7 de jan de 2018


[Resenha] Crônicas de Morrighan: A Origem do Amor - Mary E. Pearson

Ficha Técnica

Título: Crônicas de Morrighan: A Origem do Amor
Título Original: Morrighan: A Remnant Chronicles Novella
Autor: Mary E. Pearson
ISBN: 978-85-9454-058-4
Páginas: 126
Ano: 2017
Tradutor: Ana Death Duarte
Editora: DarkSide® Books
Crônicas de Morrighan: A Origem do Amor
Quando o primeiro volume das Crônicas de Amor e Ódio chegou ao Brasil, os leitores souberam na hora que era amor à primeira vista. A jornada de Lia — repleta de aventura, fantasia, poder e romance — fez com que os darklovers se entregassem de corpo e alma a um universo deslumbrante criado pela premiada escritora Mary E. Pearson. Mas antes que fronteiras tivessem sido traçadas, antes que tratados fossem assinados e batalhas fossem travadas novamente, antes que os grandes reinos dos Remanescentes tivessem até mesmo nascido, uma menina chamada Morrighan e sua família lutavam para sobreviver em meio à guerra. Com uma narrativa apaixonante e poética, Mary E. Pearson transpõe as barreiras culturais em nome do amor e traz respostas e ternura a todos que estavam com saudades das belas crônicas. Publicada apenas em formato digital no exterior, a DarkSide Books presenteia seus leitores com uma edição única no mundo inteiro: Crônicas de Morringhan chega às livrarias em outubro com a amada capa dura e ainda traz uma apresentação exclusiva da autora para os fãs brasileiros que transformaram a série em um sucesso. Se você ainda não conhece a trilogia das Crônicas de Amor e Ódio, esse prelúdio é um primeiro beijo inesquecível, mas se você já entregou seu coração, Crônicas de Morringhan é um mergulho ainda mais profundo no universo criado com tanto carinho e inspiração por Mary E. Pearson.

Resenha


Uma história anterior a Trilogia Crônicas de Amor e Ódio. Crônicas de Morrighan: A Origem do Amor ganhou uma edição física e capa dura aqui no Brasil e nos conta a breve história de uma menina chamada Morrighan. Os acontecimentos são anteriores a tudo que se desenvolve na trilogia, mas no primeiro livro Lia comenta sobre a história de Morrighan.

A Trilogia Crônicas de Amor e Ódio, que todos os livros ganharam resenha aqui no DTuP, não foi exatamente tudo aquilo que esperava, mas não se trata de livros ruins. A expectativa era muito alta, as capas belíssimas e tudo que era divulgado sobre os livros prometiam demais. Não foram leituras tão fáceis e por isso tive um certo receio antes de pegar as Crônicas de Morrighan. Diferente de seus antecessores, a leitura flui, é rápida, mas não apresenta grandes reviravoltas. É um livro que precede a trilogia e a sua proposta é exatamente essa, mostrar um cenário com outras personagens, com outras motivações.

Morrighan é uma menina que vive em uma tribo nômade e todos eles tem muito pouco para sobreviver. Tudo escasso, não tem a possibilidade de ficarem em um lugar por causa dos saqueadores, os abutres, e os laços afetivos são praticamente mínimos. É como se fosse um luxo conseguir ter alguém em um cenário tão conturbado. Morrighan tem um dom e é destemida, dá para perceber que não é muito fácil dobrar ou mudar a opinião da personagem e gostei disso. A Trilogia já nos mostra personagens femininas fortes, apesar de alguns momentos reforçar estereótipos.  A jovem acaba se apaixonando por um abutre, os famosos ladrões que acabam e roubam grupos que já tem tão pouco.

Jafir é um abutre mas é diferente de todos do seu clã. Ele aprendeu que tomar a força o que não é seu era o certo a se fazer. Jafir foi apresentado apenas a este mundo cruel e sem moral, portanto, o comportamento dele é "errado" mas justificável por ele não ter conhecido nada diferente. Até que pro um acaso do destino ele encontra Morrighan e tudo se transforma. Morrighan mostra a Jafir que as coisas podem ser diferentes e que ele nunca foi anormal por não se encaixar nos padrões de seu clã desequilibrado. A jovem é um verdadeiro sopro de esperança e felicidade para ele, a chance dele ser quem realmente é.

