[Resenha] O Último Adeus - Cynthia Hand

Ficha Técnica

Título: O Último Adeus
Título Original: The Last Goodbye We Say Goodbye
Autor: Cynthia Hand
ISBN: 978-85-9454-002-7
Páginas: 352
Ano: 2016
Tradutor: Carolina Coelho
Editora: Darkside Books
32O Último Adeus é narrado em primeira pessoa por Lex, uma garota de 18 anos que começa a escrever um diário a pedido do seu terapeuta, como forma de conseguir expressar seus sentimentos retraídos. Há apenas sete semanas, Tyler, seu irmão mais novo, cometeu suicídio, e ela não consegue mais se lembrar de como é se sentir feliz. O divórcio dos seus pais, as provas para entrar na universidade, os gastos com seu carro velho. Ter que lidar com a rotina mergulhada numa apatia profunda é um desafio diário que ela não tem como evitar. E no meio desse vazio, Lex e sua mãe começam a sentir a presença do irmão. Fantasma, loucura ou apenas a saudade falando alto? Eis uma das grandes questões desse livro apaixonante. O Último Adeus é sobre o que vem depois da morte, quando todo mundo parece estar seguindo adiante com sua própria vida, menos você. Lex busca uma forma de lidar com seus sentimentos e tem apenas nós, leitores, como amigos e confidentes.

Resenha

“O Último Adeus” é um daqueles livros que você fica remoendo mesmo após terminar de lê-lo. Tratando de um tema tão delicado como o suicídio, este romance da autora Cynthia Hand é escrito de uma forma tão humana e sincera, que não há como não nos comovermos com tal relato fictício, que poderia muito bem ser verídico e fazer parte da vida de qualquer um de nós.

Lexie acaba de sofrer uma grande perda. Seu irmão mais novo, Ty, se matou com um tiro no peito. Algumas semanas após essa grande tragédia, Lex começa a ter sessões com um terapeuta, que lhe propõe começar a escrever seus sentimentos e memórias em um pequeno diário. Com dificuldade de cumprir esta tarefa, Lex vai narrando seus últimos meses, incluindo fatos importantes que aconteciam com sua família e em sua vida pessoal mais ou menos na mesma época em que Ty tirou sua vida.
Mas a página em branco boceja para mim. A caneta não parece natural na minha mão. É muito mais pesada do que o lápis. Permanente. Não existem borrachas na vida.
Eu riscaria tudo e começaria de novo.
P. 16
Enquanto sua mãe afoga sua dor na bebida, e seu pai continua ausente e indiferente perante a perda de um filho, Lex precisa manter sua cabeça no lugar, já que muito em breve precisará decidir seu futuro acadêmico. Porém, coisas estranhas começam a acontecer. No meio da noite, Lex começa a sentir o cheiro do perfume de seu irmão, e talvez, a ver o próprio. A última coisa que Lexie precisaria em sua imensa lista de problemas, era ter que lidar com um possível fantasma… ou simplesmente, realizar que está ficando louca.

Narrado por Lexie, intercalando ações do passado e do presente, “O Último Adeus” é mais um belo exemplar do selo #DarkLove da Darkside Books. As personagens são bem desenvolvidas e humanizadas, e a própria construção narrativa da obra é muito boa, pois vai construindo um mistério em torno de eventos cotidianos, sem perder por se quer um segundo, o controle do plot principal.
E é bem ali, quando minhas pálpebras começam a ficar pesadas, quando começo a partir para o espaço cinzento onde Ty não está morto, que eu sinto o cheiro.
Uma mistura de sândalo, manjericão e um toque de limão [...]
O cheiro da colônia do meu irmão.
P. 98
Apesar de abordar o suicídio, como disse anteriormente, não acho que este seja o real foco do livro. Hand opta por desenvolver uma história de superação, que obviamente, tem seus momentos obscuros e tristes. Mas, para quem lê o livro, fica bastante claro que provavelmente a ideia da autora, é a de colocar o leitor próximo das personagens: seja daquela quem está superando uma grande perda, ou da outra que está passando por um momento tão difícil que a única opção encontrada é a de se matar. 

Antes que vocês façam suposições erradas, Cynthia Hand não faz nenhuma apologia ao suicídio. Pelo contrário. Para uma pessoa que perdeu uma irmão desta forma, Cynthia sabe muito bem como e até onde pode abordar tal tema. E é sua provavél experiência e sinceridade em não criar amarras à tal delicado assunto, que faz com que seu livro seja tão fácil de digerir, mesmo que no meio do caminho possamos ficar chocados com seu conteúdo.
Existe morte ao nosso redor. Em todos os lugares para onde olhamos. 1,8 pessoa se mata a cada segundo.
P. 251
Saindo um pouquinho do enredo, quero falar da bela edição do livro. O mesmo conta com capa dura e com um marcador em tecido, e infelizmente, como alguns outros exemplares da editora, nenhum marcador em papel veio dentro (acho que fiquei mal acostumado). Além disto, todo texto é impresso em tinta azul, para dar a ideia que foi escrito com caneta esferográfica. A capa em sí não me agradou muito, acho que ela poderia ter sido melhor elaborada, apesar de que, fiz uma rápida pesquisa, e nenhuma capa internacional me pareceu a altura do livro.

No mais, “O Último Adeus” é um daqueles livros para guardar no coração. Muito bem escrito e extremamente sensível, este sem dúvidas já é um dos meus preferidos do ano. Não há restrições aqui, todos podem ler e curtir essa bela obra da Cynthia Hand, pois como disse, é muito verossímil, e acredito que todos nós podemos absorver um pouquinho de suas inúmeras, e mais sinceras, mensagens.
É engraçado como, às vezes, não vemos as coisas mais óbvias. Você acha que sabe o que a vida tem reservado para você. Acha que está preparado. Você acha que pode enfrentar. E então… bum!, como uma explosão, algo vem do nada e pega você desprevenida.
P. 273
PS: talvez vocês possam precisar de uns lencinhos durante a leitura. =p

Compare e Compre

[Seriando um Pouquinho] Love







Sinopse: Love é uma série norte-americana de comédia, foi criada por Judd Apatow, Paul Rust, e Lesley Arfin para o serviço de streaming Netflix e é estrelada por Gillian Jacobs e Rust. A série é uma visão realista dos namoros, explorando perspectivas masculina e feminina em relacionamentos românticos através dos personagens Mickey e Gus, interpretado por Jacobs e Rust, respectivamente.


Uma comédia romântica diferente, é essa a ideia principal desta serie da Netflix. Contando a história de duas pessoas meio sem jeito com o amor, a série mostra um caminho de auto conhecimento, pois não acontece toda uma melação, muitos beijos etc. A ideia é muito boa e os diálogos são bem rápidos. uma ótima opção de entretenimento para quem não curte muito comédias românticas. Com episódios curtos (aproximadamente 30 minutos), a série acabou me decepcionando, pois em muitos momentos achei enfadonho e tive a impressão de terem durado bem mais que isso.


Os protagonistas são meio deslocados sociais, desajeitados e não lidam muito bem com pessoas, pelo menos, com pessoas que não estão diretamente no seu circulo de contato mais direto (família e colegas de trabalho). Pude me lembrar do filme 500 Dias com Ela, entretanto, o personagem principal não é tão depressivo, mas tem o mesmo perfil que desacredita no amor. É mais próximo a nossa realidade e vive situações que todos nós já vivemos.


O que eu achei mais legal na série, é que como na nossa vida, o amor é uma droga, raramente acontece tudo certinho, lindinho em que todos vivem felizes para sempre. Na série, os personagens vivem momentos felizes, divertidos, mas as coisas também dão muito errado, pra ambos, quando estão juntos ou em suas vidas particulares. As relações de trabalho e pessoais são afetadas pela confusão de cada um.


