5 de dez de 2012


[Resenha] Ser Clara - Janaína Rico

Ser clara
Ficha técnica
Título: Ser Clara
Autor: Janaina Rico
ISBN: 978-85-64025-35-6
Páginas: 288
Ano: 2012
Editora: Editora Underworld

Sinopse

Clara é uma jovem brasiliense, de 27 anos, que está envolvida com os preparativos do casamento de sua melhor amiga, Laura. Durante a festa conhece um médico rico e famoso, o homem dos sonhos de qualquer mulher. Porém, acaba se envolvendo com um colega de adolescência. Mal sabe ela os obstáculos que viverá pela frente, tais como uma sogra desesperada e até mesmo tentativas de assassinato, até que consiga decidir o que quer da vida.
Trata-se de um livro de linguagem simples e atual, que descreve o cotidiano, os sonhos e as aventuras de uma mulher vivendo entre a realização de uma vida independente e o desejo de conhecer e viver um grande amor.
Clara, Laura, João Thomas, Léo são personagens que encontramos em nosso dia a dia, no trabalho, nos bares, nas festas. Um passeio pelos desejos e sonhos do imaginário feminino.
Resenha
Esse é o primeiro livro da Janaína que eu leio, pois o primeiro livro lançado pela autora brasiliense, O Maravilhoso Livro de Desenhos da Menina que não Sabia Desenhar, foi voltado para outro público.

Ser Clara é um livro divertido de se ler. Logo de cara eu não gostei muito da Clara, pensava "Nossa, garota chata, ela se acha demais!!", mas depois que me adaptei ao jeito dela, gostei bastante.

Clara é uma jovem de 27 anos que sabe aproveitar a vida. Em meio às suas loucuras, Clara está ajudando sua melhor amiga Laura com os preparativos do seu casamento com Pedro, o noivo que Clara não suporta, e o sentimento é recíproco. Com tudo acontecendo muito rápido, apenas no dia do casamento conheceria o padrinho que seria seu par no casamento.

Conhecendo João Thomas, Clara o acha atraente demais para ser um amigo de Pedro. Na verdade, a atração entre eles se mostra bastante forte.
Percebi que os olhos deles eram verdes e iam, a cada minuto, se aproximando mais dos meus olhos pretos; quando dei por mim, estávamos trocando beijos apaixonados, regados a muito espumante e uísque.
Pág. 19
Entretanto, diversos acontecimentos levaram Clara a perder o número dele. Mas se você acha que Clara fica no “bode” por causa disso, não mesmo. Como acabou de reencontrar uma colega da época do colégio, aceita o convite para ir à uma festa na casa de um desses colegas para aproveitar e rever a galera e dar o troco no Vitinho, que a dispensou quando estudavam juntos.

Nessa festa reencontrando diversos amigos, Clara encontra também Léo, um grande amigo, aquele cara gente boa.
O Léo continuava aquela coisinha sem sal e sem açúcar que fora na adolescência, com carinho de menino do bem. O grande problema dele era a falta de tchan. Ele era muito legal, muito fofinha, mas sei lá. Não tinha sex appeal.
Pág. 36
Antes que vocês pensem que o livro trata somente de um romance simples e que pelo que já escrevi, tem apenas um triângulo amoroso, o livro traz a personagem Natália, que é a mãe super protetora de João Thomas, seu único filho. Ela dá ao livro aquele "tchan" maquiavélico (acho que foi demais, mas não aguentei, hauhauaauh)

Em meio à cenas de suspense, tentativas de assassinato e tudo mais a que tem direito, Clara se vê dividida entre o relacionamento com João Thomas, médico, bonito, rico, bem sucedido, com uma mãe insuportável e Léo, um amigo da infância que de repente mostrou seu interesse, mas que embora não tenha beleza exterior e dinheiro, é uma pessoa muito agradável, com quem o papo flui tranquilamente e nunca se cansa de estar junto.

Confesso que, assim como Clara, queria ter os dois. Cada um tem suas qualidades e se elas estivessem um único homem, seria perfeito. Mas não é assim que a banda toca e embora o final tenha me surpreendido, eu gostei bastante!!!

Enfim, confiram o vídeo do livro abaixo e boa leitura à todos, sem dúvida um livro recomendado!!


Beijos e até a próxima!!!
4 Claves
Comentários
18
Compartilhe

18 comentários:

  1. Ai Lay não fiquei interessada por esse livro...

    Achei a trama muito comum sabe, até meio clichê.

    E até agora não entendi a capa, kkkkkk

    Bjo!

    ResponderExcluir
  2. Gostei bastante do que li na resenha. Mas confesso que achei engraçado na sinopse na parte que diz que o livro "descreve o cotidiano", depois de falar em tentativas de assassinato. Sei lá, no meu cotidiano, não tem isso não! rsrs
    De resto, achei que o livro deve ter uma história legal, personagens que despertam algum tipo de sentimento (nem que seja de rejeição) e uma narrativa divertida e leve.
    bjs

    ResponderExcluir
  3. Nunca li nada desta autora, mas só ouvi comentário positivos sobre ela.
    Em relaçao ao livro, tenho muita vontade de lê-lo,mas ainda estou esperando uma promoçãozinha hehehe

    ResponderExcluir
  4. Ultimamente estou realmente tentando evitar livro com triângulos amorosos e sinceramente não senti interesse em ler esse livro.

