 🤗 e precisamos lutar pelo que somos, pelo que acreditamos, pelo que queremos.
Há momentos na vida em que a gente simplesmente dá azar. O destino se encarrega de fazer arranjos e nós ficamos à mercê dos seus caprichos.
P. 111
Estar com Enzo mostrou para Gio o quanto viver guiada pelas emoções pode ser benéfico e lhe trazer felicidade em pequenos momentos e Enzo percebeu que estar com uma pessoa "em um relacionamento" não precisa ser necessariamente uma prisão ou ruim, que a felicidade depende apenas deles.

Eu amei esse romance, amei o Enzo e a Gio, a maneira como as amigas são importantes para que Gio perceba como algumas de suas atitudes - motivadas pelo medo - são ruins não apenas para ela como para sua família, como a família de Enzo lhe mostra que ele está se destruindo com suas atitudes autopiedosas e como Enzo e Gio aprenderam um com o outro em vários aspectos e amadureceram como pessoas e como casal.

Clarinha, obrigada! Quero mais Di Piazzi agora, certo? Estou aqui esperando 😉😂😂😂

Compre na Amazon

P.S.: Se quiser adicionar esse livro na sua lista de leitura do Skoob basta clicar na capa que você será redirecionado para a página do livro no Skoob 😉
Comentários
4
Compartilhe

6 de dez de 2018


No Escurinho do Cinema #273


E aí pessoal, tudo bem??
Dezembro chegou com tudo, hein?! Vamos conferir os filmes dessa semana?! 😉

A Vida em Si
Direção: Dan Fogelman
Elenco: Oscar Isaac, Olivia Wilde, Annette Bening
Gênero: Drama, Romance
Duração: 1h58min
Nacionalidade: EUA
Sinopse: O relacionamento amoroso vivido por um casal (Oscar Isaac e Olivia Wilde), é contado através de diferentes décadas e continentes, desde as ruas de Nova York até Espanha e como diferentes pessoas acabam se conectando a ela através de um evento marcante.



Encantado
Direção: Ross Venokur
Elenco:Larissa Manoela, Leonardo Cidade, Demi Lovato
Gênero: Animação, Família, Comédia
Duração: 1h25min
Nacionalidade: EUA, Canadá
Sinopse: Quando criança, o príncipe Felipe Encantado foi alvo da bruxa Morgana, que aplicou nele um feitiço que faz com que todas as mulheres por ele se apaixonem assim que o vêem. Com isso, ele não apenas salva como se torna noivo de três princesas em apuros: Branca de Neve, Cinderela e a Bela Adormecida. O feitiço apenas será quebrado quando o príncipe encontrar o amor verdadeiro, algo bastante difícil diante de tamanha adoração. Precisando cumprir um desafio em três etapas, ele encontra apoio na ladra Leonora Quinonez, que está imune ao seu galanteio e se traveste de homem para ajudá-lo.



O Chamado do Mal
Direção:
Michael Winnick
Elenco: Josh Stewart, Delroy Lindo, Bojana Novakovic
Gênero: Terror, Suspense
Duração: 1h57min
Nacionalidade: EUA
Sinopse: Um professor universitário e sua esposa, que estão prestes a ter um bebê, serão os responsáveis por um ato com consequências horrendas: eles liberam, involuntariamente, uma entidade maligna com pretensões perigosas.





O Ódio que Você Semeia
Direção:
George Tillman Jr.
Elenco: Amandla Stenberg, Regina Hall, Russell Hornsby
Gênero: Drama
Duração: 2h126min
Nacionalidade: EUA
Sinopse: Starr Carter (Amandla Stenberg) é uma adolescente negra de dezesseis anos que presencia o assassinato de Khalil, seu melhor amigo, por um policial branco. Ela é forçada a testemunhar no tribunal por ser a única pessoa presente na cena do crime. Mesmo sofrendo uma série de chantagens, ela está disposta a dizer a verdade pela honra de seu amigo, custe o que custar.



Tinta Bruta
Direção: Filipe Matzembacher, Marcio Reolon
Elenco: Shico Menegat, Bruno Fernandes, Guega Pacheco
Gênero: Drama
Duração: 1h58min
Nacionalidade: Brasil
Sinopse: O jovem Pedro (Shico Menegat) vive um momento complicado, ele responde a um processo criminal ao mesmo tempo em que precisa lidar com a mudança da irmã, sua única amiga. Como forma de catarse, ele assume o codinome GarotoNeon e passa a se apresentar anonimamente na internet dançando nu na escuridão do seu quarto, coberto apenas por uma tinta fluorescente.



