28 de out de 2016


[Resenha] O Guia Definitivo do Mochileiro das Galáxias - Douglas Adams

Ficha Técnica

Título: O Guia Definitivo do Mochileiro das Galáxias
Título Original: The Ultimate Hitchhiker’s Guide to the Galaxy
Autor: Douglas Adams
ISBN: 978-85-8041-534-4
Páginas: 672
Ano: 2016
Tradutor: Carlos Irineu da Costa, Marcia Heloisa Amarante Gonçalves & Pedro Henrique Britto
Editora: Arqueiro
PARA_SEMPRE_MINHA_13mm.inddPela primeira vez, reunimos em um único volume os cinco livros da cultuada série O Mochileiro das Galáxias, de Douglas Adams. Com mais de 15 milhões de exemplares vendidos, a saga do britânico esquisitão Arthur Dent pela Galáxia conquistou leitores do mundo inteiro. O humor ácido e as tramas surreais de Douglas Adams se tornaram ícones de uma geração e seguem fascinando - e divertindo - leitores de todas as idades. Pegue sua toalha, embarque nessa aventura improvável e, é claro, não entre em pânico!

Resenha


“O Guia do Mochileiro das Galáxias” foi o primeiro volume de uma série composta por cinco livros escrita pelo autor Douglas Adams. Com sua escrita humorada e seus personagens peculiares, Adams consagrou esta saga como uma das mais importantes e cultuadas do universo geek. “O Guia Definitivo do Mochileiro das Galáxias” reúne pela primeira vez no Brasil, todos os livros da série em um único volume, somando quase 700 páginas.

Blog parceiro ArqueiroOs livros contam a aventura do humano Arthur Dent, que é salvo pelo extraterrestre Ford Prefect, segundos antes da Terra ser explodida. O fato de tal catástrofe acontecer é que uma via expressa interespacial será construída, e a Terra está situada bem no meio do caminho. Sem aviso prévio, tudo vai pelos ares, e Arthur é um dos poucos humanos que por sorte consegue sair vivo desta.
– Eu entendo! – gritou Arthur. – Eu entendo!
Ford pôs-se de pé num salto.
– Olhe para o livro – insistiu ele.
– O quê?
Não entre em pânico.
– Não estou entrando em pânico!
– Está, sim.
– Está bem, estou. O que você quer que eu faça?
– Venha comigo e se divirta. A Galáxia é um barato. Só que você vai ter que pôr esse peixe no ouvido.
P. 37 
A partir daí, Arthur iniciará uma aventura no espaço, onde embarcando em uma nave espacial, viverá grandes confusões e provações ao lado de Ford e de outros amigos que aparecerão durante sua nova jornada. Com direito a viagens no tempo, mistérios e enigmas, “O Guia Definitivo do Mochileiro das Galáxias” irá mostrar ao leitor a saga galáctica de Arthur, e talvez sua sorte em conseguir reverter o fatídico acidente que dizimou o planeta Terra.

A série de “O Guia do Mochileiro das Galáxias” é tão famosa mundo à fora, que um dia foi criado especialmente para comemorar os livros e seu autor após seu falecimento em 2011. Conhecido como Dia da Toalha, a data é celebrada todos os anos no dia 25 de Maio, e tem como lema a frase “Não Entre em Pânico”, referência direta às obras de “O Mochileiro”. Essa data também ficou conhecida como o Dia do Orgulho Nerd, pois foi em 25 de Maio de 1977 que estreou o primeiro filme da série Star Wars.
O aeromóvel disparou em direção ao círculo de luz, e de repente Arthur teve uma ideia mais ou menos clara do que é o infinito.
P. 95 
Acredito que a maior marca da escrita de Douglas Adams é seu constante humor. O autor faz questão de sempre estar fazendo piadas e colocando suas personagens em situações cômicas. Mesmo quando sua narrativa não fazia muito sentido para mim, ou seus capítulos estavam tão extensos que me cansaram um pouco, notei que o humor sempre estava presente. E querendo ou não, isso acaba se sobrepondo aos ‘defeitos’.

É fácil perceber o motivo de tanto amor e respeito pelo “O Guia do Mochileiro das Galáxias”, apesar de claramente eu ter esperado algo mais, devido a tanta euforia que presenciei durante esses anos. O universo criado por Adams é riquíssimo e recheado de reviravoltas, e também repleto de personagens coadjuvantes. Apesar da grande quantidade de personagens, não consegui ver nenhuma tão bem interessante e desenvolvida quanta a principal. Definitivamente o brilho dessa saga fica a cargo de Arthur Dent.
O Guia do Mochileiro das Galáxias é um companheiro indispensável para todos aqueles que estão interessados em encontrar um sentido para a vida em um Universo infinitivamente complexo e confuso, pois, ainda que ele não possa de forma alguma ser útil e informativo em todas as questões, ele pelo menos alega, de forma tranquilizadora, que, onde ele está incorreto, ele pelo menos está muito incorreto. Em casos de total discrepância, é sempre a realidade que não pegou o jeito da coisa.
P. 149 
Sem muito glamour interno, esta edição definitiva possui capa dura, mesmo que a arte em sí não seja uma das melhores. Para os fãs de Douglas Adams esse sem dúvidas é um item indispensável na prateleira. Para aqueles que ainda não conhecem as obras do autor, é uma boa oportunidade para conhecer, mas eu indicaria primeiro que vocês lessem o primeiro livro avulso, para terem certeza que irão gostar da premissa da saga.

PS: Em 2005 os livros da série foram adaptados para os cinemas, tendo no elenco Martin Freeman e Zooey Deschanel no elenco. Confiram o trailer abaixo.



Compare e Compre
Comentários
7
Compartilhe

7 comentários:

  1. Oi Tacio, não conhecia nada dessa obra, será que vou ser considerada uma estranha? Vi ali você falando que é uma das mais importantes. Mas enfim, não me interessei muito, é um estilo que não conheço, e que dificilmente leio.
    Acredito que os fãs devem ter mesmo enlouquecido com essa novidade !
    abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bruna,
      definitivamente não é uma leitura que eu indicaria pra todo mundo.
      Se você não está acostumada com esse estilo de literatura, acredito também que não é a série ideal para você! =]
      Abraços

      Excluir
  2. Oi Tacio!
    Eu nunca li a série, mas também tenho muita curiosidade por causa dessa euforia toda. Uma pena que não tenha correspondido a todas as suas expectativas (altas expectativas são sempre um problema).
    Acredita que eu não sabia sobre o filme? De qualquer forma, prefiro ler antes de assistir.
    Beijos,
    alemdacontracapa.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mariana,
      você disse tudo, altas expectativas as vezes podem atrapalhar. Mas faz parte haha =p
      Abraço

      Excluir
  3. Tácio!
    E é o que mais gosto no autor, o senso de humor que imprime nos livros. Umas loucuras tamanhas e no final...tudo dá certo...kkkkk
    "O conhecimento chega, mas a sabedoria demora."(Alfred Tennyson)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de OUTUBRO com 3 livros + BRINDES e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rudy,
      loucura é o que não faltou nesses livros hahaha

      Excluir
  4. Oooi confesso que conheço a história,mas nunca li nenhum dos livros sendo que ele já foi muito recomendado. É horrível quando acontece algo que não atende as nossas expectativas né? Mas faz parte da vida de leitor,parabéns pela resenha!

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por e-mail.
Obrigada!

 
imagem-logo
De Tudo um Pouquinho - Copyright © 2016 - Todos os direitos reservados.
Layout e Programação HR Criações