16 de mar de 2013


[Resenha] Cinquenta Tons do sr. Darcy: Uma Paródia - Emma Thomas


Ficha Técnica

Título: Cinquenta Tons do sr. Darcy: Uma Paródia
Título Original: Fifty Shades of Mr. Darcy: A Parody
Autor: Emma Thomas
ISBN: 978-85-286-1640-8
Páginas: 304
Ano: 2012
Tradutor: Natalie V. Gerhardt
Editora: Bertrand Brasil

16Imagine Elizabeth Bennet e o sr. Fitzwilliam Darcy, protagonistas de Orgulho e preconceito, deixando de lado a moral e o recato e dando vazão a seus desejos mais ocultos de forma mais pervertida que Christian Grey e Anastasia Steele, personagens de Cinquenta tons de cinza. O resultado: Cinquenta tons do sr. Darcy, a incrível e hilária paródia escrita por um famoso inglês sob o pseudônimo de Emma Thomas.



Resenha

Como a autora deixa claro no título do livro, Cinquenta Tons do Sr. Darcy é uma paródia mesclando os livros Orgulho e Preconceito da aclamada Jane Austen e Cinquenta Tons de Cinza da estreante E.L. James. Eu já li toda a trilogia de cinquenta tons, mas apesar de não ter lido o livro da Jane, eu conheço a história. Então acho que o fato de alguém não ter lido algum dos livros não interfere no conteúdo desse.
“Devo enviar esta mensagem imediatamente”, decidiu ela. “Onde está o sr. Lapptop?” Bastou tocar a sineta que o criado idoso apareceu e Elizabeth o instruiu a seguir rapidamente até Rosings Park e entregar em mãos aquela mensagem para o sr. Darcy."
Pág. 130

Àquela altura, o pobre sr. Lapptop estava ofegante e à beira de um colapso. Preocupada com o bem-estar do idoso, Elizabeth decidiu que seria melhor não responder. (…)
- Desculpe-me por incomodá-la, Lizzy, mas isto acabou de chegar de Rosings. A sra. Blackberry trouxe até aqui.
Pág. 133
O que a gente percebe é que o livro não nos leva em um romance ou tem uma lógica, o que parece ser o único objetivo é criticar os dois romances envolvidos e nos fazer rir com muitas coisas sem sentido…
- Preciso lhe perguntar também, sr. Darcy – disse ela, por fim. – Esta cena é do livro da srta. Austen?
- Não, é do outro – respondeu o sr. Darcy com um sorriso torto. – Creio que seu propósito seja deixar ainda mais claro para os leitores a minha natureza de macho-alfa capaz, agradável e sabe-tudo, e lançar luz sobre a sua impotência e sua ignorância sobre assuntos de sexo e música clássica.
Pág. 200
O que achei demais é que o livro não deveria ter tantas páginas, chegou um momento em que ficou repetitivo e as piadas que tinham graça no começo, passaram a chatear.
 
De toda forma, acho que é uma leitura válida se você não tiver nada para fazer e quiser rir bastante. E uma verdade é que eu ri muito mesmo, e por esse motivo o livro ganhou nota 3, porque ele é aquele tipo de livro que não agrega muita coisa sabem?!
 
Uma correlação para que fique um pouco melhor o entendimento para vocês, esse livro me lembrou muito os filmes de Austin Powers, sabem, parodiando os filmes, músicas, enfim de forma bem bizarra.

 

Ah, uma informação importante, Emma Thomas é um pseudônimo, até onde sei, ninguém sabe quem é a autora real.


Beijos e até a próxima!

3 livros
Comentários
14
Compartilhe

14 comentários:

  1. Todo mundo falou sobre essa questão de ficar meio repetitivo, acho interessante a ideia da paródia, mas como não li 50 tons não dá pra ler rs'

    Beijo:*
    Naty.

    ResponderExcluir
  2. Não sou muito fã de paródias, esses livros geralmente me fazem pensar como o autor pode estragar um obra maravilhosa (Jane Austen nesse caso). Tenho certeza de que esse é um livro que não lerei.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo completamente com você Naty. Li Orgulho e Preconceito e sei o quão maravilhoso é este clássico da literatura Inglesa. Não li 50 tons e nem me interesso e com certeza esse é um livro que eu também não vou ler. Acho que os autores podem ser criativos sem precisar denegrir outras obras.