Falando desse jeito, não parece uma série de comédia, se aproxima mais de um drama. Mas Love é uma série de comédia Judd Adatow consegue fazer o publico rir de maneira natural. Os atores Paul Rust (Eu te amo, Beth Cooper) e Gillian Jacobs (Community) não decepcionam nos seus papéis, inclusive, continuei assistindo a série por causa deles. Os diálogos deles e as situações que eles vivem são realmente parecidos com nossas vidas.




A primeira temporada de 10 episódios foi disponibilizada em 19 de fevereiro de 2016, e uma segunda temporada de 12 episódios estreará em 2017.


[Resenha] Onde está Elizabeth? - Emma Healey

Ficha Técnica

Título: Onde está Elizabeth?
Título Original: Elizabeth is Missing
Autor: Emma Healey
ISBN: 978-85-01-07320-4
Páginas: 306
Ano: 2016
Tradutor: Bruna Beber
Editora: Record
42Maud tem 80 anos e está ficando cada vez mais esquecida. Sua própria filha e sua casa lhe parecem irreconhecíveis, e ela escreve bilhetes para si mesma na tentativa de lembrar do cotidiano. Um dia, um dos bilhetes informa que sua amiga Elizabeth está desaparecida. Embora todos lhe assegurem que ela está bem, Maud embarca numa missão para encontrá-la. A iniciativa, no entanto, acaba se confundindo com a história de Sukey, sua irmã mais velha, desaparecida desde o fim da Segunda Guerra Mundial.

Resenha


Intrigante e angustiante. Maud é uma idosa que esquece das coisas mais básicas, como os itens que comprou recentemente no mercado. A memória dela está tão debilitada, que a protagonista escreve bilhetes para si mesma para que possa recordar das coisas. Esses bilhetes seriam fatos que ajudariam ou confundiriam Maud. Imaginem passar um dia esquecendo das coisas mais básicas até o suposto desaparecimento de alguém.


GER_SELO_PARCEIROS_2016_GERA protagonista está convencida de que a sua melhor amiga Elizabeth está desaparecida. Já tem um bom tempo, pelo menos é o que Maud diz, que não conversa com Elizabeth, seja em sua casa ou por telefone. E através dos bilhetes que escreve, Maud tem a certeza de que sua amiga desapareceu.

E no meio disso tudo está a família de Maud, filha Helen e neta Katy - que não sabem lidar com a falta de memória da protagonista -, a sua cuidadora - que também deixa bilhetes para Maud - e o filho de Elizabeth. Todos sempre muito calmos em relação ao possível desaparecimento de Elizabeth. Principalmente o filho que, aparentemente, não fazia companhia  a mãe, era disperso e incapaz de demonstrar carinho, como as memórias de Maud nos revelam.

Emma Healey, intercala os acontecimentos do presente e os acontecimentos do passado de Maud. Memórias que se passam no período da segunda guerra, onde supostamente teria acontecido outro desaparecimento que afetaria a vida de Maud. Sua irmã Sukey desapareceu sem deixar pistas do seu paradeiro, assim como Elizabeth, mas no passado a protagonista não era "refém" de uma memória falha. 

Narrado por Maud, Onde está Elizabeth? é um livro que intriga e sensibiliza o leitor? Isso ocorre porque somos guiados pela protagonista, começamos a achar que de fato existe algo errado e que as outras não estão dando o devido valor a situação. Acaba se tornando angustiante também. Será que de fato Elizabeth desapareceu? O que aconteceu com sua irmã? Interessante do livro é que não ficamos presos em apenas descobrir esses mistérios, também passamos a refletir sobre como perder a memória pode afetar tanto a vida de uma pessoa. Maud como narradora foi uma experiência, em alguns momentos, dolorosa. A protagonista sofre muito por não conseguir se recordar das coisas mais simples. Os momentos de confusão da sua mente causam uma profunda tristeza. Primeiro romance de Emma Healey, mescla mistério e questões relacionadas à demência e que o torna um livro muito bom no que se propôs a fazer.
Não ergo o olhar. Que coisa inútil, saber onde colocar os talheres. Porém, sinto como se tivesse me saído mal em um teste importante. Um pedacinho de mim se foi.
- Está muito bonito - elogia Helen, sua voz animada.
Ela anda em volta da mesa e eu a observo pelo canto dos olhos. Vejo quando ela olha para mim. Vejo que ela hesita, mas em seguida muda os lugares dos garfos e das facas. Não diz nada, Não aponta meu erro.
- Não quero botar a mesa de novo - digo.
P. 71
Compare e Compre

No escurinho do cinema #156


Olá amores, tudo bem??

Como estão?? Preparados para conhecer as estreias da semana??

A Lenda de Tarzan

Direção: David Yates
Com: Alexander Skarsgård, Margot Robbie, Christoph Waltz
Gênero: Aventura, Ação
Duração: 1h50min
País: EUA

A Lenda de Tarzan
Sinopse:Releitura da clássica lenda de Tarzan, na qual um pequeno garoto órfão é criado na selva, e mais tarde tenta se adaptar à vida entre os humanos. Na década de 30, Tarzan, aclimatado à vida em Londres em conjunto com sua esposa Jane, é chamado para retornar à selva onde passou a maior parte da sua vida onde servirá como um emissário do Parlamento Britânico.




Um Dia Perfeito

Direção: Fernando León de Aranoa
Com: Benicio Del Toro, Tim Robbins, Mélanie Thierry
Gênero: Drama, Comédia
Duração: 1h46min
País: Espanha
Um Dia Perfeito
Sinopse:Um grupo de ajuda humanitária mora há muito tempo numa região indefinida dos Bálcãs, em pleno período de guerra. Eles auxiliam o povo em suas tarefas cotidianas, enquanto funcionam de contato intermediário com as Nações Unidas. Um dia, o principal problema dos experientes Mambrú (Benicio Del Toro) e B (Tim Robbins) e da novata Sophie (Mélanie Thierry) é retirar com rapidez o cadáver jogado no único poço da cidade, para impedir que toda a água fique contaminada. Mas a situação é mais complexa do que aparenta: aos poucos, eles percebem que a retirada do corpo pode contrariar os interesses de muitas pessoas. .





Dois Caras Legais

Direção: Shane Black
Com: Ryan Gosling, Russell Crowe, Margaret Qualley
Gênero: Comédia , Policial
Duração: 1h56min
País: EUA

Dois Caras Legais
Sinopse:Na Los Angeles dos anos 1970, a filha de uma funcionária do Departamento de Justiça dos Estados Unidos é sequestrada e ela decide contratar Jackson Healy (Russell Crowe), brutamontes violento e ex-alcoólatra, para investigar o caso. O trabalho revela-se mais complicado do que o esperado e ele decide contar com a ajuda a um medroso e atrapalhado detetive particular (Ryan Gosling).



Entre Idas e Vindas

Direção: José Eduardo Belmonte
Com: Fábio Assunção, Ingrid Guimarães, Rosanne Mulholland
Gênero: Comédia
Duração: 1h40min
País: Brasila
 Entre Idas e VindasSinopse: Afonso (Fábio Assunção) é um professor universitário separado, que vive com o filho Benedito (João Assunção). Um dia, eles resolvem fazer uma viagem juntos, mas enfrentam problemas quando o carro deles quebra. Eles são ajudados por quatro operadoras de telemarketing muito bonitas, que os levam de volta a São Paulo. Só que Afonso acaba se apaixonando pela líder delas, Amanda (Ingrid Guimarães).





Chocolate

Direção: Roschdy Zem
Com: Omar Sy, James Thiérrée, Thibault de Montalembert
Gênero: Biografia, Drama
Duração: 2h00min
País: França

Chocolate
Sinopse:O jovem negro Rafael Padilha (Omar Sy) nasceu em Cuba em 1868 e foi vendido quando ainda era criança. Anos depois ele consegue fugir e é encontrado nas docas por um palhaço que o coloca nas suas apresentações. Em seguida, Padilha passa a ser conhecido como Chocolat, tornando-se o primeiro artista circense negro na França, um grande sucesso no final do século XIX.




