14 de set de 2014


[Resenha] A Namorada do Meu Amigo - Graciela Mayrink


Ficha Técnica

Título: A Namorada do Meu Amigo
Autor: Graciela Mayrink
ISBN: 978-85-8163-563-7
Páginas: 336
Ano: 2014
Editora: Novo Conceito
35Quando voltou das férias de verão, Cadu não imaginava a confusão em que a sua vida se transformaria. Era para ser um ano normal, mas ele entrou em uma enrascada e está correndo o risco de perder a amizade do cara mais legal do mundo. O que fazer quando a namorada do seu amigo vira uma obsessão para você? Os churrascos da turma da faculdade talvez ajudem a esquecer Juliana, e, se depender do esforço do divertido Caveira, não faltarão garotas gente boa para preencher o coração de Cadu. Mas não adianta forçar... Quem consegue mandar no coração? Alice, a irmã de Beto, é só mais uma das dores de cabeça que Cadu tem que enfrentar. A vida inventa cada cilada!

Resenha

Logo que soube que a Graciela lançaria um novo livro fiquei empolgada, afinal seu outro livro lançado pela Novo Conceito, Até eu te encontrar foi muito bom. Quando vi o título do livro então, a vontade de lê-lo só aumentou, afinal, com esse título, a história prometia.

Selo-Parceiros-Novo-Conceito42222322Em "A namorada do meu amigo" conhecemos nosso protagonista Cadu, no início da história com 12 anos. Ele sempre está acompanhado de seus dois melhores amigos, Beto e Caveira e por isso são chamados por todos no bairro como Os Três Mosqueteiros. Ainda nesse início a gente também é apresentado à Juju, uma garotinha de 8 anos que sempre foi apaixonada pelo Cadu e tinha o sonho de ser o D'Artagnan do grupo de qualquer jeito, mas os meninos não queriam nem conta com ela por perto e quando descobriram que ela iria embora para o Sul do Brasil "para sempre" ficaram extremamente felizes.

Mas o para sempre deles não foi tanto assim... Oito anos se passaram e ao voltar de férias de Florianópolis Cadu descobre que a "terrível" Juju está de volta, e mais, está namorando seu melhor amigo Beto. Porém, ao se ver cara a cara com ela é paixão à primeira vista. A pequena Juju deu lugar a Ju, uma jovem meiga, inteligente e adorável, mas Cadu não poderia pensar nela dessa forma, afinal, ela é namorada do seu amigo.

Imagina uma situação dessa? Para completar, Cadu e Beto passam muito tempo juntos, eles fazem faculdade de Direito juntos, correm na pista da universidade todos os dias, saem com o Caveira para festas e o claro para o encontro semanal no Bar do Tavares, são muitas situações em que a Juliana poderá também estar lá, o que tornará as coisas ainda mais complicadas do que já são.
É claro que iria querer ser amigo dela, mesmo que só isso. Não hesitaria nem um instante para ter Juliana ao meu lado.
Pág. 31
Bem, mas sabendo que não é possível ficar com ela, Cadu tenta esquecê-la. E é aqui que apresento algumas outras informações para vocês. Alice, irmã mais nova de Beto já demonstra interesse por Cadu há algum tempo, mas ele faz de conta que não percebe, afinal, Os Três Mosqueteiros têm um pacto. Na verdade Beto fez Cadu e Caveira aceitarem esse pacto quando ainda eram crianças, eles não poderiam se envolver com as irmãs dos amigos, mas a verdade é que Cadu e Caveira são filhos únicos, ou seja, Beto fez o pacto por interesse próprio, já prevendo o futuro de suas duas irmãs.

Então, esse é um dos motivos que fazem com que Cadu faça de conta que não percebe as investidas de Alice, mas talvez ela possa ser uma válvula de escape em sua complexa situação amorosa.
Os momentos de decisão são importantes em nossa vida, mas nem sempre significam algo bom ou fácil.
Pág. 309
Tenho que dizer para vocês que o enredo me envolveu mesmo, a todo instante vivia a incerteza de saber o que Cadu faria com esse sentimento por Juliana e sua amizade com Beto. Colocando em uma balança, o que seria mais importante para um garoto de 20 anos? Difícil pensar com a cabeça de um garoto quando se é do sexo oposto, mas acho que a Graci foi feliz no desenvolvimento de sua história e dos personagens, mas sem dúvida o meu preferido foi a Alice. Determinada a conquistar o que deseja ela é um personagem que merecia mais e mais cenas.

Eu curti muito a história, mas confesso que fiquei frustrada nas últimas páginas. Já disse aqui no blog diversas vezes que não gosto de histórias inacabadas e essa foi a sensação que fiquei no final do livro, de que faltava um final, mesmo que eu não gostasse. O livro é muito bom, mas fiquei com aquele sentimento "e...?", acredito que a história merecia mais.

Bem queridos, ainda assim, acho válida a leitura, mas não esqueçam de me contar o que acharam também!

Beijinhos e até a próxima!
Comentários
7
Compartilhe

7 comentários:

  1. Oii Lay !
    Até um mês atrás eu não conhecia nenhum dos livros da Graciela, mas quando bati os olhos nesse livro me apaixonei e pensei "Preciso colocar você na lista de compras da bienal", ai eu chego lá e encontro quem? HAHA, a Graci é claro, e ela foi uma fofa, tirou foto, autografou o livro, conversou comigo ! Fiquei realmente encantada .. *o*
    Vamos combinar que o Cadu marcou bobeira quando era mais novo eim, quem imaginava que a Juliana iria mudar tanto e ele de cara iria se apaixonar, e que iria namorar logo um dos melhores amigo dele? Confesso que desde a primeira resenha que li, nem dei muita bola pro Beto e fiquei torcendo pra Juju e pro Cadu ficarem juntos, rsrs! Amei o livro ! E espero poder comprar logo "Até eu te encontrar", já ouvi falando super bem dele, e fiquei curiosissimaa pra ler !!
    Beijos ;*

    ResponderExcluir
  2. Já estava doida pra ler esse livro desde que bati o olho no título dele, depois de ler essa resenha então fiquei anda mais curiosa pra conferi essa história.

    ResponderExcluir
  3. Lay!
    A história é linda!
    Já li o livro e me encantei, ao tempo que me envolvi com o Pacto dos Mosqueteiros e com o drama de Cadu.
    Gosto de finais abertos e não achei o final tão triste quanto achei que seria... Quem sabe terá continuidade.
    Boa semana!
    Cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Eu tenho certa curiosidade pelo livro pois assim como vocÊs outras resenhas falam muito bem do livro, mas fico preocupada com o final..em aberto, eu gosto de finais e não deixa na imaginação, eu comprei o livro então quero um final.
    E este triangulo..eu não curto muito, mas fico curiosa para saber como eles lidam com isso, não sei se vou chegar a ler, quem sabe ele saia em uma promo e eu acabe comprando,
    beijos.

    ResponderExcluir
  5. Oie...
    Ainda não li o livro mas já fiquei meio desanimada!
    Não gosto também de livros que não tenham um final.
    Queria muito ler, mas agora já não sei mais! Vou pensar direitinho!
    Adorei a resenha!

    ResponderExcluir
  6. O enredo é bem teen, não fiquei interessada...
    Será que esse final 'inacabado' não é um gancho para uma futura continuação?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. De repente pode ser né?! Espero que sim!!!

      Excluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por e-mail.
Obrigada!

 
imagem-logo
De Tudo um Pouquinho - Copyright © 2016 - Todos os direitos reservados.
Layout e Programação HR Criações