13 de mai de 2015


[Resenha] O Jeito Que Me Olha - Bella Andre

Ficha Técnica

Título: O Jeito Que Me Olha
Título Original: The way you look tonight
Autor: Bella Andre
ISBN: 978-85-8163-595-8
Páginas: 272
Ano: 2014
Tradutor: Marsely de Marco Martins Dantas
Editora: Novo Conceito
41Depois de construir uma sólida carreira como detetive particular - especializado em casos de infidelidade -, Rafe Sullivan perdeu a fé nas relações humanas. As únicas histórias de amor verdadeiro que conhece são a dos seus pais e as dos seus primos, que vivem na Califórnia. Quando Rafe precisa sair de Seattle para descansar e esfriar a cabeça, sua irmã, Mia, sugere uma temporada na cidadezinha onde a família costumava passar as férias de verão. No cenário de sua infância, Rafe reencontra Brooke Jansen, que, de garotinha doce e inocente, transformou-se em uma mulher de beleza incomum. Nenhum dos dois consegue ignorar o clima de sedução, e é Brooke quem toma a iniciativa: ela propõe a Rafe um caso de verão, sem amarras nem cobranças. Rafe luta para convencê-la de que eles devem continuar sendo apenas amigos... embora ele mesmo não esteja 100% convencido disso.

Resenha

Bem, depois de nos apresentar os oito irmãos Sullivan que vivem em São Francisco, tivemos o e-book "Uma Noite Perfeita" onde conhecemos rapidamente Mia e Rafe Sullivan, primos dos Sullivans que já conhecemos. Mas nesse conto, os protagonistas não eram eles e sim amigos em comum, mas serviu para nos acalentar enquanto "O jeito que me olha" não chegava em nossas mãos.

Selo-Parceiros-Novo-Conceito42222322Para iniciar essa nova "fase" na série "Os Sullivans"somos apresentados a Rafe, o irmão mais velho dessa família que vive em Seattle. Após ter deixado a carreira de policial, Rafe, cheio de ideais de justiça e verdade, decidiu que seria detetive particular. Mas agora, sete anos depois e com um escritório muito conhecido e requisitado ele não está mais satisfeito com seu trabalho. Infelizmente a grande causa disso é que a maioria dos trabalhos que o escritório tem realizado é para investigar possíveis traições, sejam elas de que tipo forem. Como na maioria das vezes a traição se confirma, Rafe tornou-se muito mais cético em relação as pessoas. Mesmo tendo os pais e os primos como exemplos de que é possível ser feliz no amor, isso é uma coisa que ele não busca e não acredita.
Afinal de contas, até que ponto as estatísticas sobre a infidelidade poderiam ser tão altas? Cinquenta por cento era alto, ele calculava. Sessenta por cento era de levar à loucura.
Ele não tinha imaginado um mundo em que cem por cento das pessoas investigadas estivessem agindo mal.
Pág. 08
Pensando em ajudar o irmão, Mia, que tem uma corretora de imóveis, e sabendo que ele foi quem mais sofreu quando a família perdeu a casa no lago sempre ficou atenta às ofertas de casas no mesmo estilo para que ele comprasse para tirar umas férias.

Entretanto, melhor do que conseguir uma casa parecida, Mia viu assim que a antiga casa deles foi posta a venda. E nada melhor para dar um ânimo na vida de Rafe do que voltar ao lago, tanto que, como a proposta de compra dele foi tão boa que no mesmo dia ele já era o feliz proprietário e partiu para lá no mesmo dia à noite.

Ao chegar ao lago, Rafe reencontra Brooke, a vizinha dos tempos de infância. Brooke é neta dos vizinhos da casa ao lado, e como era filha única, aproveitava os momentos de férias na casa dos avós para brincar muito com os barulhentos Sullivans.

Desde pequena Brooke gosta de Rafe, mas para ela, essa paixonite já foi curada. Entretanto, ao vê-lo voltando para sua vida depois de quinze anos, ela percebe que pode estar enganada.

Ao contrário de Rafe, Brooke está super feliz com seu trabalho. Contra tudo que seus pais queriam, ela abandonou o emprego seguro que tinha em recursos humanos em Boston para viver no Lago Wenatchee fazendo trufas de chocolate. Desde a morte dos avós, ela herdou a casa no lago e decidiu mudar de vida, ser feliz e realizar o sonho da avó, fazendo chocolates.

