11 de ago de 2012


[Resenha] Resposta Certa - David Nicholls

resposta-certa-david-nicholls
Ficha técnica
Título: Resposta Certa
Título Original: Starter for Ten
Autor: David Nicholls
ISBN: 978-85-8057-204-9
Páginas: 352
Ano: 2012
Tradutor: Claudio Carina
Editora: Intrínseca

Sinopse
O ano é 1985. Brian Jackson, com uma bolsa de estudos e ótimas notas, acaba de entrar para a universidade. E parece que finalmente conseguirá realizar um antigo sonho: aparecer em um popular programa de perguntas e respostas na televisão, onde poderá demonstrar todo o seu repertório de cultura geral. Após entrar para a equipe da faculdade e passar pela fase classificatória, Brian se prepara para seu primeiro embate televisivo, ao mesmo tempo em que se vê apaixonado por uma de suas colegas de time: a linda, inteligente e assustadoramente elegante Alice Harbinson. Quando Alice se recusa a ceder aos encantos ligeiramente ansiosos de Brian, ele aparece com um plano infalível para conquistar o coração de sua amada de uma vez por todas. Ele vai ganhar o jogo. A qualquer custo. Porque, afinal, todos sabem que o que uma mulher realmente procura em um homem é uma vasta gama de conhecimentos gerais...
Resenha
Este é o primeiro livro que eu leio do David Nicholls (sim, eu não li Um Dia), não por falta de vontade, mas porque ainda não foi a hora…

O livro se passa na década de 1980, mais precisamente no ano de 1985 (ano lindo, não acham?? - Eu ter nascido nele não tem nada a ver com a minha opinião, hauhauahaua). O inglês Brian Jackson é um cara inteligente e que gosta muito do programa de TV Desafio Universitário, programa de perguntas e respostas em que as universidades disputam entre si. Brian acabou de entrar na universidade e tem alguns conceitos que, ele pretende, se concretizem nesse novo estágio de sua vida.
Em algum momento, gostaria de ter uma ideia original. Gostaria de ser desejado, ou talvez até amado, mas vou esperar para  ver. E, quanto a um emprego, ainda não sei bem o que quero, mas que seja algo que eu não odeie ou me deixe doente, e isso significa não precisar me preocupar com dinheiro o tempo todo. E são todas essas coisas que uma formação universitária vai me proporcionar.
Pág. 18
Posso dizer que me identifiquei muito com ele aqui nesse ponto, realmente quanto entrei na faculdade tinha muitas ideias desse tipo e todas cairam por terra enquanto ainda estava estudando…

blog_parceiroO Brian só me agradou nesse ponto, e na verdade nem foi agradou, mas nossas esperanças no mundo universitários eram as mesmas. Mas no livro todo Brian é um idiota! Diz besteira por cima de besteira, tentando ser engraçado e encontrar a sua turma (o que não acontece nunca, porque ele é um chato!). Para mim os melhores personagens foram os que menos apareceram, Rebeca, Spencer e Tone, que dão um choque de realidade no Brian.
- Aquela era Alice…
- É… Existe mesmo alguma coisa entre vocês, Bri…
- Você acha?
- Tenho certeza. Só pelo jeito como ela mandou você sair da frente…
Mando ele se danar e saímos da cozinha.
Pág. 227
Mesmo não gostando do protagonista e sua paixonite pela garota rica e bonitinha da faculdade, a escrita do David é muito boa, e foi isso que me levou até o final do livro. Como não li Um Dia, não posso comparar as obras do autor, mas sem dúvida esse livro vale as três claves que recebeu aqui abaixo pelo talento do autor na escrita e não pelos personagens.
Sei a diferença entre um pterossauro e um pteranodonte, um pterodáctilo e um ranforrico. Sei o nome em latim da maior parte dos pássaros domésticos britânicos. Sei as capitais de quase todos os países do mundo, e a maioria das bandeiras também. (…) E, ainda assim, as coisas mais básicas e importantes, como amizade, superar a morte do pai, amar alguém, ou simplesmente ser feliz, ser bom, honesto e digno parecem estar total e completamente além da minha compreensão. E me ocorre que não sou inteligente, de modo algum. Na verdade, sou, sem sombra de dúvida, a pessoa mais ignorante, mais estúpida e desesperada do mundo inteiro.
Pág. 307
Ah, enquanto escrevia essa resenha e pesquisando na internet sobre o autor e suas publiciações, vi que tem um filme baseado nesse livro, lançado em 2006. Ainda não assisti, mas já me irritei tanto com o Brian que não sei se terei coragem de assistir ele fazendo tanta idiotice, mesmo sendo interpretado pelo lindo do James McAvoy.


 
3 Claves
Bjus lindos e até a próxima!!!!
Comentários
4
Compartilhe

4 comentários:

  1. Gostei do blog,eu já li Um Dia, é muitooo lindo,gostei bastante. Me identifiquei com o livro A resposta certa,por que gosto de quiz show, essas coisas.adoreei : )

    ResponderExcluir
  2. Oi Lay
    Eu ainda estou na dúvida se quero ou não ler este livro! rs
    Gostei muito de Um Dia, mas esse ainda não chamou minha atenção... rs

    ResponderExcluir
  3. Pois então Lívia, a escrita dele é boa, mas a história achei fraca sabe...enfim...rsrsrs

    ResponderExcluir
  4. Já li Um Dia e amei. Achei este livro meio que um plágio a Um Dia, a história é muito parecida. Não lerei o livro, não quero me decepcionar com o autor.

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por e-mail.
Obrigada!

 
imagem-logo
De Tudo um Pouquinho - Copyright © 2016 - Todos os direitos reservados.
Layout e Programação HR Criações