8 de mar de 2011


[Continuação] FIC Os dezenove anos, e além

Não tinha autoria da foto na internet!
Vamos a continuação pessoal.......


Capítulo 2 - Hora da Partida

Com Hogwarts reconstruída, tudo começou a voltar ao normal. Naquela tarde, Kingsley voltou ao Ministério, e começou a reorganizar tudo. 


No Profeta Diário vespertino, já haviam notícias sobre a mudança no Ministério, mas, como sempre, era uma versão incompleta e vazia, feita para encobrir a crise, que o próprio Profeta havia ajudado a organizar.



- É o fim desse jornal!! - disse Rony, sentado no Sala Comunal da Grifinória, junto com Harry e Hermione - Todos estão cancelando suas assinaturas!! O jornal perdeu toda a credibilidade!!


Harry sorriu. As coisas estavam simplesmente se resolvendo sozinhas. 



Abeforth Dumbledore resolveu que levaria Rita Skiter a justiça por difamação e calunia. Ele pretendia arruinar a carreira dela. E Harry sabia que não seria o único, pois, quando a hora chegasse, haveria várias acusações contra Rita Skiter, inclusive, a de ser um Animago sem registro.



- As coisas estão começando a se arrumar, aqui no Mundo da Magia!! - disse Hermione - Tudo vai ser como antes!!

Rony olhou para ela.
- Tudo mesmo, tem que ser como antes? - perguntou ele



Harry se levantou e os deixou sozinhos. Ele sabia o que vinha a seguir. Pensou em dar uma última volta por Hogwarts, antes de ir embora. Mas no momento em que estava prestes a sair pelo buraco, outra pessoa entrou por ele.



Gina Weasley.



Harry sentiu uma grande sensação de felicidade, ao vê-la bem, depois de tudo, mas também ficou preocupado.

- Oi Gina!!
- Oi Harry!! - disse ela



Harry ficou parado olhando para ela, sem saber o que fazer. Foi Gina que agiu primeiro. Um abraço, e um beijo. Harry sentiu que tudo estaria bem com eles, dali por diante.


Aquele último dia em Hogwarts passou tão rápido, que Harry achou estranho o céu escuro, quando saiu pelos jardins com Gina.


A Professora Minerva McGonagall assumira a direção de Hogwarts de uma vez por todas. E agora, ela e os outros professores finalmente podiam dar a arrumação por encerrada. 



A Escola de Magia e Bruxaria voltou a ser o que era, e Harry se sentia feliz por isso. Imaginando quantos alunos aquela escola ainda receberia.



Voltou com Gina para a Sala Comunal. Hermione e Rony ainda estavam no sofá. Mas assim que Rony viu Gina e Harry juntos se levantou.


- Mas o que é isso?!! - disse Rony
Harrry hesitou. Ele prometera ao amigo que ficaria longe de Gina. Mas a garota assumiu a frente.
- Rony!! Pelo amor de Deus!!
- Harry!! - disse Rony
Hermione puxou Rony pelo braço.
- Rony!! Tudo acabou!! Não há mais motivo para os dois ficarem separados!!



Rony pareceu não saber o que fazer, de início. Mas depois, pareceu aceitar.

- E então!! - disse Gina - Vão ou não, me contar o que ficaram fazendo o ano todo?



Harry avaliou se agora poderia contar. Resolveu que deveriam continuar a fazer segredo, pelo menos dos detalhes. Não queria que o profeta Diário anunciasse a todo bruxo das trevas o segredo da imortalidade de Voldemort.



Mas ele contou tudo a Gina. Decidiu que para ela poderia abrir uma exceção.


O outro dia foi de festa. Hogwarts finalmente se arrumou como devia para uma grande festa. 
O Salão Principal ficou lotado, com gente cantando e dançando. O lugar lotou com vários bruxos e bruxas de todos os lugares, que estavam novamente, como a dezessete anos atrás, felizes por Voldemort ter finalmente ido embora de vez. 


