29 de jan de 2017


[Capas pelo Mundo] O Último Voo do Flamingo


Olá leitores do De Tudo um Pouquinho! Depois de um longo período sem a coluna Capas pelo Mundo, o retorno dessa coluna tão amada será com o livro O Último Voo do Flamingo, do autor moçambicano Mia Couto. Sou apaixonada por esse livro, li pela primeira vez em 2010 para o vestibular e foi uma grata surpresa. Algumas pessoas tem "aversão" aos livros que são cobrados em vestibular, mas seria interessante se pensarmos que são apenas livros e que nós tivemos a chance de conhecê-los por causa do vestibular. Bem melhor pensar assim e isso torna a leitura mais leve! É um livro belíssimo, poético e o autor faz uma crítica as nações que disseminam e financiam as guerras, que escolhem a miséria como a opção de melhora. Também é sobre reconstrução e esperança, vale muito a pena ler!
Mia Couto é um dos escritores africanos de maior destaque da atualidade. O último voo do flamingo, publicado originalmente em 2000, é seu quarto romance, e foi lançado quando Moçambique comemorava 25 anos de independência de Portugal. Depois de um longo tempo de guerra civil, soldados das Nações Unidas estão em Moçambique para acompanhar o processo de paz. O romance narra estranhos acontecimentos de uma pequena vila imaginária, Tizangara, ao sul do país, onde militares da ONU começam a explodir subitamente. O autor elabora uma crítica ácida aos semeadores da guerra e da miséria, mas também uma história em que poesia e esperança dependem da capacidade narrativa de contar a própria história com vozes africanas autênticas. Só elas sabem que o voo do flamingo faz o sol voltar a brilhar depois de um período de trevas e opressão.

                      
Quando foi publicado pela primeira vez aqui no Brasil, O Último Voo do Flamingo ganhou essa capa da direita. Em 2016 a Companhia das Letras relançou o livro com uma nova capa. A editora fez isso com alguns livros do autor.

Espanha e Finlândia 
Apesar da capa espanhola remeter a uma parte do livro, não me agradou.

França e Inglaterra
Duas capas de muito bom gosto! 

Moçambique e Suécia
Gostei muito da capa moçambicana e só mudaria a fonte e as cores utilizadas no nome do autor e do título da obra. 


Quatro capas portuguesas

Agora me contem nos comentários quais capas vocês mais gostaram. Até o próximo Capas pelo Mundo! 
Comentários
13
Compartilhe

13 comentários:

  1. Oi Auri, tudo bem? Quantas capas diferentes né.
    Eu não conhecia esse livro.
    Beijos
    [SORTEIO] Aniversário de 1 Ano: Livro - Perdida
    Quanto Mais Livros Melhor

    ResponderExcluir
  2. gostei dessa coluna! e quanta capa!eu não conhecia a história, e vou add a meu skook com futura leitura!
    beijinhos
    http://adeliadanielablog.blogspot.com.br/2017/01/eu-li_70.html

    ResponderExcluir
  3. Oi.
    Não conhecia o livro!
    Quantas capas! Gostei muito das capas portuguesas, principalmente das últimas duas.
    Com certeza uma ótima indicação.
    Obrigada.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. As que mais gostei foi a laranja de Portugal, e com certeza essa primeira capa lançada no Brasil pela editora. Ambas são lindas! E com certeza deve ser uma obra muito maravilhosa!

    ResponderExcluir
  5. A que mais gostei foi a laranja do Brasil, a primeira edição do livro por aqui.
    Abraço!
    A Arte de Escrever

    ResponderExcluir
  6. A da Inglaterra e a terceira portuguesa eu simplesmente amei *_* a brasileira não gostei tanto

    ResponderExcluir
  7. Auri!
    As capas que mais gostei foram a de Moçambique e a brasileira de 2016, são as mais expressivas.
    Adorei a sinopse do livro.
    Desejo uma ótima semana!
    “A parte que ignoramos é muito maior que tudo quanto sabemos.” (Platão)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Não conheço o livro e sou dessas que tem aversão por livros de vestibulares kkk,adorei a capa de moçambique minha preferida mas também mudaria a cor do titulo e a terceira capa portuguesa.

    ResponderExcluir
  9. Oi, Auri!!
    Adorei conhecer as capas pelo mundo do livro O último voo. AS que mais gostei foi a de Moçambique e a última capa portuguesa!
    Beijoss

    ResponderExcluir
  10. Lembro que na época do ensino médio eu não lia nenhum livro de literatura kkkk Que vergonha! Só comecei a ler bem depois e me arrependi porque não comecei antes!
    Pra mim a capa mais bonita é a primeira publicada no Brasil mesmo.

    ResponderExcluir
  11. Oi!
    Ainda não conhecia esse livro, fiquei interessada em saber mais sobre essa historia, achei as capas bem interessantes principalmente essa laranja publicada aqui no Brasil e a da França e Inglaterra !!

    ResponderExcluir
  12. OI Auri! Concordo contigo que nem todos os livros cobrados pelo vestibular são ruins hahaha
    Não conhecia o livro, e confesso que não gostei das capas. Mas vou procurar saber mais a respeito dele! Beijos

    ResponderExcluir
  13. Eu gostei bastante da primeira que veio acompanhada da resenha e a última, com esse farol (eu acho ) que está muito bonita também. As oitras não me chamaram a atenção, mesmo tendo algo a ver com o tema.

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por e-mail.
Obrigada!

 
imagem-logo
De Tudo um Pouquinho - Copyright © 2016 - Todos os direitos reservados.
Layout e Programação HR Criações