28 de jan de 2017


[Cinema] Moana

Desde o lançamento de Mulan, em 1998, a Disney não tinha uma protagonista tão sensacional quanto Moana. Antes que vocês me batam, eu adoro Rapunzel, Merida e Elsa. Mas essas são as princesas/rainha que a gente simplesmente gosta. Moana é a protagonista que a gente precisa.
Eu ainda tô sem palavras pra esse filme
Tempos atrás, a deusa Te Fiti criou as ilhas com seu coração, um amuleto que tem o poder da criação. Enquanto ela descansava, seu coração foi roubado pelo semideus trapaceiro Maui, que perdeu o amuleto enquanto fugia de um grande monstro de lava. O amuleto ficou perdido no mar durante muitos anos e dizem as lendas que um grande guerreiro vai encontrar Maui e restaurar o coração de Te Fiti. Isso é o que a vó Tala diz antes das crianças saírem correndo.

Moana é a filha do chefe da ilha de Motunui, que sobrevive principalmente através de peixes e cocos. Apesar de meio resignada ao papel de futura líder, ela foi escolhida pelo mar e sente uma necessidade muito grande de navegar. Quando os recursos da ilha começam a ficar escassos, ela resolve cumprir seu destino e partir numa missão atrás de Maui para restaurar o coração de Te Fiti e impedir que a ilha seja destruída.

Agora vamos aos motivos pelos quais Moana é importante:

  • É a primeira princesa polinésia da Disney (apesar de ela se recusar a ser chamada de princesa). A Polinésia é um arquipélago no Oceano Pacífico, composta de várias ilhas com uma cultura em comum. O povo que vivia numa ilha migrava pra outra, criava uma comunidade e, na próxima geração, um grupo ia até outra ilha e povoava ela também. Eles colonizaram da Nova Zelândia até o Havaí e, pasmem, a Ilha de Páscoa. 
  • Princesas Disney servem de modelo pra meninas desde sempre. A gente se inspira e quer ser como elas. Moana é uma líder nata e excelente navegadora. Ela é decidida, gentil e engenhosa. Não são as características que você quer pra próxima geração? 
  • Os produtores fizeram várias viagens pro Pacífico (principalmente Samoa) pra estudar os aspectos culturais. Roupas, música, mitologia, tudo foi estudado pra representar o povo da Polinésia sem desrespeitar a cultura deles. E conhecer outras culturas é o primeiro passo pra entender e respeitar as pessoas. 
  • O elenco original do filme é sensacional. Pra começar, todos os atores são nativos das ilhas do Pacífico ou descendentes. A Auli'i Cravalho e a Nicole Scherzinger são nativas do Havaí, o Temuera Morrison e a Rachel House são da Nova Zelândia e o Dwayne Johnson (que já foi The Rock) é de Samoa por parte de mãe. É a representatividade comendo solta, minha filha!! 
  • A música foi criada em parte por Opetaia Foa'i, um artista neozelandês, o que traz mais autenticidade pra trilha sonora. 

Esse é o Opetaia Foa'i em uma das músicas do filme
Falando em trilha sonora, se você entende inglês, eu te desafio a assistir o vídeo abaixo e não se apaixonar. (Até os movimentos de dança que eles usa são passos reais de dança do Pacífico).



Depois que você morrer de amores com a Moana bebê logo no começo do filme, eu te desafio a não querer levar o Pua pra casa.
É por isso, amiguinhos, que ter um porco como familiar dá bônus em diplomacia
Os personagens são carismáticos e você se apega a eles. Até o pai da Moana, chefe Tui, que parece um chato em um certo ponto do filme. Depois de saber o que aconteceu no passado dele, a gente consegue entender porque ele não quer que a filha viaje. Os bichinhos são ótimos: além do Pua, fofíssimo, tem o Hei Hei, o galo vesgo desorientado, que tem seus momentos engraçados no filme. 

Os grandes destaques são mesmo Moana e Maui. Ela é uma heroína ágil e determinada, que tem muito orgulho de sua ilha e de seu povo, apesar da vontade de viajar. Ele é um trapaceiro egocêntrico que entra na missão de forma muito relutante, mas que também tem motivos pra ser como é.

