18 de set de 2013


[Resenha] Como eu era antes de você - Jojo Moyes


Ficha Técnica

Título: Como Eu era antes de você
Título Original: Me Before You
Autor: Jojo Moyes
ISBN: 978-85-8057-329-9
Páginas: 320
Ano: 2013
Tradutor: Beatriz Horta
Editora: Intrínseca

image32Aos 26 anos, Louisa Clark não tem muitas ambições. Ela mora com os pais, a irmã mãe solteira, o sobrinho pequeno e um avô que precisa de cuidados constantes desde que sofreu um derrame. Trabalha como garçonete num café, um emprego que não paga muito, mas ajuda nas despesas, e namora Patrick, um triatleta que não parece interessado nela. Não que ela se importe. Quando o café fecha as portas, Lou é obrigada a procurar outro emprego. Sem muitas qualificações, consegue trabalho como cuidadora de um tetraplégico. Will Traynor, de 35 anos, é inteligente, rico e mal-humorado. Preso a uma cadeira de rodas depois de um acidente de moto, o antes ativo e esportivo Will desconta toda a sua amargura em quem estiver por perto. Tudo parece pequeno e sem graça para ele, que sabe exatamente como dar um fim a esse sentimento. O que Will não sabe é que Lou está prestes a trazer cor a sua vida. E nenhum dos dois desconfia de que irá mudar para sempre a história um do outro. Como eu era antes de você é uma história de amor e uma história de família, mas acima de tudo é uma história sobre a coragem e o esforço necessários para retomar a vida quando tudo parece acabado.


Resenha

Louisa Clark, ou somente Lou, é uma jovem de 26 anos sem muitas ambições. Mora com seus pais, irmã, sobrinho e avô, trabalha em café que adora e tem um namorado que dá mais atenção as corridas do que a ela – não que ela se importe muito. Lou se sente bem vivendo de forma simples, sem almejar grandes feitos. Para ela basta estar no Café. Até que um dia se vê desempregada e atormentada, já que não tem muita experiência e não é qualificada para a maioria dos empregos. Além de não se enquadrar as normas de algumas organizações. A protagonista tem um temperamento fortíssimo. Ela não imaginava que algumas surpresas estavam para acontecer.

selo_blogparceiro_2013.1_thumb132122[1]Will Traynor era um executivo, esportista, adorava viajar, um homem ativo. Após um dia chuvoso, uma moto saiu de sua rota e atropelou Will, deixando-o tetraplégico. Sua vida então desmoronou. Não via mais sentido em continuar vivo, já que sempre precisaria da ajuda dos outros. Tornou-se um cara muito mal-humorado – ele tinha certa razão – descontava sua raiva em quem estivesse por perto. Até que Louisa virou a sua cuidadora.
Lou não tinha experiência alguma em cuidadora de tetraplégicos e não sabia como lidar com Will. Vejam bem, ele não dava abertura para a coitada! Só a destratava, mesmo que ela só fizesse tudo para agradá-lo e nas melhores intenções. Ao decorrer da história, o leitor entende mais as razões para esse comportamento hostil. Will só queria que parassem de tratá-lo como criança, já que para ele que sempre foi um ativo era complicado não poder mais fazer suas atividades de antes. E foi entendendo isso que Lou conquistou o nosso inteligente mal-humorado. Ela o confrontou e ganhou a sua admiração e respeito.
Aparentemente, a expressão de Will Traynor não se alterou muito, mas acho que vi espanto ali, como se não estivesse acostumado a ter alguém discordando dele.
Pág. 57
Então aos poucos a Abelha Atarefada vai conseguindo que Will consiga sorrir, algo muito difícil desde o acidente. Ela descobre um segredo grave envolvendo a família de Will e o próprio, um segredo que traria “alívio” para o protagonista e tristeza para os demais. Vendo essa situação, Lou se sente determinada a reverter essa possível decisão de seu patrão.
Às vezes Clark, você é a única coisa que me dá vontade de levantar da cama.
– Então vamos para algum lugar. As palavras saíram da minha boca antes que eu percebesse o que queria dizer.
Pág. 236
A partir daí, o desenrolar do livro se ambienta na casa de Lou, em seu trabalho ajudando Will, no convívio com seu namorado Patrick, a sua relação com seus familiares. A obra de Jojo Moyes é forte, real. Uma história sobre coragem, força de vontade, aprendizado, perdas e amor. Triste ao final, mas como disse, é real. Então por isso, esperava que o desfecho fosse assim, triste. Foi um livro que me cativou, e pensei muito nele após a leitura. Faz-te questionar sobre a vida, o que nós deixamos passar e aquilo que não fazemos por medo. Os personagens são tão reais e complexos como nós. Cheios de preocupações, problemas, de afazeres e conseguem – a sua maneira – serem felizes e encontrar motivos para sorrir em pequenas coisas. Recomendo essa história com tantos sentimentos, com tanta verdade e com tanto amor.
Você está marcada no meu coração, Clark. Desde o dia em que chegou com suas roupas ridículas, suas piadas ruins e sua total incapacidade de disfarçar o que sente. Você mudou a minha vida muito mais do que esse dinheiro vai mudar a sua.
     
5-livros_thumb_thumb

Auri Vilas-Bôas

Comentários
8
Compartilhe

8 comentários:

  1. Só de ler esse último parágrafo já fiquei emocionada. É uma das leituras que preciso fazer, já está a tempo para ser lido e não tive ainda como. Mas farei.

    ResponderExcluir
  2. Vi esse livro na bienal, mas deixei de comprar por falta de indicação e tal. Mas percebi que foi um erro, parece ser muito bom. Gosto de histórias realistas, que faz refletir, que mostra que a vida não é um conto de fadas!
    Já ta na minha lista!

    ResponderExcluir
  3. Oi Auri!
    Esse livro é mesmo cativante, emocionante, pleno de sentimentos e amor.
    Um livro que promove a reflexão e cumpre seu papel com encanto e magia.
    bjs

    ResponderExcluir
  4. Eu imagina esse livro bem diferente... Pensava que era mais focado nela e no Patrick. Mas parece ser emocionante, fiquei com muita vontade de ler-lo.
    Beijos :)

    ResponderExcluir
  5. Oi Auri, li e me emocienei demais com esse livro.
    Muito forte e nos faz pensar na questão da escolha, juro que preferia um final diferente mas entendi os pontos colocados no livro e 'aceitei' o seu final.
    Passei alguns dias com ressaca literária desse livro
    N qria abandonar a história!
    Heheheheheheehe

    Bjooooos
    muitospedacinhosdemim.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Eu nunca tinha ouvido falar do livro, mas adorei sua resenha *-*
    Parece ser muito emocionante (certeza que vou sair chorando hahahaha)
    Obrigada pela dica

    Beijo

    ResponderExcluir
  7. Uau. Essa última frase mexeu comigo, fiquei desesperada para ler esse livro. A primeira vez que o tinha visto não me interessei por causa da capa, mas depois dessa resenha, adoro esses romances que vão mais para o lado da vida real, e qual será esse segredo?

    ResponderExcluir
  8. Que livro lindo. Ja estou procurando na internet, pois esse eu tenho que ler. Valeu!

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por e-mail.
Obrigada!

 
imagem-logo
De Tudo um Pouquinho - Copyright © 2016 - Todos os direitos reservados.
Layout e Programação HR Criações