18 de fev de 2013


[Resenha] Como se livrar de um vampiro apaixonado - Beth Fantaskey


Título: Como se livrar de um vampiro apaixonado
Título Original: Jessica’s Guide to Dating on the Dark Side
Autor: Beth Fantaskey
ISBN: 978-85-99296-90-5
Páginas: 295
Ano:
2010
Tradutor:
Alves Calado
Editora: Sextante

Sinopse


Capa Como se livrar de um vampiro apaixonado.inddCasar-se com um vampiro certamente não estava nos planos de Jessica Packwood para seu último ano escolar. Mas quando um novo aluno esquisitão (e muito gato) chamado Lucius Vladescu aparece do nada, dizendo que Jessica pertence à realeza vampírica e está prometida em casamento a ele, futuro líder do clã mais poderoso dos vampiros, ela é obrigada a rever seus conceitos. Se a garota ainda nem beijou na boca, como pode sequer pensar em um compromisso eterno? Armada com uma autoconfiança recém-adquirida, Jessica passa por uma transformação drástica de adolescente nerd americana para princesa vampira europeia nessa sátira cheia de reviravoltas e surpresas.


Resenha

Logo no início do livro somos apresentados à Jessica, uma adolescente aparentemente comum de 17 anos, que vive na zona rural de uma pequena cidade da Pensilvânia. Embora acreditasse somente na razão e na lógica, o mistério ronda o seu passado.

No primeiro dia de aula do seu último ano no colégio, enquanto espera o ônibus para a escola, Jess vê um cara muito estranho do outro lado da rua, uma rua que por sinal, ela não tinha percebido até o momento era completamente deserta e a deixava vulnerável.

Porém, mesmo não acontecendo nada, graças ao ônibus que apareceu logo em seguida, Jess descobriu que o cara estranho era o novo aluno de intercâmbio, vindo da Romênia e iria estudar na sua sala.

Como se tudo já não fosse suficientemente estranho, Jess descobre, de uma forma nada preparada, que é uma princesa vampira que foi prometida em casamento ao vampiro gatíssimo Lucius Valdescu (o tal cara estranho), e a união dos clãs significa a paz entre os vampiros.
Este deveria ser um ano feliz para mim. Um período despreocupado. Mas Lucius havia chegado e, com ele, o meu passado. Ele não só jogou em cima de mim essa história absurda sobre vampiros e casamentos, como também cismava em tentar me prender ao meu passado verdadeiro.
Pág. 63
Mesmo sabendo que havia sido adotada, que seus pais biológicos eram no mínimo estranhos, nunca passou pela cabeça de Jess algo tão surreal, e ela vai lutar contra essa ideia de todas as maneiras possíveis. Mas, como se não bastasse ter um vampiro lhe “fazendo a corte” (termos usados por Lucius, adoro!), ele passa a morar no apartamento em cima da garagem de sua casa. Impossível!!!

Antanasia Dragomir, para Lucius, Jess tem esse vampiro lhe cercando de todas as maneiras que pode, ao mesmo tempo em que está caidinha pelo seu vizinho Jake Zinn, um cara legal de quem ela gosta faz tempo.

Se tem uma coisa que amei no livro foram as cartas que Lucius escreveu ao seu tio Valise, na Romênia. O humor crítico de Lucius sobre a vida nos Estados Unidos, seus costumes, a comida feita pelos pais de Jess (veganos), sua adaptação a essa cultura completamente diferente da sua, o comportamento de Jess com ele, e como ele não se dá conta de que está cada vez mais apaixonado por ela realmente foram um dos pontos altos do livro.
Embora tenha o triângulo amoroso de praxe, eu torci desde o início pelo vampiro gatíssimo (até onde me lembro, sempre torci por eles nos livros que li desse tema…), suspirei com cada gesto de corte de Lucius, cada palavra romântica…
E enquanto nos beijávamos, nos beijávamos de verdade, algo dentro de mim foi esmagado, como um átomo se partindo, irrompendo com toda a força de um núcleo despedaçado. Mas eu também estava em paz. Era como se tivesse encontrado meu lugar no Universo, no caos, e Lucius e eu pudéssemos seguir juntos por todo o tempo sem fim, como pi, existindo infinitamente, irracionalmente, girando para sempre.
Pág 244
Mas é claro que existem complicações maiores, e não são nada fracas aqui, e a tensão foi o que me fez não largar o livro enquanto não cheguei ao fim.
- Você não leu Chapeuzinho Vermelho, Jessica? – perguntou Lucius, ainda me rodeando devagar, chegando perto e me cercando. – Não sabe o que acontece com inocentes que andam sozinhas em florestas escuras?
Pág. 286
Agora é ler a sequência, que já vi que tem, mas acho que ainda não foi lançada no Brasil, embora quem leia não precise se preocupar, o livro poderia terminar aqui tranquilamente.

Então lindos, boa leitura à todos, porque sem dúvida o livro vale a pena ser lido!