E minha favorita, vó Tala. A velhinha doida da vila, cheia de bons conselhos (se você conseguir passar por muitas camadas de excentricidade). A velha louca dos gatos, se você trocar os gatos por arraias.
Quando eu ficar velha, quero ser igualzinha à vó Tala
Os personagens são interessantes (inclusive visualmente), a história é emocionante (o final me fez chorar de forma ridícula no cinema) e é muito importante ter uma protagonista como Moana, que nos mostra coisas que a gente nunca viu, como culturas de lugares diferentes.

Agora aproveita que o filme ainda tá em cartaz e corre pro cinema pra assistir! A Disney precisa ver que esse tipo de filme dá certo pra gente ter mais heroínas assim.

Numa escala de uma a cinco crianças fofas da Disney/Pixar, o quanto eu gostei desse filme:



Comentários
10
Compartilhe

10 comentários:

  1. Ai que bonitinho !! Todos estão falando amores desse filme ne ? Você não foi diferente kkkk Eu não conhecia muito do que se tratava o filme, mas li aqui agora e achei maravilhoso. Então assim que der pra assistir eu vou, com certeza!

    ResponderExcluir
  2. Eu ainda não consegui assistir essa filme, acredita?!
    Estou doidinha pra ver. Realmente a Moana tem ganhado o coração de todos e ela bebê é muito fofa! Já vi fotos e dá mesmo vontade de levar pra casa haha

    ResponderExcluir
  3. Oi, Tamy!!
    Adorei a postagem sobre o filme ficou bem bacana!! Ainda não consegui assisti esse filme, mais quero muito!! Quem sabe não assisto agora nesse final de semana!!!
    Beijoss

    ResponderExcluir
  4. Tamy!
    Que tão fofo e lindo!
    Pode deixar que vou correr para o cinema e assistir, também quero o álbum de figurinhas.
    Bom final de semana!
    “A parte que ignoramos é muito maior que tudo quanto sabemos.” (Platão)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de JANEIRO dos nacionais, livros + BRINDES e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  5. Tô louca pra ver esse filme desde que foi anunciado,pena que na minha cidade não tem cinema. Amo animações principalmente da disney e adoro ter uma "princesa" sem aqueles estereótipos de sempre. Quase morri de tanta fofura na última parte da resenha *-*

    ResponderExcluir
  6. Oi!
    Tenho que assistir a esse filme, estou muito curiosa para acompanhar essa historia e lendo esse post essa curiosidade só aumentou, ainda mais sabendo que esse é um filme tão bom é importante como Mulan que é um dos meus favoritos, adorei, com certeza irei assistir !!

    ResponderExcluir
  7. Oi!
    Adoro animações! Personagens fofos, trilhas sonoras que encantam, lindas fotografias e mensagens que tocam o coração. Infelizmente não vou assistir no cinema, mas depois, com certeza.
    Adorei sua crítica.
    Obrigada.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  8. Este é mais um filme que está na minha lista, e depois de uma resenha desta não tem como não querer assistir, gente que coisa mais fofa, além de nos encantar ainda passa uma mensagem linda. Espero que a Disney continue produzindo filmes assim.
    Abraço!
    A Arte de Escrever

    ResponderExcluir
  9. Amei a música *_* sou fã das animações da Disney e amo as princesas. Só de ver o trailer estava curiosa para ler Moana e agora quero muito mais depois da resenha. Ela criança e os animais companheiros de viagem são fofíssimos

    ResponderExcluir
  10. Eu gosto muito de filmes da Disney e ainda mais quando são relacionados com princesas. Eu amei a premissa da Disney de trazer uma princesa diferente para o público. Eu ainda não entendo inglês então nem sei o que significa a música, mas o ritmo eu amei.

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por e-mail.
Obrigada!

 
imagem-logo
De Tudo um Pouquinho - Copyright © 2016 - Todos os direitos reservados.
Layout e Programação HR Criações