E aí, decidiram o que vão assistir????  

[Resenha] A Última Carta de Amor - Jojo Moyes

Ficha Técnica

Título: A última carta de amor  
Título Original: The last letter from your lover
Autor: Jojo Moyes
ISBN: 978-85-8057-957-4 
Páginas: 378
Ano: 2016
Tradutor: Adalgisa Campos da Silva
Editora: Intrínseca  
44Londres, 1960. Ao acordar em um hospital após um acidente de carro, Jennifer Stirling não consegue se lembrar de nada. De volta a casa com o marido, ela tenta, em vão, recuperar a memória de sua antiga vida. Por mais que todos à sua volta pareçam atenciosos e amáveis, Jennifer sente que alguma coisa está faltando. É então que ela descobre uma série de cartas de amor escondidas, endereçadas a ela e assinadas apenas por "B", e percebe que não só estava vivendo um romance fora do casamento, como também parecia disposta a arriscar tudo para ficar com seu amante. Quatro décadas depois, a jornalista Ellie Haworth encontra uma dessas cartas endereçadas a Jennifer durante uma pesquisa nos arquivos do jornal em que trabalha. Obcecada pela ideia de reunir os protagonistas desse amor proibido em parte por estar ela mesma envolvida com um homem casado, Ellie começa a procurar por "B", e nem desconfia que, ao fazer isso, talvez encontre uma solução para os problemas do próprio relacionamento. Com personagens realisticamente complexos e uma trama bem-elaborada, A Última Carta de Amor entrelaça as histórias de paixão, adultério e perda de Ellie e Jennifer. Um livro comovente e irremediavelmente romântico.

Resenha

Uma sensibilidade misturada a superação. A última carta de amor foi o primeiro livro de Jojo Moyes publicado pela Intrínseca e foi relançado esse ano com uma capa nova e tão linda quanto a anterior. O livro nos apresenta duas histórias que se cruzam a partir de uma carta, todo o desenrolar dessa trama se dá por conta disso. Ellie e Jennifer, duas mulheres de épocas completamente diferentes e com um problema em comum.



SELO_BLOGSPARCEIROS_2016Ellie Haworth é uma jornalista bem sucedida, tem os seus melhores amigos que ela sempre recorre em momentos de alegria e tristeza - mesmo que eles não concordem com todas as decisões tomadas por ela - e existe um homem por quem ela é apaixonada. Até aí seria tudo muito normal, uma mulher independente e que está emocionalmente envolvida por alguém, contudo, esse alguém é casado e tornou Ellie refém desse "amor". Quando se pensa em amor não se imagina que alguma das pessoas envolvidas seja refém da outra. Isso não combina com esse sentimento, mas Ellie vive prisioneira de um homem que não tem pretensão alguma de separar de sua esposa.

Vivendo um relacionamento, esse "amor" proibido há um ano, Ellie acredita de todo o seu coração que algum momento poderá ter a sua chance de construir algo com John. Ellie é cega de amor por John, mesmo que ela tem lampejos de que a sua situação não é adequada e que John não a trata como deveria, ela escolhe se enganar e passar por cima de coisas que só trazem infelicidade para ela. É como se ela estivesse "viciada" num relacionamento que está claramente fadado ao fracasso e que já começou errado. John é um homem egoísta, não tenho como descrevê-lo de outra forma. Ele é egoísta com a sua mulher que dedica grande parte do seu tempo aos filhos, atenção que antes era dada apenas para ele e é egoísta com Ellie porque a mantem em uma prisão emocional para satisfazer os seus desejos. 

Em uma reunião de pauta sobre o comportamento das mulheres há quarenta anos e o comportamento hoje, Ellie foi enviada para os arquivos do jornal com a missão de encontrar algo que a pudesse ajudar na realização da matéria e a nossa protagonista encontra uma carta de um homem que assinava como "B" para uma mulher chamada Jennifer. Pelo conteúdo presente na carta, Ellie chegou a conclusão que eles não ficaram juntos e decidiu que precisava reunir esse casal "proibido". Ela acabou vendo nesse casal de uma época diferente da sua, a mesma situação que vive atualmente. Impedida de viver uma história de amor por causa de outro alguém. 

Após a descoberta dessa carta nos arquivos, o leitor é apresentado a Jennifer Stirling. Viveu quatro décadas antes de Ellie e onde tudo era mais complicado - e atualmente ainda é - para as mulheres. Antes do acidente de carro que deixou Jennifer sem memória, ela vivia um relacionamento extraconjugal com "B" e estava disposta a deixar toda a sua vida de conforto e de aparência com seu marido para continuar esse amor. A história de Jennifer é sofrida, ela não lembra de nada e precisa conviver com um homem que ela não é apaixonada - já não era antes do acidente - e fingir que está tudo bem. 

O livro é dividido em três partes, sendo que as duas partes contam toda a história de Jennifer e a última de Ellie em que a jornalista começa a repensar a sua relação com John. Será que vale a pena continuar algo que não parece ter futuro e que te machuca? As histórias dessas duas mulheres se cruzam em um momento que Ellie precisava de algo ou alguém que  fizesse voltar para o "mundo real". Ela vivia um sonho que estava longe de acontecer porque John era um acomodado egoísta e gostava da sensação de estar com o controle da situação. A história de Jennifer ajuda Ellie a perceber que quando se ama de verdade, mesmo que você não fique com aquela pessoa por diversos motivos, é necessária uma entrega e acima de tudo respeito. Gostei muito de A última carta de amor, Jojo Moyes acertou o ponto do drama mesclado com o romance e não ficou forçado. Me pareceu uma história possível, real. Livro mais do que recomendado.
Você é a forte de nós dois, a que é capaz de suportar conviver com a possibilidade de um amor como este, e com o fato de que ele jamais nos será permitido.
P. 210
Compare e Compre

[Playlist] Talvez um Dia


E aí galera, tudo bem??

Como falei na resenha de “Talvez um Dia”, o livro conta com letras de músicas que ganharam vida através do músico Griffin Petterson, e foram confeccionadas especialmente para enriquecer a obra de Colleen Hoover.

Um site foi criado, onde todas essas músicas podem ser encontradas na ordem que aparecem no livro. Com arranjos feitos em sua maioria no violão, as músicas possuem um instrumental simplório, deixando o destaque principal para a letra em si.

Para quem gosta de músicas mais voltadas para o acústico, acho que vocês poderão encontrar uma ou outra canção que lhe agradem nesta Playlist de “Talvez um Dia”.

Confira:

Living a Lie




Something




A Little Bit More




Maybe Someday




I’m in Trouble




It’s You




Hold on to You




 Let It Begin




Minhas preferidas são Maybe Someday e Hold on to You, e a de vocês?!

[Novidades Literárias] Julho


Olá galerinha, tudo bem?

Mais um mês que vem trazendo mais vários livros para nos deixar alucinados de vontade de tê-los, não é verdade?! Confiram alguns livros que chegam às livrarias esse mês, e não esqueçam, para adicioná-los na sua lista do Skoob, basta clicar na capa do livro aqui no post.

Charme


Título: Zane
Autor: Patrícia Rossi
Zane Hudson. Motoqueiro. Músico. Tatuado. Quinn Armentrouth. Alta sociedade, luxo, glamour. Tudo no mundo para separá-los. Ele sabe o que é abandono. Ela já foi traída. Uma ex perseguidora. Um ex que não aceita perder. Eles pertencem a mundos diferentes. Mas nem por isso a química entre eles é menor. A atração é explosiva, instantânea. Uma mãe que abandona... Outra que repreende. Percalços. Sexo, romance... amor. Essa paixão seria forte o suficiente para mantê-los unidos?

