5 de out de 2015


[Resenha] Eu Odeio te Amar - Liliane Prata

Ficha Técnica

Título: Eu Odeio te Amar
Autor: Liliane Prata
ISBN: 978-85-8235-297-7
Páginas: 272
Ano: 2015
Editora: Gutenberg
41Débora estava prestes a viver o dia mais feliz de sua vida. Tudo estava pronto para o casamento perfeito com Felipe, o noivo mais lindo e fofo que alguém poderia ter. O apartamento estava arrumado, e todos os detalhes da lua de mel na Grécia, acertados. Até um novo emprego na redação de uma revista feminina a esperava na volta da viagem. Seria o começo de uma nova etapa de uma vida com a qual ela sempre sonhou. Na véspera da cerimônia, o noivo precisou ficar até mais tarde no escritório para resolver as últimas pendências, e ela resolveu fazer uma surpresa e aparecer sem avisar. Mas quem foi surpreendida foi ela: pegou Felipe em flagrante com a irmã do sócio, na situação mais comprometedora possível. O que fazer? Armar um escândalo e terminar tudo? Esquecer o que viu, casar e ser feliz para sempre? O que fazer quando se sente, ao mesmo tempo, um amor profundo e um ódio avassalador? Para Débora, a resposta é: criar um plano maluco para sair dessa situação e dar a volta por cima!

Resenha


Sendo fã de romances e ainda mais de chick-lits, assim que vi a sinopse de Eu Odeio te Amar fiquei interessada em ler a obra e conhecer a escrita da Liliane Prata, afinal, que raios de plano maluco é esse gente? Deixou na curiosidade, né?

Arqueiro_parceria522Narrando a estória em primeira pessoa, a Liliane nos apresenta Débora, uma jovem de 24 anos que está na véspera do seu casamento e a ansiedade que toma as noivas nesse dia tão especial. Como não estar feliz se a pessoa vai se casar com alguém que ama, vai se mudar para uma casa nova, passar a lua de mel nas ilhas gregas e ainda iniciar um trabalho novo, com o que sempre quis? Além do mais, o noivo é a melhor parte nessa equação para Débora, afinal eles se conhecem há anos e a relação deles sempre foi muito amorosa, fiel e companheira. Mas o mundo perfeito de Débora desmorona poucas horas antes do seu casamento, quando pega Felipe em um flagra inquestionável.
Primeiro, foi a incredulidade. Eu não queria acreditar que aquilo estava acontecendo. Depois, foi um ódio profundo - do Felipe, da vida, de tudo. Agora, estou meio sem reação. Olho para o vestido, me sentindo oca por dentro, tão oca que não tenho mais como preencher saia rodada nenhuma.
Pág. 09
Depois do que presenciou, a dúvida consome Débora: casar ou não casar?? As emoções dela são muito intensas e nós seguimos no mesmo ritmo. Ao contrário do que muitas pessoas fariam, ela não arma um escândalo quando vê a cena. Simplesmente sai de fininho, sentindo-se péssima, humilhada e aí começa o turbilhão de emoções.
Uma parte de mim (a parte mais racional, acho) me diz para eu terminar tudo. Mas o resto de mim, eu preciso admitir... O resto de mim não quer admitir que esse sonho acabou, sabe?
Pág. 21
Decidida a fazer Felipe pagar na mesma moeda, mesmo indo contra sua índole, Débora resolve se casar mesmo assim e se vingar arranjando um amante. Se achávamos que o caos já havia começado, não fazemos ideia da quantidade de loucura que Débora é capaz de fazer para levar seu plano adiante. Aliás, nessa situação complexa, a única pessoa que parece raciocinar com clareza é Sofia, melhor amiga de Débora, e a única que sabe de tudo que aconteceu.
Eu não queria amá-lo. Não neste contexto. Não sabendo o que ele fez comigo. Mas, puxa, estão sendo tão, mas tão gostoso esse dia a dia com ele, nas ilhas gregas ou aqui, na nossa casinha.
Pág. 69
Sofia tenta convencer a amiga a conversar com Felipe ou a terminar de vez o relacionamento ao invés de ficar nessa jornada louca de encontrar um amante. Eu sinceramente em vários momentos perdi a paciência com a Débora, com suas atitudes imaturas e suas loucuras (tudo tem limite na vida), mas também me diverti bastante, principalmente quando tínhamos as imersões nas redes sociais na "caça ao amante", o que é passar de procurar no Facebook ao Tinder? Só rindo com ela e tudo que acontece.
Fecho os olhos e quero aproveitar o momento ao lado deste homem que eu tanto amo, mas uma parte de mim, uma parte que não aguenta mais viver essa montanha russa de sensações em relação ao Felipe desde que casei... Essa parte faz questão de me lembrar da curtida da Luma mais cedo, da chamada não atendida porque a gente estava jantando, e da cena, da fatídica cena, que ninguém me contou, mas que eu presenciei, na véspera do meu casamento.
Pág. 170
Para mim, Eu Odeio te Amar causou uma relação de amor e ódio em mim. Ri bastante com a protagonista, mas, mais do que isso, me chateei com ela na maioria das vezes com suas atitudes, mas ainda assim a forma como a Liliane escreveu a estória, nos deixa presos, esperando para saber o que de fato aconteceu nessa "fatídica cena" que a Débora presenciou, para saber que atitude ela tomará no final, como o casal resolverá a situação, se é que resolverão.