Ao se reencontrarem de forma tão inesperada depois de tantos anos e com a convivência próxima que passam a ter, as lembranças do passado vêm com tudo e outros sentimentos são relembrados e descobertos.
- Fugidinha? Olhar pelas janelas? Não se parece nada com a garotinha doce que eu conheci.
Ela lhe lançou um sorriso que esperava parecer atrevido, embora ela nunca tenha chegado nem perto de ser atrevida em momento nenhum da sua vida. - Não sou mais uma garotinha.
- Não - ele disse com a voz baixa, que a deixou com calor e frio ao mesmo tempo -, sem dúvida você não é mais uma garotinha.
Pág. 32
Outra diferença gritante entre eles é que Brooke acredita muito nas pessoas e principalmente, acredita no amor verdadeiro. Ainda assim a atração entre eles é muito forte, mas será que as diferenças entre eles poderão ser superadas? Claro que a gente torce para que sim, mas o caminho é tortuoso.

Nesse nono livro da série temos a participação, ainda que rápida de Sophie e espero que outros membros do clã Sullivan de São Francisco interajam nos novos livros assim como que os outros irmãos do clã de Seattle apareçam mais, adoro essas interações, os irmãos uns se metendo na vida dos outros, mas sempre querendo o melhor para eles.

Que venham mais Sullivans!!!!!
Comentários
12
Compartilhe

12 comentários:

  1. Olá, Lay.
    Essa família não é bem uma família, é uma máfia para venda de livros. Série grande, não? rs
    Quanto à premissa, esse me agradou. Os livros da série não me chamam tanta a atenção, mas parece que gostarei dos personagens desse livro em especial.
    Tem como ler apenas esse livro da série sem ficar perdido?
    Excelente resenha, Lay.

    Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de maio. Você escolhe o livro que quer ganhar!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkkkkkkkkkkkk, máfia foi ótimo!!

      Então, dá para ler esse sim sem se perder, é como se fosse o início de uma nova série agora com os primos ;)

      Se ler mesmo, conta o que achou depois!

      Beijos

      Excluir
  2. Gosto muito dessa série, li todos os livros dos oito irmãos e com certeza vou ler também os dos primos Sullivas, a escrita da Bella Andre é ótima.

    ResponderExcluir
  3. Oi Lay! Já ouvi muito falar da série mas infelizmente nunca tive a oportunidade de lê-la :/
    Adoro essa continuação de histórias sem fim da família rs.
    Acho que pela quantidade de livros também, é um pouco difícil e isso me desanima muito.
    Enfim...como cada livro conta história de um membro da família, eu não me perco se por um acaso eu pegar um que esteja fora de ordem, ou não? rsrsr...
    Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Oi. Eu ate agora não li nenhum livro da Bella Andre, mesmo tendo um pouco de interesse e com todas as otimas resenhas positivas eu tenho atrasado essa leitura, mas já tenho um dos livros dela na minha estante, vou ver se leio para ver se a escrita dela é tão boa quanto dizem. Obrigado pela dica.

    ResponderExcluir
  5. Eu já li alguns livros dessa autora, mas não foi na ordem. Ganhei nesse num sorteio e adorei a leitura, embora ache essa capa simplesmente horrenda. Logo me lembou uma colagem feita no paint, sabe? kkkkkkk Mas é bom para ler num dia só, a letra é ótima e a narrativa evolui muito bem.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  6. Tenho 3 livros da série, e só não os li ainda porque não esta na ordem e eu acho melhor ter todos os livros em mãos, pro caso de eu me viciar hahah O que é bem aceitável, visto que só vejo elogios aos Sullivans. Eu gostei da premissa desse volume, mas a capa não agrada os olhos rç Não sei se é implicância minha por não gostar de rostos em capas, mas não acho bonita não, sou muito mais as capas novas que a editora fez.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom Ane, melhor ter todos, ou pelo menos a maioria só por precaução, né?! kkkkk

      Excluir
  7. Super famosos essa serie enooooorme neh kkkkkkkk Acho que deva ser mesmo viciante! Mas faltou alguma coisa para me conquistar de fato :/ nao sei oq! mas acho q vou sim dar uma chance para o primeiro livro da serie, vai q gosto neh? Adoro essa capa, tao bonito ele!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sem dúvida Jac, vai de gosto, mas eu adoro a série da Bella!!!

      Excluir
  8. Nossa a Bella Andre gosta mto de escrever neh só numa serie publicar esse tanto de livros
    hahaha mais deve ser mtoo boa nao li nda ainda mais pretendo ler, as historias são incriveis,só nao gostei da capa kkkk bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ainda bem que ela gosta muito Maria, muitos e muitos livros, kkkkk

      Excluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por e-mail.
Obrigada!

 
imagem-logo
De Tudo um Pouquinho - Copyright © 2016 - Todos os direitos reservados.
Layout e Programação HR Criações