Os terrenos também se encheram de música. Mas uma música diferente. Harry foi até lá, e descobriu os Centauros, em sua própria festa. 

Agouro se aproximou dele como porta voz de seu rebanho.



- Eu preciso lhe dizer, Harry Potter, que em nome de todos nós centauros, pedimos perdão, por não termos auxiliado antes na batalha contra o Lord das Trevas.

Harry ficou pasmo. Nunca, nem em seus sonhos mais improváveis, ele conseguira visualizar um centauro pedindo perdão a um bruxo. Ele não soube o que fazer.
- Eu...bem...Acho que não tem do que se desculpar!! Quando a coisa pegou mesmo, vocês estavam lá para nos ajudar e...
- Potter!! - disse Agouro - Chegou a nossos ouvidos algo que nos impressionou. Algo que nos fez repensar todo a nossa vivencia com os bruxos.
Harry ficou atento.
- Ouvimos dizer que o Senhor, enterrou um Elfo Doméstico com suas próprias mãos!! Cavando sem a menor ajuda de magia.



Harry se perguntou como raios ele sabia daquilo.



- Bem...sim!!! Mas o que exatamente isso tem haver...?

- É verdade que salvou um Duende?
- É!! Mas por que a pergunta? Achei que vocês Centauros não tivessem muito interesse em outras raças.
- Sr. Potter!! - disse Agouro - Tais atos mostraram um nível de respeito nunca visto antes, de um bruxo, para com um ser diferente dele!! Um respeito que julgávamos que os bruxos fossem incapazes de obter!!



Harry ficou ouvindo.



- E sobre esse respeito, irá repousar a lealdade dos Centauros para com você!! Harry Potter!! Entre nós será sempre bem vindo!! Enquanto esse respeito, que descobrimos no senhor perdurar!! E seu nome terá nosso respeito, e seus filhos, e os filhos dos seus filhos!!


Se antes, Harry havia achado estranho o comportamento de Agouro, agora ele tinha quase certeza de que estava dentro de algum sonho maluco. 


Uma saraivada de flechas foi atirada, em sinal de Respeito Mútuo. Então, bruxos, Elfos, Centauros, e Gigantes (Na verdade apenas Grope) comemoraram juntos a queda das Trevas.



Aquele dia foi acabando finalmente. Harry se viu se preparando para embarcar no trem. Só que aquele trem não o levaria para a Rua dos Alfeneiros, nº 4. Ele o levaria para sua casa. A casa que fora de Sirius. O Largo Grimmald. Monstro o acompanhou, feliz.



E naquele dia. Juntamente com Rony e Hermione, ele se despediu de Hogwarts. O primeiro lugar de sua vida em que fora feliz. Seu primeiro lar. Lugar de aventuras, de magia, de tantas outras coisas que ainda estava por vir. 


O trem apitou e saiu da estação. Harry se aconchegou, pensando o que a vida lhe reservava dali por diante.

Até a próxima semana!!!


Comentários
4
Compartilhe

4 comentários:

  1. Aah, voltando a Hogwarts *-*

    Que saudade, confesso que sempre me dá uma vontade enorme de ler todos os livros de novo 'o'

    Até a próxima semana ;)

    Beijo.

    ResponderExcluir
  2. Que bom que está gostando Vaanh~ eu amo a fic do Luiz, a escrita dele é muito boa mesmo!!

    Até a próxima semana com o terceiro capítulo!!!

    ResponderExcluir
  3. "O trem apitou e saiu da estação. Harry se aconchegou, pensando o que a vida lhe reservava dali por diante."

    Aiaiai....sessão nostalgia!! >.<

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por e-mail.
Obrigada!

 
imagem-logo
De Tudo um Pouquinho - Copyright © 2016 - Todos os direitos reservados.
Layout e Programação HR Criações