DarkSide® Books


Título: Evangelho de Sangue
Autor: Clive Barker
Clive Barker retorna à sua poderosa voz narrativa em grande estilo. Evangelho de Sangue é o sombrio, sangrento e brutal épico do terror, narrado pelo mestre inquestionável do gênero, e ansiosamente aguardado pelos fãs. Evangelho de Sangue oferece uma junção clara dentro do universo de Barker. Os leitores mais atentos já perceberam que as histórias dele se passam em um mesmo universo, mas, agora, o mundo de Hellraiser é explicitamente unido ao do detetive Harry D’Amour – que aparece em outras histórias do autor, como o conto “The Last Illusion”, presente no sexto volume dos Livros de Sangue, e no romance Everville. D’Amour, que se dedica a investigar casos sobrenaturais, mágicos e malignos, vem encarando seus demônios pessoais há anos. Quando ele se depara com uma Caixa das Lamentações, seus demônios internos são substituídos por demônios de verdade, conforme ele se vê enredado em um terrível jogo de gato e rato, absolutamente complexo, sangrento e perturbador. Evangelho de Sangue reconduz os leitores ao tempo marcado por dois de seus mais icônicos personagens, que conduzem a história em uma batalha entre o bem e o mal tão antiga quanto o tempo, onde o autor conecta a mitologia de Hellraiser ao Inferno bíblico.

Título: Confissões do Crematório
Autor: Caitlin Doughty
Ainda jovem, Caitlin conseguiu emprego em um crematório na Califórnia e aprendeu muito mais do que imaginava barbeando cadáveres e preparando corpos para a incineração. A exposição constante à morte mudou completamente sua forma de encarar a vida e a levou a escrever um livro diferente de tudo o que você já leu sobre o assunto. CONFISSÕES DO CREMATÓRIO reúne histórias reais do dia a dia de uma casa funerária, inúmeras curiosidades e fatos históricos, mitológicos e filosóficos. Tudo, é claro, com uma boa dose de humor. Enquanto varre as cinzas das máquinas de incineração ou explica com o que um crânio em chamas se parece, ela desmistifica a morte para si e para seus leitores. O livro de Caitlin – criadora da web série Ask a Mortician – levanta a cortina preta que nos separa dos bastidores dos funerais e nos faz refletir sobre a vida e a morte de maneira honesta, inteligente e despretensiosa – exatamente como deve ser. Como a autora ressalta na nota que abre o livro, “a ignorância não é uma benção, é apenas uma forma profunda de terror”.

Intrínseca


Título: Belgravia
Autor: Julian Fellowes
Uma nova saga histórica, fascinante e irresistível, repleta de segredos e escândalos. Ambientada nos anos 1840, quando os altos escalões da sociedade londrina começam a conviver com a classe industrial emergente, e com um riquíssimo rol de personagens, a saga de Belgravia tem início na véspera da Batalha de Waterloo, em junho de 1815, no lendário baile oferecido em Bruxelas pela duquesa de Richmond em homenagem ao duque de Wellington. Pouco antes de uma da manhã, os convidados são surpreendidos pela notícia de que Napoleão invadiu o país. O duque de Wellington precisa partir imediatamente com suas tropas. Muitos morrerão no campo de batalha ainda vestidos com os uniformes de gala. No baile estão James e Anne Trenchard, um casal que fez fortuna com o comércio. Sua bela filha, Sophia, encanta os olhos de Edmund Bellasis, o herdeiro de uma das famílias mais proeminentes da Bretanha. Um único acontecimento nessa noite afetará drasticamente a vida de todos os envolvidos. Passados vinte e cinco anos, quando as duas famílias estão instaladas no recente bairro de Belgravia, as consequências daquele terrível episódio ainda são marcantes, e ficarão cada vez mais enredadas na intrincada teia de fofocas e intrigas que fervilham no interior das mansões da Belgrave Square.

Título: O Tigre
Autor: John Vaillant
É dezembro de 1997, e um tigre devorador de gente espreita um vilarejo afastado no Extremo Oriente russo. A fera não apenas mata pessoas, ela as aniquila, devora por inteiro. Por isso um grupo de homens com cães de caça é enviado para persegui-la pela floresta densa e gélida. À medida que analisam os parcos restos mortais das vítimas do tigre, os rastreadores percebem algo impensável: os ataques não são aleatórios; fazem parte de uma vingança. Machucada, faminta e perigosíssima, a fera precisa ser detida antes que mais uma tragédia aconteça. Escrito com maestria e muito bem embasado, O tigre recria os eventos acima descritos ao mesmo tempo em que traça um impressionante panorama de uma paisagem inóspita e gelada e de seus habitantes, que, assolados pela pobreza do pós-perestroika, recorrem à caça ilegal para sobreviver, quebrando o equilíbrio natural que por milênios, antes da colonização europeia, do desflorestamento e da matança sistemática dos animais, permitiu que humanos e tigres coexistissem no mesmo território. A destreza e o talento de John Vaillant ao descrever o ameaçador tigre-siberiano, superpredador inteligentíssimo capaz de percorrer vastas extensões de florestas e montanhas, são magnetizantes. Uma narrativa envolvente sobre o embate homem versus natureza, com um desfecho apavorante no cenário extremo da taiga siberiana.

Título: O navio das noivas
Autor: Jojo Moyes
Austrália, 1946. É terminada a Segunda Guerra Mundial, chega o momento de retomar a vida e apostar novamente no amor. Mais de seiscentas mulheres embarcam em um navio com destino a Inglaterra para encontrar os soldados ingleses com quem se casaram durante o conflito. Em Sydney, Austrália, quatro mulheres com personalidades fortes embarcam em uma extraordinária viagem a bordo do HMS Victoria, um porta-aviões que as levará, junto de outras noivas, armas, aeronaves e mil oficiais da Marinha, até a distante Inglaterra. As regras no navio são rígidas, mas o destino que reuniu todos ali, homens e mulheres atravessando mares, será implacável ao entrelaçar e modificar para sempre suas vidas. Enquanto desbravam oceanos, os antigos amores e as promessas do passado parecem memórias distantes. Ao longo da viagem de seis semanas — apesar de permeada por medos, incertezas e esperanças — amizades são formadas, mistérios são revelados, destinos são selados e o felizes para sempre de outrora não é mais a garantia do futuro que foi planejado. Com personagens únicas e uma narrativa tocante, Jojo Moyes conta uma história inesquecível que captura perfeitamente o espírito romântico e de aventura desse período da História, destacando a bravura de inúmeras mulheres que arriscaram tudo em busca de um sonho.

Título: O Adulto
Autor: Gillian Flynn
Uma jovem ganha a vida praticando pequenas fraudes. Seu principal talento é a capacidade de dizer às pessoas exatamente o que elas querem ouvir, e sua mais recente ocupação consiste em se passar por vidente, oferecendo o serviço de leitura de aura para donas de casa ricas e tristes. Certo dia, ela atende Susan Burkes, que se mudou há pouco tempo para a cidade com o marido, o filho pequeno e o enteado adolescente. Experiente observadora do comportamento humano, a falsa sensitiva logo enxerga em Susan uma mulher desesperada por injetar um pouco de emoção em sua vida monótona e planeja tirar vantagem da situação. No entanto, quando visita a impressionante mansão dos Burke, que Susan acredita ser a causa de seus problemas, e se depara com acontecimentos aterrorizantes, a jovem se convence de que há algo tenebroso à espreita. Agora, ela precisa descobrir onde o mal se esconde, e como escapar dele. Se é que há alguma chance. Em seu estilo inconfundível que arrebatou milhares de fãs, Gillian Flynn traça surpreendentes e intrigantes perfis psicológicos dos personagens e tece uma narrativa repleta de suspense ao mesmo tempo em que brinca com elementos clássicos do sobrenatural.