E então, o que querem assistir?
Comentários
5
Compartilhe

5 de dez de 2018


[Resultado] Top Comentarista de Novembro

Olá lindos, como estão??
Aproveitaram bastante o feriadão? Então que tal agora conferir quem ganhou o Top Comentarista de Novembro? O sortudo irá receber em casa o exemplar do livro A Irmã da Pérola, da Lucinda Riley.




📖 Lily Viana: 20 Comentários
📖 O Vazio na Flor: 20 Comentários
📖 Rudynalva: 20 Comentários
📖 Vitória Pantielly: 20 Comentários
📖 Jady Santos: 19 Comentários
📖 Aline Santos: 9 Comentários
📖 Milena Soares: 5 Comentários

Segundo as regras, quando houver empate um sorteio será realizado, então irei atribuir números para as pessoas de acordo com seus nomes (ordem alfabética).

Número 1 = Lily Viana
Número 2 = O Vazio na Flor
Número 3 = Rudynalva
Número 4 = Vitória Pantielly

Agora sortearemos pelo Random.org


Parabéns Lily!!! Você tem 48 horas para entrar em contato por e-mail, caso contrário, faremos outro sorteio.

Galera, super obrigada pela participação de todos!!
Comentários
4
Compartilhe

4 de dez de 2018


[Resenha] Vox - Christina Dalcher

Ficha Técnica 

Título: Vox
Título Original: Vox
Autor: Christina Dalcher
ISBN: 978-85-8041-889-7
Páginas: 320
Ano: 2018
Tradutor: Alves Calado
Editora: Arqueiro
Uma distopia atual, próxima dos dias de hoje, sobre empoderamento e luta feminina. O SILÊNCIO PODE SER ENSURDECEDOR #100PALAVRAS O governo decreta que as mulheres só podem falar 100 palavras por dia. A Dra. Jean McClellan está em negação. Ela não acredita que isso esteja acontecendo de verdade. Esse é só o começo... Em pouco tempo, as mulheres também são impedidas de trabalhar e os professores não ensinam mais as meninas a ler e escrever. Antes, cada pessoa falava em média 16 mil palavras por dia, mas agora as mulheres só têm 100 palavras para se fazer ouvir. ...mas não é o fim. Lutando por si mesma, sua filha e todas as mulheres silenciadas, Jean vai reivindicar sua voz.

Resenha


Inquietante. Com essa palavra posso iniciar a resenha desse livro. Quando Vox foi apresentado no evento dos parceiros, na Bienal, fiquei impressionada com a premissa dele: as mulheres têm uma cota diárias de cem palavras 😱. Sim! Conseguem imaginar isso?

Há um ano o governo dos Estados Unidos mudou drasticamente sua política, voltando a aplicar regras retrógradas. Há um anos as mulheres foram proibidas de trabalhar, de vestir-se de maneira provocante, de estudar as mesmas disciplinas que os homens e, o principal, elas perderam a voz.

Guiados na narrativa pela Dra. Jean McClellan, protagonista dessa história,  vamos descobrir que essa mudança não foi tão repentina assim. Enquanto estudava neurolinguística, sua colega de quarto, Jackie, lutava bravamente em diversas passeatas lutando pela representatividade feminina e das minorias. Para Jean tudo era muito extremista por parte de sua colega, era impossível acreditar que tudo o que ela dizia um dia poderia se tornar realidade. Por isso ela sempre dizia: qual a necessidade de ir nessas passeatas? Qual a razão para deixar seus estudos de lado para ir votar? Para quê me preocupar com o Congresso, com seus integrantes e o que estão discutindo nas sessões?
A pior parte de tudo era que Jackie estava errada. Nós não diminuímos de 20% para 5% de mulheres no Congresso. Nos quinze anos seguintes, fomos reduzidas a praticamente zero.
Nessa última eleição chegamos até mesmo àquele objetivo impensável, e a previsão de Jackie de voltar ao início dos anos noventa parecia sólida - se a pessoa estivesse se referindo ao início da década de 1890.
P. 23
Quinze anos de perguntas desse gênero e com as mesmas respostas de Jean e de tantas outras pessoas levou à ascensão do Movimento Puro. O presidente Sam Myers e o reverendo Carl Corbin levam a população com mão de ferro. Assim, desde a eleição dele as mulheres deixaram de trabalhar e, consequentemente, Jean e sua equipe deixaram sua pesquisa sobre afasia de Wernicke, seu e-mail e linha telefônica foram cancelados, seu passaporte não foi renovado - sua filha caçula nem chegou a conseguir um, a conta bancária também foi cancelada, os livros foram confiscados, internet bloqueada, a TV só transmite os programas permitidos, não há mais shows, peças teatrais e filmes que não sejam previamente autorizados pelo governo. Câmeras foram instaladas nas residências e todas as mulheres, independente da idade, receberam contadores que devem usar nos pulsos, contando suas cem palavras diárias.

