22 de set de 2018


[Seriando um Pouquinho] Marvel's Agent Carter



Sinopse: Agent Carter conta a história Peggy Carter (Hayley Atwell). O ano é 1946, e Peggy se encontra marginalizada quando os homens retornam ao lar após a Guerra. Trabalhando para a SSR (Reserva Científica Estratégica, em inglês), Peggy precisa balancear o trabalho administrativo e missões secretas para Howard Stark, ao mesmo tempo em que leva uma vida solteira após perder o seu amor, Steve Rogers.


Dentre as séries que eu assisto ou assisti, não sei o motivo de ainda não ter falado sobre Agente Carter. A série é um verdadeiro retrato do “Girl Power”. Mesmo sendo uma série derivada dos quadrinhos da Marvel, a protagonista não tem superpoderes. E em meio ao momento que estamos vivendo, acredito que reforçar o poder das mulheres é importante.

Após sua aparição em Capitão América  - O Primeiro Vingador, Peggy Carter é tida como a viúva do Capitão américa e impossibilitada de viver sua história de amor. Isso em 1946, em meio à tentativa de retornar as atividades com o fim da guerra. Sendo subaproveitada em um trabalho administrativo da SSR (Reserva Científica Estratégica), Peggy se põe em perigo de ser acusada de espiã por ajudar um amigo, Howard Stark (Dominic Cooper).



Por ter sido acusado de liberar armas no mercado negro, Stark usa Carter como uma aliada na tentativa de provar sua inocência, localizando os responsáveis e se livrando das armas. Mas a investigação acaba mostrando muita coisa como o caráter das pessoas que a cercam, até mesmo de Stark.


Ressaltando o poder feminino e a importância da mulher na sociedade, temos  Hayley Atwell, uma atriz que cumpriu bem o papel de ser uma mulher vista pelos colegas como uma secretária, mas que na verdade tem muita força e inteligência. Não apenas por ter sido o amor de Steve Rogers, Mas e principalmente por provar que ela tem sua importância e tem uma vida que vai além de ser a “viúva’ do Capitão América. 


Mesmo sendo uma personagem britânica, foi construída para agradar o público americano e consegue fazer isso com primor, contracenando com nomes como Shea Whigham, o chefe Roger Dooley,  Chad Michael Murray e Enver Gjokaj (Jack Thompson e Daniel Sousa, respectivamente), Hayley  tem um verdadeiro aliado em cena e na trama, Edwin Jarvis, vivido por James D'Arcy. de uma química em cena muito boa, a produção da série teve sucesso ao retratar o figurino da época e dar o clima perfeito com uma empresa telefônica como fachada para a SSR, o hotel para moças e a rádio-novela que conta as  aventuras do Capitão América ao lado de uma certa Betty Carver de maneira romântica, deixa o público sempre ciente que mesmo sendo uma história independente, a Agente Carter fez parte da vida do Capitão América.


A série foi criada por Christopher Markus e Stephen McFeely e exibida pela ABC. Suas duas temporadas, a primeira com 8 episódios, exibida em 2015 e a segunda com 10 episódios que foram ao ar em 2016, mesmo agradando ao público  e a crítica, não foram tão bem em audiência, ou pelo menos, não o quanto precisaria para que o canal optasse por exibir uma terceira temporada.não foram suficientes. Entretanto, Jeph Loeb, chefe de tv da Marvel Studios, afirmou recentemente que um revival poderia acontecer facilmente se existisse uma emissora interessada. (Por favor Netflix, nunca te pedi nada.).


Elenco 
Hayley Atwell - Peggy Carter Principal
Chad Michael Murray - Jack Thompson
James D'Arcy - Edwin Jarvis
Enver Gjokaj - Daniel Sousa
Shea Whigham - Roger Dooley


Comentários
8
Compartilhe

8 comentários:

  1. Já li tantas recomendações para esta série,mas minha fila anda daqui até o infinito ;/
    E sabe, não consigo entender que mesmo ela tendo sido muito bem aceita, não ter alcançado as tais visualizações, a tenha tirado do canal.
    Adoro o gênero e pelo que li acima, a personagem foi muito bem construída, aliás, todos os personagens foram.
    Com certeza, assim que minha filinha diminuir, vou ver!
    Beijo

    ResponderExcluir
  2. Eu simplesmente amo essa série. Bem que a Netflix podia ouvir nosso apelo de órfãos e se interessar pela série e colocar no streaming 😍

    ResponderExcluir
  3. Hey,

    Já assistir e terminei a série, maior injustiça no munda das séries ter sido cancelada, as atuações são maravilhosa idem o enredo, espero que a netflix salve um dia <3

    ResponderExcluir
  4. Miau!
    Acompanhei a série e realmente é fabulosa, super vale a pena.
    Tomara que alguém (oi Netflix) tenha interesse.
    “Sede felizes; os amigos desaparecem quando somos infelizes.” (Eurípedes)
    cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA SETEMBRO - 5 GANHADORES - BLOG ALEGRIA DE VIVER E AMAR O QUE É BOM!

    ResponderExcluir
  5. Oi Miau

    eu n assisto série, n pq n goste mas pq n consigo acompanhar
    n conhecia essa maaaas se um dia eu for assistir alguma, vou tentar ver essa

    Bjoooos
    muitospedacinhosdemim.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oi Miau!
    Ainda não conhecia essa série, não tenho costume de ver séries do gênero, mas me chamou atenção, vou anotar sua dica.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  7. Triste mesmo esta série não ter sido renovada. Eu estava acompanhando e louca para renovar, mas acabou sendo cancelada e sério quase chorei no dia que descobri.
    É uma série muito boa que tem de tudo um pouco, o drama, suspense, comédia e a Peggy e o Jarvis são um dupla e tanto, as cenas de lutas são super tops, tava tudo perfeito para ser renovada.
    A série foi cancelada pena ABC por causa do grande custo e baixa audiência, só pq é uma historia de época.
    Triste, muito triste. Quem sabe um dia não renovem.
    OBS: Naõ sei como Agents of Shield durou tanto, Agent Carter é muito melhor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Menina, também não acredito, achei Agents of Shield horrível e continua aí 🙄

      Excluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por e-mail.
Obrigada!

 
imagem-logo
De Tudo um Pouquinho - Copyright © 2016 - Todos os direitos reservados.
Layout e Programação HR Criações