Título: O dia da morte de Denton Little
Autor: Lance Rubin
O que você faria se só lhe restasse um dia? Denton Little sabe que dia vai morrer. É uma triste prerrogativa oferecida pelo governo: sempre que uma criança nasce, uma série de cálculos e exames é aplicada para definir o dia exato em que ela vai morrer. O dia de Denton é amanhã. O jovem de dezessete anos tinha um plano bem definido para seus últimos momentos: um café da manhã com muito bacon, uma corridinha para espairecer, uma maratona de filmes com o melhor amigo e finalmente perder a virgindade com a namorada. Só que nada sai como o esperado. Na véspera de sua morte, Denton acorda numa cama que não é a sua e com uma garota que não é a sua namorada. E esse foi só o começo dos acontecimentos bizarros e surpreendentes. Até seu último adeus, ele ainda terá que enfrentar crises de ciúme, triângulos amorosos, ressacas monumentais, manchas estranhas se espalhando pelo corpo e revelações surpreendentes sobre sua mãe, já morta. Divertido, sarcástico e sensível, O dia da morte de Denton Little é uma história sobre amor, morte, amizade, escolhas e, principalmente, sobre encontrar respostas para perguntas que nem imaginávamos que nos faríamos um dia.

Título: Pó de Lua nas noites em claro
Autor: Clarice Freire
Quando a noite fica mais escura e as ruas se calam, a maior parte das pessoas dorme e sonha. Algumas, porém, preferem o silêncio para sonhar acordadas. Clarice Freire, autora do best-seller Pó de lua, faz parte desse grupo. É nessa hora que costuma criar suas poesias e seus desenhos. Em seu segundo livro, Pó de lua nas noites em claro, ela vira a madrugada ao avesso em palavras e imagens, dedicando uma hora a cada capítulo, da meia-noite ao amanhecer. Além dos versos que conquistam o público desde 2013, quando foi criada a página Pó de lua no Facebook, Clarice alterna passagens em prosa e poesia, acompanhando sua personagem durante um longo e mágico passeio pela cidade quase deserta. Com um humor delicado e muita sensibilidade, a autora desvenda a angústia e a alegria daqueles que preferem a noite ao dia. Sua personagem insone se rende ao desejo de sair da cama e andar pelas ruas em busca de si mesma. Descobre que não está sozinha. Os sentimentos e as lembranças ganham vida, e ela esbarra em personagens como um homem que vaga por viadutos, um vigia noturno e até um misterioso carteiro que lhe entrega correspondências às três da manhã. Com lápis de cor e tinta nanquim, Clarice ilumina a escuridão e continua fiel à missão de Pó de lua: diminuir a gravidade das coisas.

Título: O demônio na Cidade Branca
Autor: Erik Larson
Assassinato, magia e loucura na feira que transformou os Estados Unidos. No final do século XIX os Estados Unidos eram uma nação jovem e orgulhosa, ávida por afirmar seu lugar entre as maiores potências mundiais. Nesse contexto, a Feira de Chicago de 1893 teve papel fundamental: com o objetivo de apresentar a maior e mais impressionante exposição de inovações científicas e tecnológicas já idealizada, coube ao arquiteto Daniel Burnham, famoso por projetar alguns dos edifícios mais conhecidos do mundo, a difícil tarefa de transformar uma área desolada em um lugar de magnífica beleza: a Cidade Branca. Reunindo as mais importantes mentes da época, Burnham enfrentou o mau clima, tragédias e o tempo escasso para construir a enorme estrutura da feira. A poucas quadras dali, outro homem igualmente determinado, H. H. Holmes, estava às voltas com mais uma obra grandiosa, um prédio estranho e complexo. Nomeado Hotel da Feira Mundial, o lugar era na verdade um palácio de tortura, para o qual Holmes atraiu dezenas, talvez centenas de pessoas. Autor de crimes inimagináveis, ele ficou conhecido como possivelmente o primeiro serial killer da história americana. Separados, os feitos de Burnham e Holmes são fascinantes por si só. Examinadas juntas, porém, suas histórias se tornam ainda mais impressionantes e oferecem uma poderosa metáfora das forças opostas que fizeram do século XX ao mesmo tempo um período de avanços monumentais e de crueldades imensuráveis. Combinando uma pesquisa meticulosa com a narrativa envolvente que lhe é característica, Erik Larson escreveu um suspense arrebatador, que se torna ainda mais assustador por retratar acontecimentos reais.

Título: Faca de Água
Autor: Paolo Bacigalupi
Num futuro árido e tumultuado, em que a água ganhou o status de commodity mais valiosa, o direito de uso das fontes e dos rios é alvo de disputas ferrenhas. Uma guerra entre governos, órgãos públicos e empresários, na qual vale tudo. Enquanto advogados e burocratas armam-se com infinitos processos judiciais, mercenários e militares subjugam proprietários de terra, implodem estações de tratamento e interrompem o abastecimento de regiões inteiras. Nesse cenário surge Angel, um faca de água, um dos muitos mercenários com a missão de cortar e desviar o fornecimento de água a mando de quem paga mais. Lucy é uma jornalista premiada que decidiu revelar para o mundo a realidade da Grande Seca. Maria é uma jovem cuja vida foi destruída pelos efeitos das mudanças climáticas. Quando o direito de usar a água significa dinheiro para alguns e sobrevivência para outros, o que esses três personagens não sabem é que seu encontro é um marco que poderá mudar tudo. Um novo fiel da balança que sempre pendeu para o mesmo lado. Futurista, mas nada improvável, Faca de Água é um thriller que perpassa por questões econômicas, ambientais e éticas numa narrativa que extrapola o gênero, daquelas que se lê de uma tacada só e depois leva-se um longo tempo assimilando.

Título: Pax
Autor: Sara Pennypacker
Peter e sua raposa são inseparáveis desde que ele a resgatou, órfã, ainda filhote. Um dia, o inimaginável acontece: o pai do menino vai servir na guerra, e o obriga a devolver Pax à natureza. Ao chegar à distante casa do avô, onde passará a morar, Peter reconhece que não está onde deveria: seu verdadeiro lugar é ao lado de Pax. Movido por amor, lealdade e culpa, ele parte em uma jornada solitária de quase quinhentos quilômetros para reencontrar sua raposa, apesar da guerra que se aproxima. Enquanto isso, mesmo sem desistir de esperar por seu menino, Pax embarca em suas próprias aventuras e descobertas. Alternando perspectivas para mostrar os caminhos paralelos dos dois personagens centrais, Pax expõe o desenvolvimento do menino em sua tentativa de enfrentar a ferocidade herdada pelo pai, enquanto a raposa, domesticada, segue o caminho contrário, de explorar sua natureza selvagem. Um romance atemporal e para todas as idades, que aborda relações familiares, a relação do homem com o ambiente e os perigos que carregamos dentro de nós mesmos. Pax emociona o leitor desde a primeira página. Um mundo repleto de sentimentos em que natureza e humanidade se encontram numa história que celebra a lealdade e o amor.

Arqueiro 


Título: O Eterno Namorado
Autor: Nora Roberts

Tudo o que acontece na vida de Owen Montgomery é meticulosamente organizado em uma planilha ou lista de tarefas. No trabalho não é diferente, e é graças a sua obsessão por ordem que a Pousada Boonsboro está prestes a ser inaugurada – dentro do cronograma. A única coisa que Owen jamais previu foi o efeito que Avery MacTavish teria sobre ele. A proprietária da pizzaria em frente à pousada sempre foi amiga da família e agora, enquanto vê em primeira mão a fantástica reforma pela qual o lugar está passando, também observa a mudança gradativa de seus sentimentos por Owen. Os dois foram namorados de infância, e desde então tinham estado bem distantes dos pensamentos um do outro. O desejo que começa a surgir entre eles, porém, não tem nada de inocente e é impossível de ignorar. Enquanto Owen e Avery decidem se render à paixão e levar seu relacionamento a um nível mais sério, a inauguração da pousada se aproxima e dá a toda a cidade um motivo para comemorar. Mas quando os traumas do passado de Avery batem à porta e a impedem de se entregar, Owen sabe que seu trabalho está longe de terminar. Agora ele precisa convencê-la a baixar a guarda e perceber que aquele que foi seu primeiro amor pode também ser seu eterno namorado.