Jean é casada com Patrick, médico, que agora trabalha no governo. Juntos eles têm quatro filhos: Steven, os gêmeos Sam e Leo e a caçula, Sonia. Além de todas as outras mudanças, as escolas também tiveram suas alterações: foram separadas por gênero e as meninas deixaram de aprender as mesmas disciplinas, focando apenas no crucial para suas atividades domésticas, além de costura, culinária e afins. Com poucas palavras disponíveis, Jean percebe o quanto Sonia tem falado cada vez menos, como seu primogênito está cada vez mais envolvido pelo Movimento Puro e como ela e o marido têm se distanciado cada vez mais um do outro.
— Vou dizer como mereci o broche. Fui recrutado. Eles precisavam de voluntários da escola dos garotos para fazer rondas nas escolas das meninas e explicar umas coisas. Eu aceitei. E nos últimos três dias estive em campo demonstrando como os braceletes funcionam. Olha. — Ele levanta uma das mangas e mostra a marca de queimaduras no pulso. — A gente vai em duplas e se reveza. Assim, todas as garotas, como Sonia, sabem o que vai acontecer. — Como se quisesse me desafiar de novo, ele engole o restante do leite e lambe os lábios. — Por sinal, eu não a encorajaria a aprender a língua de sinais.
— Por que não?
Ainda estou tentando absorver o fato de que meu filho levou choques de propósito para que "garotas como Sonia saibam o que vai acontecer".
— Mãe, sinceramente... você, mais do que ninguém, deveria saber. — Sua voz assumiu o timbre de alguém muito mais velho, alguém cansado de explicar como as coisas são. — Trocar sinais é contra o propósito do que estamos tentando fazer aqui.
Claro que é.
P. 71-72
Uma situação inesperada fará com que o governo a procure e ofereça a oportunidade de voltar a falar e a trabalhar, mas será que valerá a pena? Trabalhar para um governo que não escolheu, não concorda e não aceita?

As páginas dessa história são angustiantes e perturbadoras, pois nos levam a reflexões profundas sobre nossas escolhas, sobre as consequências de delegar aos outros a escolha do nosso destino, sobre o poder que temos de mudar nossa realidade - para melhor ou pior.
— E quanto tempo você acha que vai se passar até que o reverendo Carl e suas sagradas ovelhas Puras ponham na cabeça que não são só as mulheres e os homens que foram feitos diferentes aos olhos de Deus, mas também os negros e os brancos? Você acha que os casamentos inter-raciais como o meu fazem parte do plano? Se acha, não é tão inteligente quanto eu imaginava.
Sinto que estou ficando vermelha.
— Nunca pensei nisso.
— Claro que não. Olha, não quero ser grosseira, mas vocês, mulheres brancas, só estão preocupadas com... bom... só estão preocupadas com vocês, mulheres brancas.
P. 160
Política, religião, família, poder e ciência são constantes no livro. Também há um romance, mas achei desnecessário. O que acredito ser mais importante nesse história viciante é a reflexão que ela causa no leitor. A escrita transmite tanta verdade que incomoda.

Muitos de nós estamos acomodados em nosso mundo, sem pensar nos outros, sem aproveitar a liberdade que temos de aprender, debater, ouvir, falar. Será que não deveríamos repensar?
— Eu tive que fazer, mãe. Se não fizesse, todos iriam pensar... — Ele para, e um sorriso se esgueira pelo canto da sua boca. — O mal triunfa quando homens bons não fazem nada. É o que dizem, não é?
Steven captou a essência das palavras de Burke, ainda que não as palavras exatas. Mas sei o que ele quer dizer, e assinto.
P. 187
Compre na Amazon

P.S.: Se quiser adicionar esse livro na sua lista de leitura do Skoob basta clicar na capa que você será redirecionado para a página do livro no Skoob 😉
Comentários
4
Compartilhe

