4 de abr de 2014


[Resenha] Anjos à Mesa - Debbie Macomber

 

Ficha Técnica

Título: Anjos à Mesa
Título Original: Angels at the Table
Autor: Debbie Macomber
ISBN: 978-85-8163-153-0
Páginas: 222
Ano: 2013
Tradutor: Rafael Gustavo Spigel
Editora: Novo Conceito
anjosShirley, Goodness e Mercy sabem que o trabalho de um anjo é interminável — especialmente na véspera do Ano-novo. Ao lado de seu novo aprendiz, o anjo Will, elas se preparam para entrar em ação na festa de fim de ano da Times Square. Quando Will identifica dois solitários no meio da multidão, ele decide que a meia-noite será o momento perfeito para dar aquele empurrãozinho divino de que eles precisam para acabar com a solidão. Então, por “acidente”, Lucie Ferrara e Aren Fairchild esbarram-se no meio da alegria da festa, mas, assim como se aproximam, acabam se perdendo: um encontro marcado que não acontece os afasta pelo resto da vida. Ou será que não? Um ano depois, Lucie é a chef de um novo e aclamado restaurante, e Aren é um colunista de sucesso em um grande jornal de Nova York. Durante todo o ano que passou, os dois não se esqueceram daquela noite. Shirley, Goodness, Mercy e Will também não se esqueceram do casal... Para uni-los novamente, os anjos vão usar uma receita antiga e certeira: amor verdadeiro mais uma segunda chance (e uma boa dose de confusão), para criar um inesquecível milagre de Natal.

Resenha

Neste romance escrito por Debbie Macomber, iremos acompanhar a aventura de quatro anjos na Terra. Shirley, Goodness e Mercy são personagens já conhecidos nas histórias da Debbie, que escreveu vários livros sobre esses anjos, porém nenhum destes volumes foi lançado ainda no Brasil. Em “Anjos à Mesa” a autora introduz mais um personagem à sua trupe: Will, um jovem e atrapalhado anjo aprendiz. 

Selo-Parceiros-Novo-Conceito4222Em uma visita à Terra na noite de Ano Novo, os quatro anjos acabam se metendo em uma grande confusão e interferindo sem permissão na vida de dois humanos. Lucie e Aren se esbarram durante a virada do ano na Times Square, e instantaneamente se apaixonam. Porém, na mesma velocidade em que se conhecem, acabam se perdendo um do outro, em uma interferência do destino que mudará para sempre a vida de ambos.
Por mais que tentasse esquecê-lo, não funcionava. Continuava imaginando quanto tempo ele a esperara naquele dia. Será que ele tinha ficado no frio, na esperança de que ela chegasse com uma explicação lógica do motivo do atraso? Será que ele se arrependera de não terem trocado os telefones, assim como acontecera com ela?
Pág. 56 
Quase um ano depois do encontro de Aren e Lucie, o anjo Gabriel dá uma missão importante para Shirley, Goodness, Mercy e Will: eles devem voltar à Terra e garantir que Aren e Lucie se re-encontrem e se apaixonem corretamente, desta vez sem interferências. Porém, cada um dos jovens está seguindo em frente com a sua vida, apesar de não terem esquecido um do outro durante este tempo.

Os anjos farão o seu melhor para garantir que o casal se junte mais uma vez, e definitivamente de preferência. Mas, confusão e desastre são os sobrenomes destes anjos, que aparentemente não conseguem fazer nada correto antes de gerar um caos. Restará ao tempo, e aos próprios Aren e Lucie, com um pouquinho de interferência celestial, encontrarem o compasso correto do amor.
– Agora vocês verão o que acontece quando um anjo se excede ao ajudar humanos.
– Mas nossas intenções eram boas.
– Intenções – Gabriel repetiu. – Intenções, meu jovem, são pavimentos ao longe da estrada da morte.
Pág. 72/73
“Anjos à Mesa” é mais um livro com a cara da Debbie Macomber. Recheado de romance, em seu mais puro formato, fé e bastante desvios durante o percurso em busca da felicidade, o livro possúi uma leitura rápida e que agrada. Apesar de sua temática ser batida e não muito original, chegando a lembrar algumas passagens de “O Amor Mora ao Lado” da própria Macomber, a autora consegue usar de artifícios que enaltecem outros pontos de sua escrita.

Sendo narrado em terceira pessoa, o livro intercala momentos da vida de Aren, da vida de Lucie e dos anjos. Esse mix de diferentes universos dá movimento ao livro, e talvez seja este um dos fatores que transforma esta obra bastante direta e rápida, o que me fez sentir em alguns momentos que tudo acontecia numa velocidade avançada. Não seria ruim se em alguns pontos, um pouco mais de suspense e controvérsias acontecessem para que os fatos narrados tomassem uma forma mais dramática.
Sua mãe tinha razão. Lucie estragara sua oportunidade de estar com Aren de forma magistral. E não uma, mas duas vezes. Não foi à toa que ele deixara claro não ter intenção de voltar a entrar em contato com ela.
Pág. 94 
Apesar dos pequenos problemas, “Anjos à Mesa” é aquela leitura de uma sentada só que consegue agradar o leitor. Os anjos são bastantes cativantes, e seria interessante ver suas outras histórias publicadas no país. Se os fãs pediram para que ela escrevesse mais sobre eles, isto deve significar que suas aventuras são provavelmente divinas.
Comentários
14
Compartilhe