Título: Para Sempre Minha
Autor: Abbi Glines
Alguns dos jovens de Rosemary Beach consideram Tripp Newark um herói. Há oito anos, ele abandonou uma vida meticulosamente planejada pelos pais para conquistar a independência. Pilotando sua Harley, Tripp desapareceu da cidade para viajar pelo mundo. E essa decisão o fez perder muito mais do que os milhões que herdaria. Bethy Lowry está vivendo o pior momento de sua vida. Há um ano e meio, Jace, seu namorado, morreu afogado ao salvá-la de uma forte correnteza. Sofrendo um período turbulento e ainda consumida pela culpa, ela vive sua rotina de maneira automática, com a certeza de que nunca mais voltará a amar. No entanto, sua vida está prestes a mudar. Quando tinha apenas 16 anos, Bethy teve um tórrido romance com Tripp, que é primo de Jace. Esse segredo continuaria enterrado para sempre se não fosse por um detalhe: Tripp Newark está de volta e determinado a reconquistá-la. Na série Perfeição, você conheceu o anjo da guarda de Della e sentiu a dor da perda de Bethy. Agora, Abbi Glines reúne esse surpreendente casal para mostrar que nunca é tarde demais para reviver uma paixão.

Título: Pecados no Inverno
Autor: Lisa Kleypas
Do quarteto de amigas, Evangeline Jenner é certamente a mais tímida. E se tornará a mais rica quando receber a herança de seu pai, acamado com tuberculose. Mas Evie não se importa com o dinheiro. Tudo o que deseja é estar ao lado do pai em seus últimos dias. Porém isso só será possível se ela puder escapar da casa dos tios que a criaram. E, para isso, sua única alternativa é casar-se – e rápido. Assim, ela foge no meio da noite para a casa do devasso lorde St. Vincent e lhe propõe casamento em troca de poder cuidar do pai. Para um aristocrata que precisa de dinheiro, essa é uma excelente proposta. Afinal, é difícil conquistar uma moça rica e solteira quando se tem a reputação de Sebastian – trinta segundos a sós com ele arruinariam o bom nome de qualquer donzela. Mas há uma condição na proposta de Evie: uma vez consumado o casamento, eles nunca mais dormirão juntos. Ela não será mais uma mulher descartada por ele com o coração partido. Se Sebastian realmente a deseja em sua cama, terá que se esforçar mais em sua sedução... ou entregar seu coração pela primeira vez na vida. Neste terceiro livro da série As Quatro Estações do Amor, Lisa Kleypas nos apresenta o relacionamento de duas pessoas muito diferentes, mas igualmente obstinadas. E dessa relação tão peculiar pode nascer um desejo impossível de conter e um sentimento forte demais para esconder. Quem disse que os cafajestes não podem amar?

Título: Longa e Sombria Hora do Chá da Alma
Autor: Douglas Adams
Kate Schechter devia ter prestado atenção aos avisos que o universo tentava lhe dar. No aeroporto de Heathrow, prestes a embarcar para a Noruega, a americana pensa em todos os sinais que lhe diziam para não fazer aquela viagem. Ainda assim, ela não está nem um pouco preparada para a explosão do balcão de check-in, que destrói parte do terminal. Enquanto isso, no norte de Londres, o detetive Dirk Gently está no fundo do poço: sem dinheiro, vive de bicos como quiromante numa tendinha. Refletindo sobre seu fracasso, ele lembra de repente que, na verdade, tem um cliente e está absurdamente atrasado para o encontro aquela manhã. Porém, o investigador chega tarde demais. Sentindo-se culpado pela sina do homem, ele resolve mais uma vez fazer uso da interconexão de todas as coisas e vê uma ligação do seu caso com os estranhos eventos no aeroporto. Abrindo caminho em meio aos elementos mais absurdos, Dirk se depara com uma máquina de refrigerante que aparece nos lugares mais improváveis, uma águia hostil que insiste em atacá-lo, um hospital sinistro para casos exóticos, horóscopos insultuosos e uma calculadora de I Ching. Neste delicioso livro que dá continuação à série de Dirk Gently, o leitor se surpreenderá ao observar como todas as peças do quebra-cabeça se encaixam para formar uma trama genial e hilária.

Título: Apenas Um Garoto
Autor: Bill Konigsberg
Rafe saiu do armário aos 13 anos e nunca sofreu bullying. Mas está cansado de ser rotulado como o garoto gay, o porta-voz de uma causa. Por isso ele decide entrar numa escola só para meninos em outro estado e manter sua orientação sexual em segredo: não com o objetivo de voltar para o armário e sim para nascer de novo, como uma folha em branco. O plano funciona no início, e ele chega até a fazer parte do grupo dos atletas e do time de futebol. Mas as coisas se complicam quando ele percebe que está se apaixonando por um de seus novos amigos héteros.

Título: Veneno
Autor: Mia Sheridan
Grace Hamilton tem 23 anos e é estudante de direito. Após as dificuldades enfrentadas na infância, ela faz de tudo para não decepcionar o pai, segue todas as regras, é dedicada e cheia de planos. Porém, após viajar para uma conferência de direito em Las Vegas e conhecer Carson Stinger, ela começa a repensar a vida. Sexy e impulsivo, Carson é um ator que gosta de curtir o momento e nunca se apegou a ninguém. Mas isso muda quando seu caminho cruza com o de Grace, uma universitária certinha e diferente de todas as mulheres que ele já conheceu. Ao longo de um fim de semana inesquecível, eles superam os próprios preconceitos e se entregam ao desejo. Pela primeira vez na vida, Grace se permite quebrar as regras e Carson se deixa envolver de verdade. Quando se despedem, nenhum dos dois é mais o mesmo, mas ambos têm certeza de que jamais voltarão a se ver. Contudo, anos depois eles estão de novo frente a frente: ele, apoiando o amigo acusado de homicídio; ela, sendo a promotora encarregada do caso. Mais uma vez a chama da paixão se acende em Carson e Grace e as circunstâncias parecem afastá-los. Se a vida nem sempre pode ser planejada, será que o acaso conseguirá ajudá-los a ficar juntos?

Sextante


Título: No Meio do Caminho Tinha Um Amor
Autor: Matheus Rocha
'Eu achava que o amor existia, mas não era pra mim. Você foi a prova que eu estive errado por muito tempo!' – Matheus Rocha. Às vezes, a gente insiste em viver um relacionamento que já chegou ao final faz tempo. Tentamos resistir, fazer de tudo para durar mais, lutando para trazer de volta os momentos mágicos do início. Mas, quando o amor acaba, no lugar do conforto e do carinho que existiam só restam feridas que vão doer por um bom tempo e deixar cicatrizes que não desaparecerão. Porque o amor nem sempre é para sempre. Com o fim vem a tristeza, a saudade, a mágoa, o desespero e a vontade de nunca mais sentir aquela dor. Aí fechamos as portas ao perigo de sermos machucados outra vez, mas também à chance de sermos amados de novo. Um belo dia, quando as lágrimas já secaram e nos esquecemos do desconforto, com muito cuidado abrimos uma fresta só para ver a vida lá fora. E, assim como um raio de sol que entra por qualquer brecha, de repente uma vontade de recomeçar nos invade e tudo volta a fazer sentido. E, sem nem saber como, no meio do caminho avistamos novamente o amor – e a certeza de um novo começo!