2 de dez de 2018


[Resenha] Uma Dama Fora dos Padrões - Julia Quinn

Ficha Técnica 

Título: Uma Dama Fora dos Padrões
Título Original: Because of Miss Bridgerton
Autor: Julia Quinn
ISBN: 978-85-8041-875-0
Páginas: 272
Ano: 2018
Tradutor: Viviane Diniz
Editora: Arqueiro
Às vezes você encontra o amor nos lugares mais inesperados... Esta não é uma dessas vezes. Todos esperam que Billie Bridgerton se case com um dos irmãos Rokesbys. As duas famílias são vizinhas há séculos e, quando criança, a levada Billie adorava brincar com Edward e Andrew. Qualquer um deles seria um marido perfeito... algum dia. Às vezes você se apaixona exatamente pela pessoa que acha que deveria... Ou não. Há apenas um irmão Rokesby que Billie simplesmente não suporta: George. Ele até pode ser o mais velho e herdeiro do condado, mas é arrogante e irritante. Billie tem certeza de que ele também não gosta nem um pouco dela, o que é perfeitamente conveniente. Mas às vezes o destino tem um senso de humor perverso... Porque quando Billie e George são obrigados a ficar juntos num lugar inusitado, um novo tipo de faísca começa a surgir. E no momento em que esses adversários da vida inteira finalmente se beijam, descobrem que a pessoa que detestam talvez seja a mesma sem a qual não conseguem viver.

Resenha


Primeiro livro da série Os Rokesbys, Uma Dama Fora dos Padrões nos leva de volta a família que tanto amamos nos últimos anos: Os Bridgertons.

Sybilla Bridgerton cresceu livremente em Aubrey Hall, em Kent, e por muitos anos foi a única filha do visconde. Embora agora tenha Edmund e Georgiana como irmãos mais novos, sua determinação já estava muito bem fundamentada para que qualquer mudança fosse feita. Seu pai sempre a levava em suas visitas pela propriedade, assim como a mãe, quando visitava os colonos. Inteligente e sagaz, Billie, como todos a chamam, foi aprendendo muito sobre suas terras e foi assumindo o controle da administração delas, afinal, seu pai não estava ficando mais novo e, até Edmund ter idade para assumir tudo, alguém precisaria fazê-lo e o administrador de seu pai não parecia muito eficiente - sem falar que não aceitava as ordens de Billie.
Ela sempre fazia o que queria, sem se importar com as consequências. Tinha agido assim a vida inteira, geralmente arrastando metade do clã Rokesby com ela.
E, de alguma forma, todos sempre a perdoavam. Billie tinha essa coisa - não era exatamente charme, mas uma confiança louca e imprudente - que fazia as pessoas ficarem ao seu lado.
P. 21
A cinco quilômetro de Aubrey Hall moravam os Rokesby, em Crake House. Graças a amizade das matriarcas das famílias e a proximidade das propriedades, as crianças cresceram juntas, com exceção de George, filho mais velho do conde de Manston. Além da diferença de idade entre ele e o próximo irmão, o pai sempre deixava claro que, sendo o mais velho e herdeiro, ele tinha muitas responsabilidades. Também é preciso dizer que seus irmãos mais novos nasceram rapidamente em sequência e, portanto, com idades próximas, tinham muito em comum entre si e com Billie. Assim, Edward, Andrew, Mary e Billie se tornaram um quarteto inseparável.
Seria justo dizer que George Rokesby, o filho mais velho do conde de Manston e atualmente conhecido pelo mundo civilizado como o visconde de Kennard, era um cavalheiro sereno. Tinha modos calmos e firmes, uma mente implacavelmente lógica e uma maneira de estreitar os olhos que assegurava que seus pedidos fossem atendidos com grande eficiência, seus desejos concedidos com ansioso prazer, e - a parte mais importante - tudo isso de acordo com o momento que ele desejasse.
P. 19
Agora Andrew e Edward servem ao rei no exército - um na Marinha e o outro na Colônia (Estados Unidos), Mary está casada e vivendo em Sussex, os caçulas das duas famílias estão em Eton e apenas Billie, Georgiana e George continuam em Kent.

Billie não quis ter uma temporada em Londres, seu objetivo era ficar em Kent e continuar cavalgando livremente por suas terras, vestindo calças e cuidando de seus negócios. Em um desses momentos de imprudência ela acaba presa em uma situação muito complicada e contará com o apoio de ninguém menos que o confiável George Rokesby. Os dois vivem em pé de guerra desde crianças, ele a repreendendo por sua imprudência, por sempre arrastar seus irmãos em suas histórias e sempre se livrarem numa boa de tudo e ela por achá-lo prepotente e arrogante.

