29 de nov de 2015


[Resenha] Dominic - L.A. Casey

Ficha Técnica

Título: Dominic
Título Original: Dominic
Autor: L.A. Casey
ISBN: 978-85-68695-05-0
Páginas: 371
Ano: 2015
Tradutor: Bianca Carvalho
Editora: Bezz
16Depois de um acidente de carro que matou seus pais quando ela era uma criança, Bronagh Murphy escolheu a isolar-se das pessoas num esforço para manter seu futuro longe de sofrimentos. Se ela não se aproximar de pessoas, falar com elas ou conhecê-las de qualquer forma, ela conseguirá ficar sozinha, do jeito que ela quer. Quando Dominic Slater entra em sua vida, ignorá-lo é tudo o que ela tem que fazer para chamar sua atenção. Dominic está acostumado a chamar atenção, quando ele e seus irmãos se mudam para Dublin, na Irlanda, para cuidar do negócio da família, ele ganha a atenção de todos. Todos, exceto da bela morena com uma língua afiada. Dominic quer Bronagh e a única maneira que ele tem de chegar até ela, é arrancá-la do seu isolamento voluntário, e ele vai fazê-lo da única maneira que sabe… pela força. Dominic a quer, e o que Dominic quer, Dominic pega!

Resenha


Então, lá estava eu passeando pela Bienal quando me deparo com uma figura linda e pensei, claro que preciso tirar uma foto com esse cara. No estande da Editora Bezz descobri que o modelo representava o Dominic, do livro homônimo, da autora L.A. Casey.
Olha isso gente, eu precisava parar no estande!!!
A repercussão das fotos com o gato entre os amigos foi grande e eu acabei ganhando o livro (além de ficar perto do gato, é claro, kkkk). Claro que iniciei a leitura logo no voo de volta à Bahia, afinal o gato estaria novamente no estande no sábado seguinte (dia que estaria na Bienal para ver a Sophie Kinsella). Então vamos a estória.

O livro conta em primeira pessoa a estória de Bronagh Jane Murphy, uma garota irlandesa que está prestes a completar 18 anos e suas únicas ocupações são estudar e ser invisível na escola. Desde que perdeu os pais em um acidente de carro ela só tem a irmã mais velha como família, então ela procura não se envolver com ninguém, afinal, envolvimento leva à decepção, uma vez que as pessoas sempre saem de sua vida. Com isso, Bronagh não tem amigos, entra muda e sai calada de todas as aulas. Mas a sua aparente paz acabará com a chegada de Dominic Slater à sua escola.

Dominic Slater tem 18 anos e chegou a pouco tempo com os irmãos mais velhos para morar na Irlanda. Ryder, Alec, Kane, Dominic e Damien Slater vieram para Irlanda por conta dos negócios da família (que a gente fica na curiosidade para saber o que é, até depois da metade do livro), mas Dominic e Damien também frequentam o colégio. Gêmeos, os irmãos são muito diferentes de si, enquanto os cabelos de Dominic são escuros, os de Damien são quase brancos de tão claros que são, um é canhoto e o outro destro e a personalidade deles também diferem muito. A gente logo percebe o quanto Damien é tranquilo na mesma proporção que Dominic é esquentado e encrenqueiro.

Nico sempre foi acostumado a ter toda a atenção para si, seja por sua beleza ou pelo seu temperamento e quando chega na escola nova e percebe que alguém não ronda a sua volta, essa garota logo chama sua atenção. 
- Ah, vamos, você deve saber que é linda.
O idiota estava me provocando!
- Deixa disso, Dominic! - vociferei, ainda de costas para ele.
Parei de respirar quando ele colocou os braços ao redor da minha cintura e massageou as laterais do meu corpo com os polegares. Senti seu hálito em minha orelha, e a sensação fez com que meus olhos se fechassem. Eu queria muito afastá-lo de mim, mas não conseguia me mover. Era como se estivesse presa.
- Acho que você nem sabe o quanto é linda, Bronagh - Dominic ronronou no meu ouvido. - Você é diferente de todas as garotas desta escola. Não está no patamar delas, pois tem um próprio.
Pág. 37
Nico vira o mundo de Bee de cabeça para baixo. A começar pelo fato de que, a atenção que ele dispensa à ela, leva as outras pessoas a prestar mais atenção nela também, o que a deixa super incomodada e receosa. 

Desde a sinopse já entendemos a motivação de Bee a agir dessa forma, se isolando das pessoas, mas o mistério que ronda os irmãos Slaters nos deixa muito curiosos, além do fato de que, são muito lindos e é claro que queremos saber todos os detalhes que os envolvem. Olhem só a descrição que a Bee faz do Alec e do Kane...
O homem tinha o cabelo escuro como o de Dominic, mas era mais longo, quase chegando à altura de seus ombros. Tinha as mesmas covinhas ao sorrir, seus braços eram enormemente musculosos, e ele possuía inúmeras tatuagens. Eu conseguia vê-las, porque ele estava sem camisa. O outro rapaz também estava com o peito nu, também possuía tatuagens e era igualmente musculoso. Seu cabelo era escuro, e havia algumas cicatrizes em seu tórax e no rosto, que podiam ser vistas a distância, mas que o tornavam extremamente sexy. Tive muita dificuldade em não olhar para as linhas em formato de V que ambos possuíam nos quadris, mas acabei me controlando, o que me fazia merecer uma medalha.
Pág. 44
Agora veja a descrição do mais velho, Ryder , eu simplesmente adorei, kkkkk
- Sou o Ryder, o irmão mais velho de Dominic e Damien.
Puta merda.
Ele parecia com o Matt Bomer, mas ainda mais sexy, porque tinha o corpo cheio de tatuagens.
- Muito prazer - murmurei e fiquei parada olhando para ele.
Dominic balançou a cabeça por causa da minha reação, mas eu nem me importei. A família tinha ótimos genes, como eu não iria  comê-los com os olhos?
Pág. 46
Matt Bomer
Como a narrativa é em primeira pessoa, a curiosidade sobre os irmãos só é saciada quando a Bee descobre também, mas até lá, vamos conhecendo mais sobre a protagonista, sua relação com a irmã, Branna, como as coisas mudam não apenas em relação à Nico, como a sua relação com a irmã e consigo mesma.