Título: Conselhos para um jovem príncipe
Autor: Príncipe Alexi Lubomirski
Filho de mãe peruana e pai polonês, Alexi Lubomirski cresceu em Botsuana e na Inglaterra. Aos 11 anos, ficou sabendo de sua herança ancestral e sua linhagem aristocrática polonesa. Descobriu que era um príncipe de verdade. Mas o que significa ser um príncipe nos dias de hoje? Para Alexi, a nobreza é mais que um título: é um estado de espírito, um conjunto de atitudes, um estilo de vida baseado na verdade, na integridade e na generosidade. Escrito originalmente como um presente de aniversário para seu primogênito, Conselhos para um jovem príncipe reúne ensinamentos universais e atemporais sobre diversos assuntos, do romance à espiritualidade, passando por boas maneiras e cavalheirismo, amor, equilíbrio e liderança.

Título: A Vida Ama Você
Autor: Louise Hay e Robert Holden
“A vida ama você” é uma das afirmações mais conhecidas e queridas da Louise Hay. Junto com seu amigo e também autor Robert Holden, o livro explora todas as dimensões contidas nessa verdade de que a vida não é somente algo que acontece com você, mas para você. Em uma série de conversas profundas, os autores exploram temas como o poder do amor, a benevolência da realidade, o universe amistoso, e sentimentos universais como a gratidão e o medo.

Título: Eu sou as escolhas que faço
Autor: Elle Luna
Há dois caminhos na vida: o caminho da segurança e o da paixão. Sempre encontramos essa encruzilhada. E, todos os dias, fazemos uma escolha. Que escolha você tem feito? Cada um de nós tem um potencial único que nos foi dado ao nascer, mas se vamos cultivá-lo ou não depende apenas de nós mesmos. Em seu sentido mais puro, a paixão é a razão por estarmos aqui escolher segui-la é a jornada mais importante da nossa vida.

Verus


Título: Garota Online em Turnê
Autor: Zoe Sugg
Penny está de malas prontas! Quando Noah a convida para acompanhá-lo em sua turnê pela Europa, ela mal pode esperar para passar semanas na companhia de seu fantástico namorado roqueiro. Mas, entre a agenda cheia de Noah, seus companheiros de banda não tão amigáveis e mensagens ameaçadoras de fãs invejosas, Penny começa a se perguntar se foi feita para a vida em turnê. Ela sente muita falta da família, de seu melhor amigo, Elliot... E de seu blog, o “Garota Online”. Será que Penny vai aprender a equilibrar vida, amor, amizade, planos para o futuro — tudo isso com os pés na estrada —, ou vai pôr tudo a perder nas férias de verão mais emocionantes e imprevisíveis da sua vida?

Título: Diário de uma garota nada popular #10
Autor: Rachel Renée Russell
Nikki e seus amigos Brandon, Chloe e Zoey estão juntos em uma importante missão no décimo livro da série Diário de uma Garota Nada Popular. Ela precisa esconder sete adoráveis filhotinhos de cachorro de seus pais, de sua irmãzinha intrometida, de toda a escola e... de uma garota malvada pronta para a vingança: MacKenzie Hollister. Se alguém pode cumprir essa missão, é a Nikki... mas não sem alguns desafios hilários no caminho!

Galera Record


Título: Lembrança
Autor: Meg Cabot
"Meg Cabot retorna com uma divertida e sexy continuação da saga de Suzannah Simon, a menina que via fantasmas... e os ajudava a passar para a luz Agora, mais velha e experiente, tudo que Suze quer é causar uma boa impressão no primeiro emprego desde sua formatura — e desde o noivado com o Dr. Jesse de Silva, ex-espírito e sua alma gêmea. Como não bastasse, um fantasma de seu passado resolve aparecer. E esse não é um espectro que ela possa mediar. Afinal, Paul Slater está bem vivo, milionário e, ainda por cima, é o novo proprietário da antiga casa de Suzannah. Aquela na qual conheceu Jesse. Isso não seria um problema se ela não tivesse acabado de descobrir que uma antiga maldição poderá transformar seu amado num demônio, caso seu antigo local de descanso seja demolido, como Paul pretende. Agora ela precisa dar um jeito em Paul, que a está chantageando sexualmente — isso mesmo... ou ela dorme com ele, ou perde Jesse —, enquanto tenta ajudar uma caloura assombrada por uma menininha muito poderosa... "


Título: A Revolução do Carrasco
Autor: Eoin Colfer
O segundo volume da série Prata, do mesmo autor da saga Artemis Fowl. O jovem agente do FBI, Chevie Savano volta à Londres contemporânea após uma viagem pela era vitoriana e encontra as coisas bem diferentes. A Europa está sendo governada por um movimento fascista conhecido como Boxita, que controla todo o território através do terror e da intimidação. As memórias de Chevie retornam fragmentadas, e, na medida que ela aprende sobre o programa do professor Charles Smart, inventor da máquina do tempo, ele é morto pelo serviço secreto da polícia. Agora cabe a Chevie e ao amigo Riley salvar o mundo.


Título: O Goleiro dos Andes
Autor: Mark Cheverton
Um livro perfeito para amantes de futebol e histórias de superação. Silvio é um garoto de doze anos que, ao se mudar com seu pai de Santiago para Buenos Aires, conhece Magrelo, Preto, Ferrugem, Toco e Menor, seus novos amigos de pelada. Silvio, agora chamado de Chileno, não se dá muito bem jogando na linha, porém quando joga como goleiro, não deixa uma bola passar. Mas o jogo da vida de Chileno está para acontecer. Uma oportunidade de ouro de virar goleiro profissional e, quem sabe, mudar de vida. O que o futuro lhe reserva?

Título: O Homem do Violino
Autor: Kathy Stinson e Dusan Petricie
Uma história que nos lembra da importância de parar e apreciar as belezas que nos cercam. No dia 12 de janeiro de 2007, como parte de uma experiência, Joshua Bell levou seu precioso Stradivarius para a estação L’Enfant Plaza, em Washington. Um jornalista queria ver o que aconteceria se um dos melhores violinistas do mundo desse um espetáculo como se fosse um músico de metrô. Ele tocou por 43 minutos. Mais de mil pessoas passaram por ele. Apenas sete dedicaram mais de um minuto à apresentação. Ninguém bateu palmas quando ele terminou de tocar cada música. Nem mesmo depois de uma das mais difíceis músicas já compostas. Nem mesmo depois da “Ave Maria”, que há quase duzentos anos faz muita gente chorar. No mundo inteiro, pessoas pagam mais de cem dólares para ouvir um concerto de Joshua Bell. Ao fim da apresentação, o estojo aos seus pés tinha 32 dólares e 17 centavos. Dos que passavam pela estação, as crianças eram as únicas que queriam parar para ouvir, mas sempre havia um adulto para puxá-las pela mão.

Record


Título: Nunca o nome do menino
Autor: Estevão Azevedo
Como assegurar que não somos meros sonhos de um criador que desconhecemos, e por que confiar em sua existência? Partindo do dilema borgiano de uma mulher que se vê personagem de uma obra de ficção e de todas as reflexões que passa a ter em função disso, Estevão Azevedo alinhava sutilmente referências literárias que vão de Homero a Vinicius de Moraes, passando por Camus, João Cabral de Melo Neto e, sobretudo, Machado de Assis. O resultado é um romance metaliterário, que, em vez de se propor erudito, sugere um pacto lúdico ao leitor.