Essa situação fará com que George e Billie passem um tempo juntos e talvez consigam perceber as qualidades um do outro, ainda que não entendam muito bem como conseguirão achar algo positivo no outro. Além disso, o retorno de Andrew para casa com um braço quebrado será mais um sopro de diversão, pois é de sua natureza estar sempre brincando.
— Pare. — Billie fez uma careta para ele antes de voltar para George. —Precisamos de você para resolver uma questão.
— Se for para decidir quem consegue escalar uma árvore mais rápido, é você, Billie — afirmou George sem pestanejar. — Se for para saber quem atira com mais precisão, é Andrew.
— Nenhuma das duas coisas — disse Billie, franzindo ligeiramente o cenho. — Tem a ver com croquet.
— Então que Deus nos ajude — murmurou George, levantando-se e seguindo para a porta.
P. 138
Naturalmente as famílias esperam que haja no futuro a união de Billie com um dos Rokesby e ela tem certeza de que será Andrew ou Edward, mas quando vemos a interação entre ela e Andrew é visível como eles se tratam como se fossem irmãos e, ainda que não vejamos ela e Edward, tenho certeza de que deve ser do mesmo jeito, afinal cresceram brincando juntos, não veem um ao outro de forma romântica. O que não acontece na relação dela com George, que parecem finalmente estar se conhecendo. Descobrindo um ao outro e se descobrindo no processo.
Ela queria beijá-lo. Queria beijar George. Tinha chegado aos 23 anos sem querer sequer flertar com um cavalheiro e agora queria George Rokesby?
Ah, aquilo era errado. Muito, muito errado. Errado de um jeito capaz de levar ao pânico, virar o mundo de cabeça para baixo e fazer o coração parar.
P. 161
Além do romance delicioso que cresce aos poucos entre Billie e George, é maravilhoso ver nela características que vimos em seus descendentes - filhos de Edmund. A impetuosidade, a determinação, o amor pela família e ainda vemos a origem do famoso jogo Pall Mall - aqui chamado de croquet - e o Taco da Morte 😂😂😂.

A diversão é garantida, podem ter certeza e Julia ainda me deixou mega curiosa a respeito do trabalho de Andrew e Edward, que espero saber em breve 😉.

Compre na Amazon

P.S.: Se quiser adicionar esse livro na sua lista de leitura do Skoob basta clicar na capa que você será redirecionado para a página do livro no Skoob 😉
Comentários
5
Compartilhe

1 de dez de 2018


[Top Comentarista] Dezembro


Olá lindos, tudo bem??

Chegamos ao último mês do ano e com ele o nosso último Top Comentarista. Vamos lá?!



O funcionamento é muito simples, a pessoa que mais interagir no blog, obtendo o maior número de comentários dentro do período proposto (01 à 31 de dezembro) será contemplada com o exemplar do livro O Garoto Quase Atropelado, do Vinícius Grossos.

COMO PARTICIPAR?
 Seja seguidor público do blog (Google Friend Connect)
 Ser residente no Brasil ou ter um endereço de entrega no Brasil

REGRAS
 É válido somente um comentário em cada post;
 Os comentários deverão ser condizentes com o post, nesse caso a pessoa deve ler o post e comentar algo interessante sobre o que foi dito. Comentários como "Legal, Gostei Muito, Interessante" não serão considerados;
 Só serão válidos comentários feitos em posts publicados no mês de dezembro de 2018 e que não sejam de promoções (dica: observem as tags do post), como esse aqui por exemplo;
 Comentem nesse post dizendo que estão participando do Top Comentarista.

INFORMAÇÕES ADICIONAIS
 O ganhador será aquele que no final do período de 01 à 30 de dezembro tiver o maior número de comentários;
 Se houver empate entre duas ou mais pessoas, será realizado um sorteio entre elas, onde cada uma ganhará um número e o sorteio será realizado pelo Random.org;
 O ganhador será anunciado até o dia 12/01/2019 em um post aqui no blog;
 O ganhador deverá entrar em contato através do e-mail disponibilizado no CONTATO do Blog em até 48 horas com nome e endereço completos.

E vamos comentar!!!!!
Comentários
9
Compartilhe
 
imagem-logo
De Tudo um Pouquinho - Copyright © 2016 - Todos os direitos reservados.
Layout e Programação HR Criações