17 de out de 2013


[Resenha] O Amor do Pequeno Príncipe: Cartas a uma desconhecida - Antoine de Saint-Exupéry

 

Ficha Técnica

Título: O Amor do Pequeno Príncipe - Cartas a uma desconhecida
Título Original: Lettres à L'Inconnue
Autor: Antoine de Saint-Exupéry
ISBN: 978-85-209-2282-8
Páginas: 32
Ano: 2009
Tradutor: Alcida Brant
Editora: Nova Fronteira

pppUma paixão perdida no tempo vem à tona por meio de cartas inéditas de Antoine de Saint-Exupéry (1900-1944) reunidas em O amor do Pequeno Príncipe. A correspondência, reproduzida em fac-símile e traduzida para o português, resgata uma história de amor protagonizada pelo escritor e aviador francês durante seu último ano de vida. Repletas de ilustrações nunca antes vistas de seu personagem mais famoso, essas cartas, destinadas a uma mulher desconhecida, iluminam também a relação entre o autor e sua criação e retomam a mistura de doçura e melancolia que marcou sua obra prima.

Resenha

Em 1943 depois de passar alguns anos exilado nos Estados Unidos e logo após lançar seu livro “O Pequeno Príncipe”, o escrito Antoine de Saint-Exupéry volta a Argel, na Argélia, na tentativa de encontrar o campo de ação militar de sua esquadrilha.

Numa viagem de trem que lhe conduziria até Argel, Antoine conhece uma moça francesa de 23 anos por quem se apaixona instantaneamente. Desta forma, o rapaz em seu último ano de vida, escreve cartas para essa desconhecida, cartas essas que foram achadas anos depois e se encontram atualmente no Museu de Cartas e Manuscritos em Paris.

O PASSARINHO
Então, acabou ou não essa carta? Agora preciso levá-la…
O PEQUENO PRÍNCIPE
Desculpe! Estou escrevendo para uma amiga que se esqueceu completamente de mim…
Pág. 15



Com essas cartas iremos perceber o quão solitário Antoine se sentia e como ele se auto-relacionava com o personagem criado por sí, ao ponto de escrever algumas cartas como se fosse o próprio Pequeno Príncipe.

Apesar de o livro ser bem curtinho, as cartas são muito bonitas e bastante pessoais. Elas são recheadas de emoção e da já caractéristica poesia e sensibilidade de Antoine. Nesse compêndio de cartas teremos a gratificante chance de poder ver novas aquarelas feitas pelo escritor, algumas delas retratando o Pequeno Príncipe, que na maioria das imagens está com feições mais sómbrias e entristecidas, talvez um reflexo de como o autor se sentia na época.

Mandei-lhe um bilhetinho de quatro linhas, mas você não me disse se recebeu. Por isso, menininha invisível, estou lhe enviando uma outra menininha que inventei, que será minha amiga como o Pequeno Príncipe, e cuja história vou lhe contar.

Pág. 17

 



“O Amor do Pequeno Príncipe - Cartas a uma desconhecida” é uma leitura rápida, porém profunda. Sua edição é espetacular: a capa é em papel cartão e o miolo do livro possúi um papel amarelado e grosso. No livro é possível ver a reprodução das cartas em francês ao lado das respectivas traduções. Infelizmente parece que este livro só teve uma edição aqui no Brasil e não se encontra facilmente nas livrarias.

Ele estava triste, e por isso foi injusto. Risquei tudo o que ele dizia… mas guardei o desenho, porque está tão parecido…
Ele não é tão mau assim, mas está tão trsite…

Pág. 19

 


4 livros

Tácio

Comentários
9
Compartilhe

9 comentários:

  1. Oi Tácio!
    Nossa, n conhecia esse. E realmente parece bem interessante
    Tenho q tomar vergonha e ler td q tiver do Pequeno Príncipe
    hahahahahahahaaha
    me sinto uma analfabeta literária

    bjoooooos
    muitospedacinhosdemim.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Ain que fofura *-*
    Tudo que envolva O pequeno príncipe merece uma chance :D

    Beijo

    ResponderExcluir
  3. Oi,
    Nossa ainda não li o Pequeno Príncipe original e nem sabia que esse existia..sei é uma vergonha! Rsrs
    Bjs!
    Viciados Pela Leitura

    ResponderExcluir
  4. Que fofo! Não li esse ainda. Não entendia como foi lançado. Mas agora entendi.

    ResponderExcluir
  5. Sei que nada é igual ao livro original, mas o pequeno principe é um clássico, e esse também parece ser bem legal, vou ler sim.

    ResponderExcluir
  6. Que lindo o livro, merecia uma reedição bem caprichada.

    ResponderExcluir
  7. Um grande clássico se renovando e passando de geração para geração!!
    Adorei =)

    ResponderExcluir
  8. Era uma vez uma menina chamada Rayane, ela nunca leu O Pequeno Príncipe, mas entrou em um certo blog e descobriu que o O Pequeno Príncipe foi escrito a mais de 70 anos e que existe mais 2 livros dele. Rayane quer ler os livros mais ela não tem tempo porque sua lista de leitura bate o recorde do Guinness World.
    Fim

    ResponderExcluir
  9. Não conhecia o livro, só li O Pequeno Principe e para falar a verdade, não gostei muito. Sei que vou acabar lendo este, mas não vai ser em breve. Talvez eu mude um pouco de opinião a respeito dos livros.

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por e-mail.
Obrigada!

 
imagem-logo
De Tudo um Pouquinho - Copyright © 2016 - Todos os direitos reservados.
Layout e Programação HR Criações