14 de jun de 2019


[Resenha] Uma Mulher na Escuridão - Charlie Donlea

Ficha Técnica

Título: Uma Mulher na Escuridão
Título Original: Some Choose Darkness
Autor: Charlie Donlea
ISBN: 978-85-9581-072-3
Páginas: 303
Ano: 2019
Tradutor: Carlos Szlak
Editora: Faro Editorial
Ao limpar o escritório de seu pai, falecido há uma semana, a investigadora forense Rory encontra pistas e documentos ocultados da justiça que a fazem mergulhar num caso sem solução ocorrido 40 anos atrás. No verão de 1979, cinco mulheres de Chicago desapareceram. O predador, apelidado de Ladrão, não deixou nenhum corpo ou pista — até que a polícia recebeu um pacote enviado por uma mulher misteriosa chamada Angela Mitchell, cujas habilidades não-ortodoxas de investigação levaram à sua identidade. Mas antes que a polícia pudesse interrogá-la, Angela desapareceu. Agora, Rory descobre que o Ladrão está prestes ser posto em liberdade condicional pelo assassinato de Angela: o único crime pelo qual foi possível prendê-lo. Sendo um ex-cliente de seu pai, Rory reluta em representar o assassino, que continua afirmando não ser o assassino de Angela. Agora o acusado deseja que Rory faça o que seu pai prometeu: provar que Angela ainda está viva. Enquanto Rory começa a reconstruir os últimos dias de Angela, outro assassino emerge das sombras, replicando o mesmo modus operandi daqueles assassinatos. A cada descoberta, Rory se enreda mais no enigma de Angela Mitchell, e na mente atormentada do Ladrão.Traçar conexões entre passado e presente é a única maneira de colocar um ponto final naquele pesadelo, mas até Rory pode não estar preparada para a verdade...

Resenha

Mesclando passado e presente, “Uma Mulher na Escuridão” entrega ao leitor uma história inteligente, sagaz e com eventos muito bem amarrados. Aqui, iremos conhecer duas fortes mulheres: Rory e Angela. A primeira é uma investigadora forense, que após a morte de seu pai fica responsável por seus casos de advocacia. Um destes casos é o de um homem supostamente preso injustamente pelo assassinato de ninguém mais ninguém menos o que Angela.

Angela é a personagem responsável por nos apresentar os eventos situados no passado da obra. Ela é extremamente inteligente, mas também desconfiada e anti-social, além de possuir manias peculiares. E devido a tais comportamentos ditados como “estranhos”, que Angela se torna a responsável por desvendar a identidade de um serial killer que está raptando e matando mulheres na cidade de Chicago durante o verão de 1979.

Após o anúncio de quem era o assassino, conhecido por Ladrão, Angela desaparece, e é dada como morta, como forma de represália por ter aberto a boca para à polícia sobre a verdadeira identidade do psicopata. Porém, Ladrão garante que sofreu uma emboscada, e que Angela está viva, sendo assim ele, um inocente. 40 anos após esses eventos, caberá a Rory seguir os passos finais de Angela, para poder confirmar a suposta inocência de Ladrão, e assim, poder talvez encontrar o verdadeiro assassino que está em liberdade este tempo todo.
Angela recuou mais um pouco e se virou. Saiu correndo pela porta de serviço e atravessou o quintal. Alcançou a porta da cozinha e se atrapalhou com a maçaneta. Porém, logo que conseguiu abrir a porta, entrou na segurança da sua casa e girou imediatamente a chave na fechadura.
P. 50
Charles Donlea entrega mais uma excelente obra, com personagens fortes e reviravoltas sem fim. A escrita do autor é muito boa, fazendo com que a leitura seja fluida e ao mesmo tempo recheada de tensão. A decisão de dividir o livro entre dois tempos, foi certeira, ainda mais porque Donlea consegue conectar muito bem passado e presente, através de capítulos curtos, mas repletos de ação.

Provavelmente a melhor coisa de “Uma Mulher na Escuridão” seja suas personagens principais, ambas mulheres inteligentes, independentes e corajosas de suas próprias maneiras. Mesmo que elas não se encontrem fisicamente devido há um espaço temporal de 40 anos, é curioso como a narrativa dá ideia que elas estão trabalhando juntas para solucionar os mistérios do livro.
Rory esperou um momento.
– Receia o quê?
– Que eu não a tenha tratado melhor do que qualquer uma das pessoas que ela tentou evitar.
– O que houve?
Catherine tomou um gole de café para ganhar coragem.
– Tenho certeza de que você sabe sobre as mulheres desaparecidas em 1979.
P. 159
A edição do livro está boa, apesar de continuar não entendo muito a insistência da editora nesses títulos super batidos e que destoam em relação ao título original da obra. O livro em inglês se chama “Some Choose Darkness”, algo como “Alguns Escolhem a Escuridão” em tradução livre, e mais uma vez a Faro opta em introduzir no título “uma garota”, “uma menina”, “uma mulher” ou coisa que valha no título, como se isso fosse este o motivo maior de alguém se interessar pelo livro em questão. Também não fiquei satisfeito com a imagem da capa, porém quando vi a capa do original, percebi que estamos no lucro.

“Uma Mulher na Escuridão” é mais uma obra coesa e muito bem elaborada do autor Charlie Donlea. Com mistérios e reviravoltas para dar e vender, o livro é uma excelente pedida para os fãs de thriller. Tenho certeza absoluta que a sagacidade e maestria de Rory e Angela irão lhe conquistar, assim como me conquistaram.

Compre na Amazon

P.S.: Se quiser adicionar esse livro na sua lista de leitura do Skoob basta clicar na capa que você será redirecionado para a página do livro no Skoob 😉
Comentários
1
Compartilhe

Um comentário:

  1. Sou apaixonada pelas letras do Charlie e não vejo a hora de poder conferir este novo trabalho do autor!!!
    Tudo que li até o momento foi positivo demais e pelo que li acima, mais uma vez, o cenário criado, os personagens e as reviravoltas, estão mais uma vez, se encaixando com maestria!
    Charlie tem um jeitinho único de jogar o leitor dentro do enredo..e é aquela velha história: todo mundo é culpado ou inocente até que se prove o contrário!
    Lerei com certeza.
    Beijo

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por e-mail.
Obrigada!

 
imagem-logo
De Tudo um Pouquinho - Copyright © 2016 - Todos os direitos reservados.
Layout e Programação HR Criações