14 comentários:

  1. Olha eu sinceramente tenho que dizer que gostei bastante da sua resenha, porque vc soube colocar tudo de importante sobre a história e eu já o li. Simplesmente adorei a escrita da Debbie e quero muito poder conhecer outras obras dela. Espero poder gostar, porque o unico que tenho aqui dela é da POUSADA, mas tem um outro ai que me indicaram e que quero desesperadamente. Agora n vou me lembrar o nome.
    Mas o livro Anjos a Mesa é INCRIVEL. Desde do ano passado estava querendo ler e nesse ano, no mes de janeiro, tive essa oportunidade. Principalmente de ler POSEIDON que adorei também e n vejo a hora de uma continuação sobre o livro.
    Enfim...

    Parabens pela sua resenha querida e espero que você ainda leia os outros da autora, porque acho que são muito bons =]

    beijinhos

    lovereadmybooks.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Silvana. =D
      Eu já li os outros livros da Debbie publicados pela Novo Conceito, e posso lhe garantir que Pousada Rose Harbor é MUITO bom!

      beijão

      Excluir
  2. Achei legal esse enredo com anjos e amor como providência divina, mas não é um livro que eu chegue a colocar na minha lista. A capa é linda e é a cara do natal rsrs.

    Beijooos

    ResponderExcluir
  3. Olá
    Adorei sua resenha. Confesso que várias vezes vi esse livro na livraria e não comprei, mas lendo sua resenha me arrependi. Gosto muito de romances assim, leves e com a finalidade de nos distrair. Vou adicionar na minha lista de leitura.

    ResponderExcluir
  4. Oi Tácio,
    Que lindinho esse livro, adorei!
    Gosto de livros com clima de fim de ano e com romance então, acho muito fofo!
    Não conhecia nada da Debbie Macomber (aliás, estou em dívida com vários autores, acho que só tendo outra vida para ler tudo o que quero! rsrsrs)
    Enfim, adorei a temática sobre os anjos tipo cupidos e toda a confusão que eles devem aprontar para unir esse casal. Muito legal, parabéns pela resenha!
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Mais uma resenha que considera o livro bom, mas com várias falhas!!! Mesmo assim não me dou por vencida e ainda quero ler... :)

    ResponderExcluir
  6. Sou apaixonada por Debbie Macomber. Não preciso ler as sinopses dos seus pra me interessar, só preciso ler o nome dela na capa. Ela tem uma escrita leve, gostosa, sem muitas firulas ou grandes reviravoltas.

    ResponderExcluir
  7. Oi Tácio!
    Um livro rapidinho, para ler descompromissadamente e que agrada os leitores da autora. Um clichê que funciona :)
    Gostei mais das trapalhadas dos anjos que dos protagonistas =D
    Como vc disse o mix de universos deu movimento ao livro, eu tb preferia que houvesse mais controvérsia e suspense ;)
    A capa é linda mesmoo e eu gosto de livros com a cara do Natal.
    Bjs

    ResponderExcluir
  8. Não conheço o trabalho da Macomber, e também nunca tinha lido a sinopse ou resenha desse livro, apesar de ter visto nas lojas online e ter gostado da capa.
    Esses anjos atrapalhados devem causar boas risadas, querendo fazer a coisa certa e comentendo alguns erros...kkk
    A única coisa que me atraiu foi poder acompanhar os quatro anjos e seu universo, o romance entre Aren e Lucie não sei se conseguiria me convencer, como dizem o que for para acontecer, acontecerá, mesmo que os anjos atrapalhem ao invés de ajudar, no fim e nesse caso o amor deve prevalecer.

    ResponderExcluir
  9. Achei a capa linda demais, adoro esse clima natalino.
    A história parece ser bem gostosa de ser lida, mas não sei se despertou muito minha vontade de ler. :/

    ResponderExcluir
  10. Amo os livros da Debbie. O jeito que ela escreve é muito fácil de entendimento. Já li vários livros dela.

    ResponderExcluir
  11. Nunca li nenhum livro da Debbie , Mais me interessei bastante por esse livro , ele parece ser otimo , Quero mt conhecer o trabalho da Debbie !! Amei a resenha , A capa é simples , mais fofa !

    ResponderExcluir
  12. Adoro os livros da Novo Conceito e esse parece ser muito lindo mesmo! Adorei a resenha e vou colocar na minha lista *-*. Apesar de todos os pontos que não te agradaram tanto, tenho bastante curiosidade de conferir este livro!!
    Pois parece ser um leitura super agradável!!
    Abraço!

    ResponderExcluir
  13. Oi, eu ainda não li nenhum livro da autora, mas pretendo conhecer o trabalho dela, esse livro não me interessava, mas agora, sinto certo interesse em ler ele, a historia pelo visto é bonita, um ótimo passatempo, pretendo dar uma chance a ele, obrigada pela sua resenha, ela foi a que me deixou interessada no livro.
    Beijos!!!

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por e-mail.
Obrigada!

 
imagem-logo
De Tudo um Pouquinho - Copyright © 2016 - Todos os direitos reservados.
Layout e Programação HR Criações