Título: A Pequena Guerreira
Autor: Giuseppe Catozzella
“A Pequena Guerreira” é um romance baseado na vida de Samia Omar, a menina determinada a ser uma atleta de sucesso que cresceu numa Somália devastada pela guerra. Samia dormia com a foto do campeão olímpico Mo Farah ao seu lado, treinava arduamente apesar da violência e do preconceito que a rodeavam, e conseguiu, contra todas as expectativas, integrar a seleção somali de atletismo, além de participar das Olimpíadas de 2008 em Pequim. Um dia, com a família sob risco de ser irremediavelmente afetada pela guerra, sua irmã se vê forçada a fazer a perigosa viagem de barco para a Europa, como refugiada. Pouco tempo depois, Samia, temendo por sua segurança e por seus sonhos, resolve seguir os passos da irmã, e com isso coloca a própria vida nas mãos de traficantes de pessoas, demonstrando até onde alguém é capaz de ir por um sonho. A pequena guerreira é uma história inspiradora e tocante de guerra, família e esperança.

Título: O Quinto Evangelho
Autor: Ian Caldwell
Uma trama eletrizante sobre uma verdade que pode abalar o futuro da igreja. Nos últimos meses do pontificado de João Paulo II, uma misteriosa exposição é montada nos Museus do Vaticano. Seu curador, Ugo Nogara, alega ter descoberto um grande segredo sobre o Sudário de Turim, porém, uma semana antes da abertura da polêmica mostra, ele é encontrado morto nos jardins da residência de verão do papa. Na mesma noite, a casa dos padres Alex e Simon Andreou, amigos de Ugo e seus ajudantes na exposição, é invadida por um estranho. A polícia não consegue encontrar um suspeito, e Alex inicia sua própria investigação. Para encontrar o culpado, ele precisa descobrir o segredo mantido por Ugo a qualquer custo. Mas, à medida que começa a compreender a verdade, ele percebe que suas ações podem trazer consequências imprevisíveis para o futuro da Igreja Católica.

Título: O Ar que Ele Respira
Autor: Brittainy C. Cherry
Como superar a dor de uma perda irreparável? Elizabeth está tentando seguir em frente. Depois da morte do marido e de ter passado um ano na casa da mãe, ela decide voltar a seu antigo lar e enfrentar as lembranças de seu casamento feliz com Steven. Porém, ao retornar à pequena Meadows Creek, ela se depara com um novo vizinho, Tristan Cole. Grosseiro, solitário, o olhar sempre agressivo e triste, ele parece fugir do passado. Mas Elizabeth logo descobre que, por trás do ser intratável, há um homem devastado pela morte das pessoas que mais amava. Elizabeth tenta se aproximar dele, mas Tristan tenta de todas as formas impedir que ela entre em sua vida. Em seu coração despedaçado parece não haver espaço para um novo começo. Ou talvez sim.

Título: Ela e as Vitrines do Rio
Autor: R. Saturnino Braga
O novo livro de contos do vencedor do Prêmio Malba Tahan. A vida cotidiana, feita de personagens e acontecimentos aparentemente prosaicos, pequenas e grandes belezas, golpes, quedas e saltos, é a matéria que anima esta reunião de contos. Passando por diferentes bairros e camadas sociais, recortes das histórias privadas, ao mesmo tempo universais e singulares, são contados por estilhaços sutis do dia a dia, detalhes que apenas o olhar sensível pode captar. Vida caleidoscópica que se descortina e se desdobra em muitas, como são inúmeras as cidades dentro de uma — dentro do Rio de Janeiro de Roberto Saturnino Braga.

Título: Entropia
Autor: Alexandre Marques Rodrigues
Um ousado romance do mesmo autor de ''Parafilias''. Em ''Entropia'', Alexandre Marques Rodrigues mais uma vez mostra pleno domínio das técnicas narrativas: em um ousado romance, o autor se emaranha por toda a complexidade de seus personagens, em um enredo que se desconcentra na ideia, concretizada ou não, de viagem, de procura (ou será de fuga?) de si mesmo ou do corpo enterrado da mãe. Tudo cumprido, Alexandre Marques Rodrigues vai muito além. O jogo de identidades entre personagens – que perturba o leitor tanto quanto lhe impõe investigá-los, decifrá-los, mapeá-los, confirmá-los a cada página – é caso muito sério, ocasião em que a literatura capta o espírito dissolvido de um tempo sem que da engenharia do escritor se ouça o mais mínimo ruído.

Bertrand Brasil


Título: Sra. Poe
Autor: Lynn Cullen
Um escritor e seus demônios, uma mulher e seus desejos, uma esposa e sua vingança. 1845: O Corvo, de Edgar Allan Poe, alcança os padrões de perfeição literária e está no auge da moda – sucesso com o qual uma poetisa esforçada como Frances Osgood só pode sonhar. Apesar de não ser grande fã dos escritos de Poe, ela vê com entusiasmo a chance de conhecê-lo e, em um sarau literário, fica atraída por sua magnética presença – e pela surpreendente revelação de que ele admira o seu trabalho. Flerte e sedução culminam em um romance proibido. Mas quando a frágil mulher de Edgar insiste em se tornar amiga de Frances, o relacionamento se torna tão ambíguo e tortuoso quanto um dos contos de Poe. Inspirado na vida e na escrita de Poe e Osgood, e baseado em autênticos detalhes históricos, Sra. Poe é uma história de tragédia e perda envolta em uma aura de paixão e vitalidade.

Título: Antes de Partir
Autor: Colleen Oakley
Na véspera do que esperava ser uma triunfante comemoração de três anos livre do câncer, Daisy, 27 anos, sofre um golpe devastador: seu médico lhe diz que a doença está de volta, desta vez ainda mais agressiva. Tendo apenas de quatro a seis meses de vida, ela está apavorada com o que será de seu marido, Jack, quando não estiver mais lá para cuidar dele. Esse medo tira seu sono, até que uma solução lhe vem à mente: ela precisa encontrar outra mulher para ele. Com uma determinação singular, Daisy visita parques, cafeterias e sites de relacionamento à procura do par perfeito para Jack. Mas, à medida que ela avança em sua busca, ela se vê forçada a decidir o que é mais importante no curto tempo que lhe resta: a felicidade de seu marido ou a sua própria?

Título: Felicidade Incurável
Autor: Fabrício Carpinejar
A “Felicidade Incurável” é aquela que nunca está reunida em um único lugar; é aquela que nem a tristeza consegue levar. A felicidade incurável contraria diagnósticos e medos, supera fobias e traumas e não se diminui perante o pessimismo dos outros. A felicidade incurável é aquela que não adoece. Com uma passionalidade reflexiva e racional, o autor, notável por sua prosa absolutamente passional e sincera, protege seu ímpeto sem perder a responsabilidade. Um atlas do que Carpinejar acredita ser um relacionamento, Felicidade Incurável trata de mudança de mentalidade amorosa e da família, diferentes fins de casamento, amizades em tempos eletrônicos, divertidas implicâncias de casal, debate sobre o que é alegria e liberdade e sugere: seja feliz por uma questão de justiça pessoal. Não recomendado para menores de 16 anos.

Título: Hot Sul
Autor: Laura Restrepo
María Paz é uma jovem latina que, como muitas outras, veio para a América em busca de um sonho. Ao ser acusada de matar o marido e sentenciada a passar a vida atrás das grades, ela precisa manter acesas as esperanças enquanto se esforça para provar sua inocência. Mas os perigos da penitenciária não são os únicos obstáculos em seu caminho: a liberdade pode lhe forçar a encarar um horror ainda maior que está à sua espera do outro lado das muralhas da prisão — um horror que não deixará nada impedi-lo de tomá-la para si. Poderá María Paz sobreviver a essa dupla ameaça em uma terra onde perigo e desespero estão constantemente no encalço enquanto felicidade e segurança parecem sonhos inalcançáveis?

E então, muitos livros entraram para a lista de desejados? Porque na minha com certeza entraram vários!
Beijos e até a próxima queridos!
 
Personalização por HR Personalização de Blogs