30 de jan de 2018


[Resenha] O Touro Ferdinando - Munro Leaf

Ficha Técnica 

Título: O Touro Ferdinando
Título Original: The Story of Ferdinand
Autor: Munro Leaf
Ilustração: Robert Lawson
ISBN: 978-85-510-0265-0
Páginas: 72
Ano: 2017
Tradutor: Flora Pinheiro
Editora: Intrínseca
Com mais de 80 anos de vida, o simpático Ferdinando continua em boa forma. Sua história não envelheceu um dia sequer, ainda hoje conquistando corações e inspirando o respeito pelas diferenças. Publicado originalmente em 1936, O touro Ferdinando marcou gerações no mundo todo, tendo sido traduzido para mais de 60 idiomas. Com uma narrativa singela, uma união perfeita entre as ilustrações e o texto de humor delicado, o livro conta a história de um touro que, apesar de seu tamanho e sua força, não tem interesse em lutar nas touradas. Tudo que ele quer é cheirar as flores e ficar quietinho no seu canto, mas às vezes o mundo à nossa volta não compreende aqueles que são diferentes da maioria. Com um personagem encantador e ilustrações impecáveis, a obra traz uma mensagem universal e atemporal e certamente será amada também pelo público brasileiro.

Resenha


Publicado há mais de 80 anos, a história do Touro Ferdinando fez parte da minha infância. Lá em casa havia um fita VHS recheada de filmes e curtas animados da Disney, entre eles “O Dragão Relutante” (1941), “Willie, a Baleia Cantora” (1946) e “Ferdinando, o Touro” (1938), que chegou a ganhar um Oscar. E agora uma nova geração de crianças, e também adultos, estão tendo a chance de revisitar esta linda obra tanto através do relançamento do livro pela Intrínseca, como pela adaptação cinematográfica da Fox Filmes sob direção do brasileiro Carlos Saldanha.

Escrito pelo norte-americano Munro Leaf e ilustrado pelas mãos talentosas de Robert Lawson, “O Touro Ferdinando” foi publicado lá atrás, mais exatamente em 1936, apenas 9 meses antes da eclosão da Guerra Civil Espanhola. Ironicamente, a narrativa da obra se passa exatamente na Espanha, e sua maior crítica é contra a violência, sendo porta voz claro e gritante de uma mensagem de paz.


Ferdinando, diferentemente dos outros touros de seu rebanho, não gosta de “brincar” de brigar. Ao invés disso, seu maior prazer é ficar debaixo de um belo carvalho cheirando e admirando as flores. Porém, certo dia, os toureiros em busca de um touro feroz para uma grande tourada em Madrid decidem visitar a fazenda onde mora Ferdinando.

Os touros ficam eufóricos e começam a brigar para chamar a atenção dos humanos e serem os escolhidos para o evento na cidade grande. Mas nosso querido Ferdinando só pensa em cheirar suas flores, e infelizmente enquanto faz isso, acaba sentando em uma abelha, que lhe pica. Assustado e com dor, Ferdinando acaba fazendo um escarcéu e chama a atenção dos toureiros, que lhe escolhem para ser a vítima da próxima tourada.


Com uma mensagem super atual, “O Touro Ferdinando” consegue tratar de uma forma rápida e simples a importância – e necessidade – de sermos fiéis a nós mesmos, mesmo que isso seja destoante do que esperam de nossas ações e comportamentos. E acima de tudo, Ferdinando com sua postura e bondade, reforça que há beleza mesmo nas situações mais adversas e inesperadas, e que gentileza gera bons frutos.

Irei agora comparar rapidamente o livro com suas adaptações animadas. O curta do Walt Disney, que surpreendentemente foi lançado em 1938 - vou colocar o video no final da resenha -, é bastante fiel ao livro, principalmente pelo fato do mesmo conter poucas frases e muitas ilustrações, o que acabou gerando um filme de 7 minutos de duração. De qualquer forma, foi muito bem feito e executado, principalmente pela época em que foi produzido.