    ResponderExcluir
  5. Oie Lay!

    Ah!!! Não sei por que, mas esse livro não me desse rs... não sei se é pela capa ou pela sinopse e resenhas que já li, mas ele me parece ser tão clichê.

    Quem sabe uma hora eu tenha vontade de ler ele, mas por agora estou pulando rs...

    Ótima resenha!

    bjus;****

    anereis.
    mydearlibrary | bookreviews • music • culture
    @mydearlibrary

    ResponderExcluir
  6. Oi Laaaaaay :D Que bom que vc ficou feliz com a volta do blog!!! Eu tb estou mto feliz em ter voltado e tb por poder voltar a conferir meus blogs preferidos (o seu é um deles :D)

    Ser Clara parece ser um livro beem divertido, achei que era mais hot pela capa, mas sua resenha me fez perceber que é mais pra romance fofinho (que eu adooooro) do que pra hot mesmo. Fiquei mais curiosa pra ler hehehehe

    Beeeeijao!

    ResponderExcluir
  7. Acho a caapa dele bem maneira, mas não sei se o livro me agradaria'
    Acho que a história não faz muito meu tipo :*

    ResponderExcluir
  8. Pra ser sincero nunca vi um livro com temática mais apimentada (e com capa legal) em território brasileiro. Parabéns pela resenha :D

    ResponderExcluir
  9. Oi ..

    Não gosto dessa capa. Tudo bem, é um chik-lit, mas apelaram, rs. Acho que eles queriam chamar é a atenção dos leitores.
    Não acho que esse seja o estilo de leitura que eu vá gostar =/

    Ótima resenha.

    João Victor, Amigo do Livro
    http://amigodolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Tenho muita vontade de ler Ser Clara, já adicionei a minha meta para o ano que vem. Espero conseguir ler. Então a sogra da Clara é osso duro? rsrs

    Bjinhos

    ResponderExcluir
  11. Acho a capa bem interessante, mas que relação ela tem com a história?

    ResponderExcluir
  12. Osso duro é pouco Anna...

    O livro é divertido, sem dúvida!!!

    Bjinhussss

    ResponderExcluir
  13. Adorei a capa... O livro parece ser super legal! Gostei muito da estoria!
    Amei os quotes!

    xoxo

    ResponderExcluir
  14. Nossa Lay o blog está cada vez melhor,parabéns!
    Amei o vídeo:o clima estava super alto astral e divertido!
    Adorei o post,parabéns pelo espaço para a divulgação de escritores nacionais.
    O que dizer de Janaína Rico?
    Diva maravilhosa! Além de escritora ela é multi:escritora, atriz, roteirista e produtora de eventos.
    Também adorei os livros: Ser Clara e li o primeiro capítulo de Apimentado disponível no Blog da Janaína,sou seguidora,ela é super alto astral,nacionalista demais,de bem com a vida.
    Também comprei para dar de presente o livro infantil O maravilhoso livro de desenhos da menina que não sabia desenhar,super fofo.

    A capa do livro é bem humorada e criativa,bem no estilo de Clara!
    O livro tem muitas coisas das mulheres atualmente desde o desejo de encontrar o homem dos sonhos,viver uma vida independente,ter um amor ao lado.
    Realmente um dos melhores chick lit que já li,Clara é uma mocinha às avessas:independente,desbocada,se diverte horrores,não tem medo de errar,tem várias dúvidas.
    É um romance incrível e diferente,tem drama, um certo suspense e um triângulo amoroso bem enrolado.
    Durante a leitura me diverti muito,tem umas tiradas muito engraçadas,pensava nossa da onde a Janaína tirou isso e tal que legal,nossa,tem momentos hilários, fiquei feliz com o final.
    Adorei a linguagem contemporânea do livro, é impossível não se identificar com a narrativa.
    Além disso, o livro trata de temas atuais como o homossexualismo e os distúrbios alimentares.
    Recomendadíssimo o livro!!!

    Na minha opinião alguns leitores cometem vários erros em relação a alguns livros:Julgam o livro pela capa, ou depois de ler a resenha não querem mais ler o livro.Os leitores devem conhecer para depois criticar com conhecimento de assunto

    ResponderExcluir
  15. Sinceramente o enredo dessa historia nao me prendeu nenhum pouco a minha atenção. Somente a capa que eu achei legal.

    ResponderExcluir
  16. Na minha opinião suspense e romance são as melhores combinações.
    Estou bem ansiosa para ler esse livro, tenho visto bastante recomendações sobre ele.
    beijos

    ResponderExcluir
  17. Eba, mais um livro que a protagonista tem o meu nome! Fiquei bem curiosa para ler o livro!

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por e-mail.
Obrigada!

 
imagem-logo
De Tudo um Pouquinho - Copyright © 2016 - Todos os direitos reservados.
Layout e Programação HR Criações