      Excluir
  3. Lay, eu gosto de paródias, e o que achei de negativo são as muitas páginas que você citou, na minha opinião paródia não dá pra estender demais que fica repetitivo.
    Tive interesse em ler esse livro, mas me passaram a informação que só entenderia se tivesse lido os livros envolvidos e eu não li nada dos 50 tons. Mas agora que você falou que não é necessário, vou ler sim.
    Parabéns pela resenha! bjs

    ResponderExcluir
  4. Oie Lay =D

    Assim ... eu não tenho nenhuma vontade de ler a trilogia 50 tons rs... nada contra quem leu e gostou, mas é o tipo de livro que não chama a atenção.

    Algumas parodias devem ser bem divertidas mesmo, mas fica meio complicado para quem não leu os orginais entender as piadas XD

    Beijus e uma ótima semana para você!
    ;***
    anereis.
    mydearlibrary | bookreviews • music • culture
    @mydearlibrary

    ResponderExcluir
  5. Não tinha lido nenhuma resenha sobre esse livro, então foi uma boa surpresa ver que o livro não é erótico, mas uma sátira dos dois romances.
    Mas, não sei se leria o livro, li 50 tons de cinza, mas não gostei muito e não sou fã de Austin Powers rs

    ResponderExcluir
  6. Eu simplesmente odiei esse livro, achei uma ofensa, ninguém deveria ter que gastar dinheiro comprando um livro tão ruim. Como da para ver ainda estou indignada com o besterol que ele é.

    ResponderExcluir
  7. Eu não tenho nenhum interesse na trilogia 50 tons e como não gosto muito de paródias, não tenho nenhum interesse nesse livro!!

    ResponderExcluir
  8. Não curto paródia de livros e não me admira a autor colocar o psudonimo na obra. Como tu disse acho que da pra ler se não tiver nenhum livro válido em mãos.

    ResponderExcluir
  9. Oi Lay,sinceramente é um livro que como você menciona: "o objetivo é criticar os dois romances envolvidos e nos fazer rir com muitas coisas sem sentido"Posso ler por essa questão,mas com certeza parodiar um livro que é um clássico como Orgulho e Preconceito da aclamada Jane Austen é de mau gosto e ainda por cima pega carona na "onda do momento" Cinquenta Tons de Cinza da estreante E.L. James,e o autor ou autora nem tem coragem de aparecer,né?

    ResponderExcluir
  10. Sinceramente, não gosto muito de paródias, acho que o que incomoda nessa em especial é o fato de pegar um clássico como Orgulho e Preconceito, e mesclar com Cinquenta tons pois eu amo os dois livros, mas acho que esse só foi criado na intenção de "aproveitar" esse sucesso que cinquenta tons virou, o que é cansativo porquê hoje em dia no mercado de livros eróticos, cada livro lançado é comparado a cinquenta tons, como já disse acho que é meio que um desrespeito com o autor, e o fato de a autora não aparecer já é um fato negativo, acho que esse livro só foi escrito com o único proposito de obter vendas.

    ResponderExcluir
  11. ''Creio que seu propósito seja deixar ainda mais claro para os leitores a minha natureza de macho-alfa capaz, agradável e sabe-tudo, e lançar luz sobre a sua impotência e sua ignorância sobre assuntos de sexo e música clássica.'' Meu Deus tão Cristian Grey kkkkkkkkk! Observação importantíssima: Há um abismo MUITO grande de diferença entre ''Orgulho e Preconceito'' e ''Cinquenta tons de Cinza''. Nada mais a declarar..

    ResponderExcluir
  12. Ai meu deus quanto trá lá lá vocês são adultos e agem como crianças!Fala sério ! Tão sempre com essa postura "ai o romance é clássico fazer isso é feio estraga a obra!"meu vocês já leram pelo menos um dos livros da série e vocês sabem como a historia é realmente qual o maldito problema de alguém alterar pra fazer comedia? ou mudar um pouco o roteiro? Tudo a mesma coisa é chato eu acho ridículo com todo esse mimimi eu amo ler livros até mesmo aqueles que já fizeram parodia sobre e me remo-o a gargalhadas por que é muito massa é ótimo ler a historia novamente mais com uma perspectiva diferente de um modo totalmente novo é maravilhoso e vocês ai reclamando humf são um bando de chatos mesmo ¬¬ não apreciam mudanças no roteiro tem que seguir as "tradições originais".E se for pra falar mal falem nem ligo me divirto por ver vocês depreciando uma obra só por misturar "uma obra de grande respeito da Jane com um livro do 50 tons"a maior parte de vocês nem leram e ficam reclamando dizendo é ruim isso é só papo pra boi dormir!#PRONTOFALEI Adolescente aqui com 16 anos Esperando os adultos tomarem vergonha no meio dessa fuça!

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por e-mail.
Obrigada!

 
imagem-logo
De Tudo um Pouquinho - Copyright © 2016 - Todos os direitos reservados.
Layout e Programação HR Criações