Ao contrário do que a gente imagina, vemos que Bee não é uma garota pacata e reclusa, na verdade isso é apenas uma fachada de fato para se proteger. Quando ela interage com Nico vemos a real personalidade dela, forte, impetuosa, a definição da maioria das personagens irlandesas retratadas nos livros.
- Pare de ficar tão na defensiva comigo, amor. Quero você, e você me quer. Só admita isso para si mesma e poderemos seguir em frente a partir daqui.
Bufei, desviei o olhar e fechei os olhos.
- Tenho alguns problemas, Dominic...
- Olha com quem você está falando - ele me interrompeu, rindo. - Não venha me falar de problemas.
Pág. 128
Eu gostei bastante da estória, afinal, casais que brigam, são turrões, teimosos e cabeças-duras são muito divertidos. O segredo da família Slater de fato é incrível e quando a gente descobre, se pergunta como Bee irá lidar com ele. Mas confesso que em alguns momentos achava as brigas do casal muito imaturas, mas daí eu lembrava que os protagonistas tinham 18 anos e para mim, o erro da estória é esse. Com tudo o que acontece na narrativa, fica difícil imaginar o Dominic como um cara de 18 anos, a Bee é até mais fácil, mas ele não dá mesmo. Não apenas porque já tinha visto o modelo representando ele, mas pelas atitudes e pela estória criada para o personagem.

Além disso, tenho que dizer que a revisão da Bezz deixou a desejar, erros de ortografia e na diagramação aconteceram principalmente nas primeiras páginas do livro, mas tenho certeza de que a editora, ainda pequena no mercado literário, pode consertar o erro e seguir em frente.

O que eu sei é que a estória criada pela Casey me conquistou e eu fiquei obcecada pelos irmãos Slaters e quero ler os demais livros deles.

Eu voltei no fim de semana seguinte para encontrar o boy magia again 

Comentários
10
Compartilhe

10 comentários:

  1. Olá, Lay.
    Confesso que a premissa do livro não me animou, principalmente porque a premissa é bem comum, parece ser praticamente igual a de muitos livros. Além disso, os erros me desanimam um bocado.
    Acredito que, dessa vez, deixo passar a dica. Que os fãs do gênero aproveitem. rs

    Desbrava(dores) de livros - Participe do top comentarista de novembro. Você pode ganhar um livro incrível!

    ResponderExcluir
  2. Olá Layane! Fiquei muito interessado por essa história. Principalmente pelo fato de ter me identificado com a descrição da protagonista (o fato de estudar muito e ser invisível, hahaha). Parece uma leitura muito proveitosa. Que bom que vc conseguiu ganhar o livro! Ah, e eu também odeio quando a revisão é mal feita... tantos profissionais para depois o produto final ficar descuidado... paciência! Abraço.

    ResponderExcluir
  3. Oi Layane, que capa linda me deu ate calor rsrsrs adorei a sinopse e a resenha com certeza vou le-lo e que homem lindo kkkkkk obrigada pela dica bjs.

    ResponderExcluir
  4. Não gostei muito da sinopse, achei meio grosseira, mas a história parece interessante, quer dizer, a ideia já é meio comum, mas é sempre interessante essa história do cara que adora chamar atenção acabar se apaixonando pela garota que não dá a mínima pra ele, hahaha.

    ResponderExcluir
  5. Lay!
    O que posso dizer é que o modelo é bonitão de verdade, porém de forma alguma me parece ter 18 anos, parece bem mais maduro.
    quanto ao livro, os romances com muitas brigas não me atraem muito, sei que é para apimentar a relação e dar continuidade na história, porém gosto d romances mais românticos...
    Ainda assim, gostaria de descobrir os segredos da história.
    “A beleza é a única coisa preciosa na vida. É difícil encontrá-la - mas quem consegue descobre tudo.”(Charles Chaplin)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Participem do nosso Top Comentarista, serão 3 ganhadores!

    ResponderExcluir
  6. Personagens imaturos, mesmo que com 18 anos, acabam deixando a narrativa chata.
    Fique mega curiosa para saber qual é o segredo de família, esses pequenos mistérios que me conquistam.

    Erros de ortografia me incomodam muito. Todo mundo erra, mas encontrar isso num livro é outra coisa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade Ju. Soube que o próximo livro da série será publicado no ano que vem, espero sinceramente que a editora dê uma atenção maior à revisão.

      Excluir
  7. Amei o modelo, kkkkkkk, mas não me interessei tanto pelo livro, não me encheu os olhos, não leria

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por e-mail.
Obrigada!

 
imagem-logo
De Tudo um Pouquinho - Copyright © 2016 - Todos os direitos reservados.
Layout e Programação HR Criações