Beijos e até a próxima!
  4 livros
Comentários
15
Compartilhe

15 comentários:

  1. Eu já li esse livro e gostei muito, é divertido, legal muito bom na minha opinião to louca pra lançar logo o secundo e o único defeito é a Jessica ou Antanasia tanto faz demorar muito pra querer ficar com o maravilhoso Lucius.

    ResponderExcluir
  2. Nossa Lay adorei a resenha estou lendo,gostei da capa e da história e a Editora não queria continuar a publicar mas depois da pressão,voltou atrás!
    Jéssica realmente vivia uma vida normal,mas não sabia na verdade quem era e que estava comprometida.
    Em pensar que a Editora Arqueiro não queria continuar com o contrato,mas depois de muita pressão dos leitores, resolveram voltar atrás.
    Uma menina normal descobre que o cara misterioso da escola é um vampiro e que está apaixonado por ela…
    Jessica uma garota dos Estados Unidos quer acabar logo o colegial mas, conhece Lucius, o vampiro romeno que é seu noivo, mesmo ela não querendo.E então tudo fica mais confuso e engraçado, agora ela descobre que é uma princesa romena vampira.

    ResponderExcluir
  3. Oie, eu li esse livro e amei.
    Lucius é muito divertido, o livro em si é divertido.
    Parabéns pela resenha e pelo blog, primeira vez aqui (:

    Beijinhos :3
    carinhodaspalavras.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pela visita!!!

      Sem dúvida o livro é muito divertido!!!

      Bjinhus

      Excluir
  4. Não conheçia o livro, mas gostei. Umas das primeiras vezes que o "vilão" se apaixonada pela mocinha né, mas depois ...

    ResponderExcluir
  5. O livro me parece ser um misto de comédia e romance. Não é um livro que me faria parar na livraria, mas tem lá seu charme. Fico imaginando a cara da menina depois da notícia de que pertencia a um clã vampírico. Até se acostumar ficaria rindo sozinha, depois, quando a ficha caísse, se sentiria superpoderosa. Só que junto a esta notícia, vem mais uma: você já tem um noivo huahahau. É pra jogar tudo por água a baixo né?

    ResponderExcluir
  6. Oi Lay, tudo bem?
    Andei sumidinha né, rsrs. Estava viajando, estou me atualizando na blogosfera aos poucos, ;)
    A cartinha chegou, obrigadinha.

    Ah essa temática não me agrada sabe...

    Bjo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Percebi que esteve sumida, mas que bom que voltou e que recebeu a cartinha também!!!

      Beijinhos

      Excluir
  7. Eu não curti muito a história do livro, tudo me pareceu um absurdo. O livro me pareceu uma versão piorada de Crepusculo =S.

    ResponderExcluir
  8. Bem eu tenho e nao tenho vontade de ler o livro, a tematica me atenção porem leio comentarios tão negativos que eu acabo me desanimando pra ler o livro, quem sae futuramente eu nao o leia pra tirar essa duvida.

    ResponderExcluir
  9. Não sei se esse livros me prenderia tanto... Acho que pela história me lembrar aqueles livros atuais com uma história meio bobinha e tudo mais... Mas não sei, acho que consigo dar uma chance a ele porque a resenha ficou perfeita. haha

    ResponderExcluir
  10. Adorei a sinopse e a tua resenha. Fiquei cheia de vontade de fazer a leitura do livro. ^^

    ResponderExcluir
  11. Oi LAy achei muito legal sua resenha... já ouvi falar muito nesse livro... pelo que vocÊ falou ele é muito bonitinho... acho que leria se não tivesse mais nada pra fazer ou um livro pra ler...

    ResponderExcluir
  12. Oi Lay! , eu li o livro também. Comprei ele pelo nome ser um tanto diferente; e inesperado ainda mais quando a febre é Crepusculo e Diarios de um Vampiro. Confesso que no começo, achei meio patético a garota desprezando o vampiro e logo se apaixonado por ele. Porem quando vai chegando o final, quando Lucius é supostamente morto, a história puxa mais nossa atenção e nossa "sede" para saber o que estara acontecendo com o casal mais fofo e complicado ( rs ). Gostei muito da história.

    ResponderExcluir
  13. Sempre achei o título desse livro meio bobo e nunca me interessei nem mesmo em ler resenhas a seu respeito. Mas mudei de ideia e tive uma grata surpresa. Adoro livros de vampiros, meus personagens fantásticos preferidos e senti uma certa referência a Drácula, quando Lucius usa cartas para se comunicar. Gostei muito do fato dos vampiros seguirem a lenda, acho importante manter a fidelidade do mito.

    Adriana Medeiros

    Minha Velha Estante

    minhavelhaestante1.com.br

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por e-mail.
Obrigada!

 
imagem-logo
De Tudo um Pouquinho - Copyright © 2016 - Todos os direitos reservados.
Layout e Programação HR Criações