18 de jul de 2015


[Cinema] Divertida Mente


Devia esse post desde o final de junho, quando assisti o filme Divertida Mente. Não é segredo que eu amo animações (entre outros, é claro! kkk). Como não amar Up - Altas Aventuras, Ratatoille e o lindo Wall-E?! Difícil, não?!

Em Divertida Mente conhecemos Riley, uma garota de 11 anos que vive no estado de Minnesota, onde teve experiências incríveis e felizes. Porém, ao se ver obrigada a se mudar para São Francisco, a vida de Riley muda significativamente.


Conhecendo as emoções básicas no "centro de comando" da mente de Riley, entendemos que a Alegria (Miá Mello) guiava boa parte de seus sentimentos. Entretanto, com as mudanças externas na vida da garota, muitas coisas também mudam internamente.

Emoções no centro de comando


Por conta de várias confusões, Alegria e Tristeza (Katiuscia Canoro) acabam saindo do centro de comando, pendendo-se em outras áreas da mente de Riley. Essa situação faz com que Raiva (Léo Jaime), Medo (Otaviano Costa) e Nojinho (Dani Calabresa) precisem assumir o comando, causando assim ainda mais confusão. Ao mesmo tempo, Alegria e Tristeza precisam trabalhar juntas para voltar ao centro de comando da mente de Riley.



Com o uso de muitas cores e texturas, embarcamos na jornada de Alegria e Tristeza pela mente da garota, passando pelas Ilhas da Amizade, da Honestidade, da Família, do Hóquei, que são formadas por suas memórias principais, base de sua personalidade. Além das demais memórias arquivadas, mas não menos importantes.



Enquanto seguimos as emoções e Riley em suas aventuras, é fácil identificar a metáfora dos conflitos vividos na adolescência. Mas não apenas isso, também vemos a questão da autoconsciência, de entender a si mesmo. O filme atende à crianças e adultos: as crianças são cativadas pelas cores, formas e a história em si, enquanto os adultos são levados à outro patamar, sendo instigados a repensar alguns conceitos e atitudes.

Digo que saí do cinema completamente atordoada com o filme, ele mexeu mesmo com as minhas emoções e digo mais, todo mundo deveria assistir.


Lançamento: 18 de junho de 2015
Direção: Pete Docter
Elenco: Amy Poehler, Bill Hader, Mindy Kaling
Gênero: Animação , Comédia , Família
Duração: 1h34min
Nacionalidade: EUA
Título original: Inside Out
Distribuidor: Disney/ Buena Vista
Sinopse: Riley é uma garota divertida de 11 anos de idade, que deve enfrentar mudanças importantes em sua vida quando seus pais decidem deixar a sua cidade natal, no estado de Minnesota, para viver em San Francisco. Dentro do cérebro de Riley, convivem várias emoções diferentes, como a Alegria, o Medo, a Raiva, o Nojinho e a Tristeza. A líder deles é Alegria, que se esforça bastante para fazer com que a vida de Riley seja sempre feliz. Entretanto, uma confusão na sala de controle faz com que ela e Tristeza sejam expelidas para fora do local. Agora, elas precisam percorrer as várias ilhas existentes nos pensamentos de Riley para que possam retornar à sala de controle - e, enquanto isto não acontece, a vida da garota muda radicalmente.






Comentários
13
Compartilhe

13 comentários:

  1. Aiiiii sou louca para assistir esse filme, mas acho que vou ter que ver pela internet mesmo, porque cinema não vai rolar.... kkkkkk Beijos!!
    http://chuvacobertaelivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fernanda, seja no cinema, pela internet ou DVD, o importante é nao não perder a oportunidade de assistir esse filme.
      Lindo demais!!!!!!

      Excluir
  2. Já assistir esse filme e nem sei o que escrever, ele é simplesmente incrível!! Adorei a história, os personagens, enfim, de tudo. Confesso que não sou muito fã de filmes animados, mas esse me conquistou de todas as maneiras possíveis. Como não amar?? <3
    Abçs, Layane.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente Alessandra, como não amar?? Como falei, saí atordoada com a quantidade de reflexões que nos atingem. Eu ameiiiiiiii

      Excluir
  3. Eu vejo os filmes de animação com olhos de que sempre se pode aprender algo, e esse filme está sendo aclamado muito justamente por essa situação estar tão explícita, é um dos filmes que estou esperando assistir ainda esse mês, se não der assisto quando lançar em DVD, mas me parece que será um dos meus favoritos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, se pararmos para analisar, a maioria dos filmes de animação tem lições, algumas mais profundas do que outras, mas sempre podemos aprender alguma coisa, basta estarmos abertos às situações.

      Excluir
  4. Olá, Lay.
    Muito legal essa animação. A premissa, quero dizer. Ainda não tive tempo de assisti-la, mas essa maneira lúdica de mostrar às crianças como o cérebro funciona é bem legal.
    Adorei!

    Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de julho. Serão dois vencedores.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Assim que puder assista, tenho certeza de que irá adorar!!!

      Excluir
  5. Adoro animação, estou doida pra assistir essa, parece ser maravilhosa, daquelas que te ensina uma excelente lição de vida, que te dá uma boa sacudidela.

    ResponderExcluir
  6. Meus amigos foram assistir mas n tive com quem deixar meu bb e acabei n indo depois!
    Mas tô louca p assistir
    Parece ser tãoooooooooooooo legal

    Bjoooos
    muitospedacinhosdemim.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não perca a oportunidade Fernanda, se não der para ver no cinema, veja depois, mas assista, sei que irá amar!!!!!!!!!!!

      Beijos

      Excluir
  7. Nossa enquanto você ama animações eu sigo no caminho contrário,não sou muito fã mas assisto algumas.Esse filme me pareceu bem divertido pra mim ver com minhas irmãs.E eu adoro esse excesso de cores nos personagens e cenários.

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por e-mail.
Obrigada!

 
imagem-logo
De Tudo um Pouquinho - Copyright © 2016 - Todos os direitos reservados.
Layout e Programação HR Criações