Já o filme de Carlos Saldanha, que se encontra atualmente nos cinemas de todo o Brasil, é um pouco mais diferente, principalmente por ter uma duração maior, mas que não impede que a essência da obra de Leaf esteja ali presente. Pelo contrário, tanto os personagens e situações novas inseridas no filme combinam e casam muito bem com a história original de Ferdinando. Foi muito satisfatório assistir a obra e notar uma crítica à violência no estranho e doentio sistema de entretenimento que são as touradas, ou que meninos não podem ser sensíveis e gostarem de flores. Felizmente o filme é um sucesso e está levando à jovens mentes mensagens muito contemporâneas e importantes. Além de ter sido merecidamente indicado ao Oscar de Melhor Filme de Animação na premiação que acontece em Março, “O Touro Ferdinando” (2017) já conseguiu arrecadar mais de 32 milhões de reais somente no país.

Repaginado e em uma capa dura vermelha, “O Touro Ferdinando” voltou para (re)conquistar corações. A edição nova está muito bonita, e só pecou em vir com um adesivo colado na frente dizendo que era a inspiração do filme. Fiz questão de retirar. As ilustrações de Lawson são precisas e ricas, e a sensibilidade da história é de deixar qualquer um com um sorriso no rosto. Que essa história volte com tudo e ajude a criar de alguma forma um mundo com mais Ferdinandos e flores.





Amazon
Comentários
8
Compartilhe

8 comentários:

  1. O livro é muito fofo e o filme é mais ainda e eu acho que o mais legal que rola na história do filme do livro é que eles passam ensinamentos muito lindo de que as atitudes vão além da aparência da pessoa e eu achei também muito interessante eles acordarem as questões das crueldades que são as touradas que acontecem na Espanha

    ResponderExcluir
  2. Oi, Tácio.

    Poxa, o livro nos dá uma grande lição ao Homem, né? E traz reflexões sobre não precisar agir com violência!

    ResponderExcluir
  3. Tácio!
    Não conhecia o Touro Ferdinando até cer o bum de críticas sobre o filme, nem sabia que tinha um livro tão antigo dele.
    Achei importante as questões levntadas no livro e a bandeira da paz, mostra que o livro é atemporal e um assunto constante a ser discutido.
    Desejo uma ótima semana, cheia de luz e paz!
    “Que o novo ano que se inicia seja repleto de felicidades e conquistas. Feliz ano novo!” (Desconhecido)
    cheirinhos
    Rudy
    1º TOP COMENTARISTA do ano 3 livros + Kit de papelaria, 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  4. Hey Tácio.

    E se eu te contar que eu nunca tinha ouvido falar no Touro Ferdinando até que soube que seria lançado o filme em breve. Além do mais, soube agora com sua postagem que tem um livrinho sobre a história.
    Me pergunto: COMO ASSIM QUE EU NÃO VI ESSA ANIMAÇÃO ANTES, MENINO?
    HAHAHAHA
    Pois bem, assisti a breve animação agora e achei muito fofo. A animação transmite uma mensagem a ser discutida diariamente. E é simples essa mensagem, é algo do tipo: seja você mesmo, não importa o que pensem!

    Adorei.
    Até a próxima, moço!

    ResponderExcluir
  5. Desde que vi o trailer de O touro Ferdinando, fiquei com muita vontade de assistir e quando descobri que era um livro achei incrível.
    Parece ser uma história muito bacana, com várias reflexões importantes.

    ResponderExcluir
  6. Oi Tácio
    Que incrível!
    Não sabia que o filme era inspiração de um livro!
    Mt bacana!

    Bjoooos
    muitospedacinhosdemim.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Quando vi a adaptação para os cinemas não imaginava que a obra tinha livro,e agora sabendo que a editora intrínseca republicou o livro, e esta dando a chance para as crianças dessa nova geração experiencie esta história lindíssima e muito divertida. Pelo trailer a fox fez um grande investimento, já que esta muito colorido, com uma imagem bacana. Já quero tanto a obra quanto ver o filme.

    Venha participar do sorteio de um kit da caixinha da TAG Livros http://petalasdeliberdade.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Olá!
    Eu não sabia que o filme era adaptação do livro, fiquei bem curiosa agora. A historia é bem interessante e envolvente. Sei que haverá muitos comentários sobre o filme, apesar de haver essa parte que existe hoje em dia. A historia é muito fofa e quero ler.

    Tempos Literários

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por e-mail.
Obrigada!

 
imagem-logo
De Tudo um Pouquinho - Copyright © 2016 - Todos os direitos reservados.
Layout e Programação HR Criações