Alguns outros assuntos também são abordados, como o emprego novo de Débora, que não é o que ela imaginava, a relação de amizade dela com as amigas de círculos diferentes, equilibrá-las entre si e com a vida de casada. Enfim, tem muito assunto no livro e eu gostei da forma como a Liliane trabalhou a narrativa, para mim só podia melhorar a protagonista mesmo, kkkkkk

E vocês? O que fariam se vissem uma cena como a que a Débora viu (uma traição)? Quem já leu o livro, o que achou??

Comentários
20
Compartilhe

20 comentários:

  1. Oi ...
    Assim como você , também AMO chick lits !!!! São sempre histórias bem bacanas e que arrancam boas risadas do leitor .
    Desde a primeira vez que vi esse livro já imaginava que renderia uma boa história , mas , como a grana anda curta ainda não sobrou dinheiro pra comprar rsrsrs...
    Se visse uma cena de traição acho que surtaria ... Valendo até tapa na cara ! É mole ?
    Beijos

    http://coisasdediane.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkkk, menina, tapa na cara, voadora e tudo mais que tiver direito hein?!

      Excluir
  2. Olá, Lay.
    Romance não é o meu gênero favorito, então a premissa desse não me convenceu tanto. Até porque achei o plano dela de se vingar depois do casamento infantil e meio besta. Pegou com outra? Termina e pronto. Não vejo muito sentido no enredo, sabe? Principalmente porque detesto protagonistas sem noção de realidade.
    Dessa vez, acredito que não leria.

    Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de outubro. Serão seis livros para três vencedores.

    ResponderExcluir
  3. Bom, como adoro um bom livro de romance, ainda mais quando é misturado com chick-lits, me interessei muito por esse livro, me chamou muito a atenção a história e fiquei bem curiosa para saber qual vai ser a reação da protagonista, sua resenha está muito boa.

    ResponderExcluir
  4. Adoro romances... mas esse não me chamou atenção, senão pelo fato de ter me deixado UM POUCO curiosa quanto ao desfecho.. O que não me leva a acrescentar este, à minha lista de livros que quero ler.


    ResponderExcluir
  5. Quero muito ler este livro, acho essa capa uma das mais lindas dos últimos tempos, e a estória me pareceu ser muito boa, ainda mais que ganhei um marcador lindo do livro, só falta o livro agora.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa capa está linda mesmo, né Pri??? Coisa fofa!!!!
      E quem deu esse marcador gente? kkkkkkkk

      Excluir
  6. Amo um bom romance, e esse parece muito bom. E se eu visse uma cena de traição dependendo de quem fosse a pessoa traída eu falaria.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Situação complicada, né Paloma? Se não envolvesse a gente, mas alguém que conhecemos sempre existe a dúvida: contar ou não?

      Excluir
    2. Verdade, dependendo de quem seja, a gente ainda sai como mentirosa.

      Excluir
  7. PRECISO LER ESSE LIVRO!
    Hahahahaahahahahaha
    Gostei da sinopse e achei a capa MUITO LINDA!!!
    Fiquei curiosíssima pra saber como acaba essa história

    Bjoooos
    muitospedacinhosdemim.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Hello!
    Sou doida com Chick lit, qdo era mais nova so lia isso e sou fã de carteirinha da Bridge Jones! ahahaha.
    Nao li o livro, mas a situação da Débora é osso hein?! Acho que eu analisando friamente falaria para acabar com tudo, pq nao perdoo traição. Mas ai vem o coração e fica falando pra esquecer e seguir em frente.
    Gosto de chick lit justamente pq tb me divirto com as protagonistas, sempre doidinhas.
    Nao conhecia o livro e fiquei curiosa para saber os rumos que foram tomados.
    Beijos.

    https://fuxixiu.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  9. Não leio muito chick lit, não por não gostar, mas e que prefiro livros com mais aventura e ação, mas esse me chamou atenção e irei coloca-lo na minha lista e ver se consigo le-lo ainda esse ano. Gostei da capa tambem

    ResponderExcluir
  10. Não curto muito esse tipo de livro, e não sei se leria esse. Me parece bom, mas não me atraí de jeito nenhum! Ótima resenha mesmo não me chamando muita atenção.

    ResponderExcluir
  11. não li o livro ainda mas não vou perder tempo e correr para ler, gosto muito do gênero que em geral são bem divertidos mas esse parece ter algo a mais

    ResponderExcluir
  12. não li o livro ainda mas não vou perder tempo e correr para ler, gosto muito do gênero que em geral são bem divertidos mas esse parece ter algo a mais

    ResponderExcluir
  13. Curto bastante o gênero romance, mas esse livro não me chamou muito a atenção. Não sei por que, pois parece ser um livro muito bom, acho que não teve toda aquela curiosidade sobre a historia.

    ResponderExcluir
  14. Olá!!
    A capa ta super criativa gostei bastante, mais não em interessei muito pelo nome e pala sinopse , e agora lendo sua resenha, vejo que realmente não vou gostar do livro, só de saber que ela resolveu se casar só pra se vingar ja me desinteressou bastante, mais quem sabe um dia eu dou um a chance a essa historia.
    Bjocas

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por e-mail.
Obrigada!

 
imagem-logo
De Tudo um Pouquinho - Copyright © 2016 - Todos os direitos reservados.
Layout e Programação HR Criações