A história é curta, contada em 126 páginas e não existe um final feliz, nem triste. O final é praticamente o que pode se esperar da história posterior, no caso a história que se passa na Trilogia. Crônicas de Morrighan: A Origem do Amor pode ser lida tranquilamente antes, para quem não iniciou a trilogia, mas é interessante fazer a ligação do que Lia disse sobre Morrighan lendo esse conto após a leitura da trilogia. Recomendado aos leitores de Crônicas de Amor e ódio!
Eu ganhei vida com ele, permitindo-me acreditar, por mais brevemente que fosse, que era esse meu mundo também, que nossos sonhos estavam apenas depois da próxima colina, ou na próxima, e que tínhamos asas para nos levar até lá.
P. 65
AmazonLivraria da Folha | Fnac | Cultura
Comentários
9
Compartilhe

9 comentários:

  1. Auri!
    Tenho As crônicas de Amor e ódio aqui, mas ainda não tive oportnidade de ler.
    Ver que nesse livro/conto poderão ser encontrados alguns nomes da trilogia anterior, pode ser um atrativo a mais para quem já leu.
    Na verdade o que mais gostei foi de saber que a protagonista Morrighan tem grande evolução durante a passagem dos anos no livro e que encontra um amor: Jafir e mesmo que aparentemente seja um amor improvável, torcemos para que dê certo.
    Lindo, né?
    Desejo Um domingo fabuloso e Novo Ano repleto de realizações!!
    “Chega de velhas desculpas e velhas atitudes! Que o ano novo traga vida nova, como o rio que sai lavando e levando tudo por onde passa.” (Desconhecido)
    cheirinhos
    Rudy
    1º TOP COMENTARISTA do ano 3 livros + Kit de papelaria, 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  2. Oi, Auri.
    Para quem ainda não leu a trilogia, é bom para tentar um pouquinho de como tudo começou e saber a origem desse amor proibido entre a Morrighan e do Jafir, que deveria ser existente...

    ResponderExcluir
  3. Sinceramente achei que este era uma republicação, em um único livro da trilogia Crônica de amor e ódio, e fiquei feliz em saber que se trata de uma estória antecessora a trilogia, que esta com uma edição espetacular, mas que além disto possui uma leitura mais fluida, com uma leitura menos complexa, o que deixou ainda mais cativada. Estou torcendo para que seja uma leitura mais agradável, do que a trilogia.

    Venha participar do sorteio de um kit da caixinha da TAG Livros http://petalasdeliberdade.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Eu sou li o primeiro livro da trilogia das Crônicas de Amor e Ódio e eu fiquei bem surpresa Quando soube que lançou um livrinho de contos mas acho que só vou ler ele quando terminar os outros dois livros

    ResponderExcluir
  5. Hey,

    Já ouvi várias pessoas falando sobre essa trilogia e confesso que tô doidinha para ler, vou colocar esse na listinha junto com a trilogia <3 mas não vou criar muito expectativa como você fez, quem sabe acabe sendo melhor que eu esperava.

    ResponderExcluir
  6. Hey, Auri.

    Referente as capas dos livros da Darkside Books, não tem como não amar, confesso, além que sou fascinada por livros de capa dura. Mas, vamos ao que interessa, o livro. Eu fiz uma breve comparação entre a sinopse e a tua resenha, e vi que a sinopse faz "muita promessa" em relação ao livro. É tipo a sinopse vir com o papo de que o livro é maravilhoso e instigante e tudo de muito bom, quando o conteúdo que há entre as páginas é algo mais simples. E sim, isso é natural de acontecer, é como as editoras podem conquistar público. E é quando uma obra agrada ou não a alguém, até porque o resultado da obra vai do gosto de cada um.

    Não conheço a trilogia, porém vou dar uma pesquisada a respeito, só pra ter uma ideia do conteúdo para ver se é interessante e cativa meu perfil literário.

    ResponderExcluir
  7. Oi Auri
    eu ainda n li nada da autora, mas a trilogia Crônicas de Amor e Ódio está na minha listinha de 2018. Já li resenhas com diversas opiniões e por isso tô bem curiosa.
    Tentarei ler em breve o primeiro livro da trilogia, se gostar, compro esse livro e deixo pra lê-lo assim que terminar o terceiro livro!
    A Darkside arrasa sempre nas capas, isso é incontestável.

    Bjoooos
    muitospedacinhosdemim.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Olá!
    Eu não li nada da autora, mas já ouvir falam muito dos livros a serie Amor e Ódio, eu tenho uma curiosidade imensa em ler. Esse tem uma premissa muito boa, com trama bem intrigante, a capa é muito maravilhosa. Espero ler!

    ResponderExcluir
  9. Ooi, sinto muita vontade de ler essa trilogia, já li algumas resenhas e todas foram muito positivas sobre essa trilogia.
    Gosto muito de livros que antecedem uma série, é uma forma de conhecer novas motivações e personagens.
    Bjs

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por e-mail.
Obrigada!

 
imagem-logo
De Tudo um Pouquinho - Copyright © 2016 - Todos os direitos reservados.
Layout e Programação HR Criações