27 de jun de 2014


[Resenha] O Enigma das Estrelas - F. T. Farah

 

Ficha Técnica

Título: O Enigma das Estrelas
Autor: F. T. Farah
ISBN: 978-85-8130-174-7
Páginas: 160
Ano: 2014
Ilustração: Samuel Casal
Editora: Geração Jovem
21Uma aventura eletrizante, um enigma perturbador Antes de ser queimado em praça pública, um padre amaldiçoa Morro do Ferro. Pouco depois, luzes misteriosas começam a perseguir seus moradores. O vilarejo mineiro, cercado por erosões sinistras, é o destino das férias de julho de cinco amigos: Jonas, Alfredo, Carola, Carmem e Vicentinho. No primeiro volume da saga Clube dos Mistérios, a turma é encorajada a acampar no topo do Morro dos Anjos. Uma experiência do outro mundo marcará suas vidas. Para sempre. Prepare-se para desvendar o enigma das estrelas. Mas tome cuidado. Alguém pode estar observando seus passos...

Resenha

Geração 2014Em 2005 “O Enigma das Estrelas” foi lançado pela editora Papagaio. Agora em 2014 o livro é relançado pela Geração Jovem com algumas mudanças feitas pelo próprio autor. Este livro escrito pelo brasileiro F. T. Farah faz parte de uma série intitulada “Clube dos Mistérios” composta por cinco volumes. Além de “O Enigma das Estrelas”, já foi publicado também pela Papagaio o segundo exemplar, “A Diversão dos Mortos”, que terá seu relançamento ainda este ano pela Geração.

“O Enigma das Estrelas” conta a estória de cinco amigos: Jonas, Alfredo, Carola, Carmem e Vincentinho. Todos eles se encontram uma vez por ano nas férias de meio de ano em Morro do Ferro, vilarejo que fica em Minas Gerais.
– Sempre que ele via algo estranho no céu, no dia seguinte um boi ou vaca aprecia morto no pasto, sem várias partes do corpo. Era horrível ver aquilo.
Pág. 25 
Nessas férias de verão logicamente que os meninos vivem diversas aventuras e se metem em muita confusão. O plano é que neste ano eles acampem no topo do Morro dos Anjos, completamente sozinhos sem os seus pais. O problema é que essa região é muito conhecida pela ocorrência de eventos estranhos, muitas vezes apontados como atividades de extraterrestres.

“O Enigma das Estrelas” me lembrou uma série de livros que li quando mais jovem: Os Karas, do Pedro Bandeira. A atmosfera de amigos adolescentes que vivem aventuras é bem gostosa, o único problema para mim foi esse universo de ET’s, que infelizmente deixou o livro mais infantil do que talvez ele precisasse ser. Porém, o público alvo dessa obra de fato são os mais jovens, sem dúvida alguma.
– Para mim, foi tarde demais. O veneno daquela cobra contaminou o meu sangue – revelou o líder. Em um piscar de olhos, não era mais o amigo de São Paulo que estava ali. Era um garoto com pele, olhos e presas de serpente. Carmem não conseguiu segurar o grito.
Pág. 51
Fica evidente que o autor utilizou de referências da sua própria infância para construir seu livro, como passagens de músicas de Raul Seixas e Roberto Carlos, citações de filmes como “E.T. - O Extraterrestre” (1981) e “Contatos Imediatos de Terceiro Grau” (1977), ambos filmes do Steven Spielberg - outros filmes com o dedo do Spielberg também foram citados, como “Super 8” (2011) e “Guerra dos Mundos” (2005). 

O livro é narrado em terceira pessoa, e intercala momentos individuais da vida de cada um dos cinco amigos. Essa abordagem acaba introduzindo muitos personagens, como os pais de todos os meninos, que para mim foi algo desnecessário. Apesar da estória focar em um personagem mais do que os outros - o Jonas -, fica claro que o ponto de vista dos demais é essencial para o desenrolar dos fatos.
Começou a se arrastar pelo chão como se fosse um animal fugindo do predador. Não adiantava se esconder. Uma porta se abriu e três extraterrestres chegaram perto. Estavam em pé e pareciam grandes, terríveis, prontos para o golpe mortal.
Pág. 98
“O Enigma das Estrelas” é um livro que promete garantir diversão para os mais jovens, por ser recheado de ação e aventura. Além da escrita de Farah, o leitor pode usufruir de ilustrações do Samuel Casal, que já colaborou com grandes publicações como Caros Amigos e Mundo Estranho. Agora só resta esperar pelos próximos volumes que esta parceria entre a Geração e o F. T. Farah nos trará.



Comentários
2
Compartilhe

2 comentários:

  1. Não conhecia o livro e gosto de livros infanto juvenis, creio que gostaria de ler esse, não ficaria desapontada. Gostei bastante de sua apresentação, obrigada.

    ResponderExcluir
  2. Esse é outro livro que eu nunca tinha visto. A resenha está perfeita, eu li a sinopse do livro e não me convenci totalmente se ele poderia me agradar. A resenha me ajudou a esclarecer este fato. Por enquanto eu não irei baixar ou comprá-lo, mas quem sabe pela frente?

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por e-mail.
Obrigada!

 
imagem-logo
De Tudo um Pouquinho - Copyright © 2016 - Todos os direitos reservados.
Layout e Programação HR Criações