7 de set de 2019


[Resenha] Loucamente Apaixonada na Livraria dos Corações Solitários - Annie Darling

Ficha Técnica 

Título: Loucamente Apaixonada na Livraria dos Corações Solitários
Título Original: Crazy in love at the lonely hearts bookshop
Autor: Annie Darling
ISBN: 978-85-7686-770-8
Páginas: 322
Ano: 2019
Tradutor: Cecília Camargo Bartalotti
Editora: Verus
Novo romance da série A Livraria dos Corações Solitários, sobre a vida dos funcionários da livraria que por uma razão ou outra desistiram do amor e, ainda assim, o encontram quando menos esperam. Cheia de tatuagens e com o cabelo cor-de-rosa, a dublê de pinup Nina adora bad boys — quanto mais cara de mau, melhor. Apesar dos receios de seus amigos, ela acredita firmemente que o amor verdadeiro só tem uma forma: selvagem, intenso e pontuado por brigas tempestuosas — como na história de Heathcliff e Cathy, o casal angustiado de O Morro dos Ventos Uivantes. E ela não vai se contentar com nada menos que isso. Mas anos de encontros marcados por aplicativo não trouxeram nada além de caras esquisitos e paqueras banais, e Nina não está nem um pouco mais perto de encontrar o amor. Quando um homem de seu passado entra na livraria, Nina sabe que não tem nada a temer: o garoto mais nerd da escola se tornou um analista de negócios tedioso que combina o terno com a gravata, sem chance de fazer seu coração bater mais rápido. O que só mostra quão pouco Nina sabe sobre bad boys, analistas de negócios e o próprio coração.. Este é mais um romance delicioso da série A Livraria dos Corações Solitários, sobre a vida dos funcionários da livraria, um “alegre bando de desajustados”, que por uma razão ou outra desistiram do amor e, ainda assim, o encontram quando menos esperam.

Resenha


Chegou a hora de voltar para A Livraria dos Corações Solitários e reencontrar personagens tão queridos e divertidos. Depois de ter lido sobre a Posy e a Very encontrarem seus amores nos dois primeiros livros dessa série, está na hora de Nina ter a sua chance.

Nina O'Kelly tem quase trinta anos e continua na busca do seu verdadeiro amor que, segundo ela, deve ser selvagem, intenso e pontuado por brigas tempestuosas e tudo isso porque é apaixonada pelo romance O Morro dos Ventos Uivantes e pelo amor entre Heathcliff e Cathy. Para isso, ela sai bastante com os amigos para os pubs e marca diversos encontros com caras que conhece pelo app de relacionamento.

Desde que saiu da casa dos pais, Nina vive a busca por encontrar seu amor e a si mesma, antes de tudo. Movida pela busca de viver intensamente, ela saiu do emprego no salão de beleza da tia - próximo de casa -, saiu da casa dos pais, agora tem muitas tatuagens literárias pelo corpo, se veste em um autêntico estilo pinup, bem vintage mesmo e seu cabelo está sempre com uma cor diferente.
—  Na verdade, O morro dos ventos uivantes tem sido minha inspiração nesses últimos dez anos da minha vida. Foi por isso que saí da Hair (and Nails) By Mandy e de Worcester Park, por isso que faço a maior parte das coisas que faço.
—  Por quê? —  Noah perguntou.
— Paixão. Cathy e Heathcliff eram governados por suas paixões. Eles não se contentavam com o que era seguro ou medíocre.
P. 131
Mas é trabalhando na Felizes Para Sempre que ela reencontrará alguém do seu passado, Noah Harewood, um cara completamente diferente do seu tipo de homem: certinho, atencioso, inteligente. Um verdadeiro amor. Na verdade, Nina demora de lembrar de onde conhece Noah e ele não faz a mínima ideia de que no passado eles estudaram na mesma escola, mas ele fica encantado com o jeito dela e a convida para um encontro, que ela aceita apenas por uma questão de princípios: não se recusa um convite para um encontro. Mas, quanto mais tempo eles passam no trabalho e saindo juntos, mais Nina percebe que, mesmo ele não sendo o tipo de homem que procura, Noah se infiltrou aos poucos em sua vida de uma forma que ela não vê mais prazer em marcar diversos encontros aleatórios, sair e paquerar outros homens e sente até mesmo a falta dele no trabalho, mesmo ele estando lá para analisar o trabalho dela e de seus colegas.

Além do romance, que torcemos para que dê certo, também temos a oportunidade de conhecer a família de Nina e, sinceramente, entendo perfeitamente a razão dela ter saído de casa e voltar o mínimo de vezes possível, principalmente pela relação que ela tem com a mãe, que sempre tem comentários que deixariam qualquer um para baixo.

Também há o outro lado da relação de amizade entre os funcionários da Felizes Para Sempre, Posy e seu marido Sebastian, Very que continua firme no namoro com Johnny e o mistério que Tom ainda é para todas elas - inclusive, estou ansiosa pelo livro dele, porque esse suspense está me matando de curiosidade.
Ela o conhecia havia pouco mais de um mês, mas não era o bastante. Ela sabia com uma rara certeza que Noah era o tipo de homem com quem ela poderia estar por um ano, dez anos, uma vida inteira, e ele ainda encontraria novas maneiras de surpreendê-la, de fazê-la rir, de fazê-la se sentir segura.
P. 268
Como o livro é narrado na perspectiva de Nina, não dá para saber muito sobre Noah, apenas o que ela sabe dele e quando eles estão juntos em cena, conversando, mas tenho que dizer uma coisa: Noah é o meu tipo de cara: inteligente, certinho, atencioso, amoroso. Estou apaixonada! 😍😍😍 

Assim como os dois primeiros livros da série, esse livro é um amorzinho e nos faz suspirar do início ao fim e quando chega ao final deixa aquele gostinho de quero mais.

Compre na Amazon

P.S.: Se quiser adicionar esse livro na sua lista de leitura do Skoob basta clicar na capa que você será redirecionado para a página do livro no Skoob 😉
Comentários
4
Compartilhe

4 comentários:

  1. Olá tudo bem? Venho acompanhando as resenhas desses livros dessa série e tenho muita vontade de ler
    Mas e preciso esperar o preço ficar acessível ao meu bolso
    Mas tenho paciência
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valerá a pena, Eliane. Os livros são ótimos!!!
      Bjs

      Excluir
  2. Lay!
    Não li ainda nenhum dos livros dessa série, mas tenho a maior vontade, ain da mais em saber que tem romance e livros... tudo de bom.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  3. Mesmo que meus olhos brilhem cada vez que leio uma resenha de algum dos livros, ainda não pude ler nenhum deles.
    Mas pensa, sou uma romântica incurável e por tudo que li dos livros anteriores e deste, é amor do começo ao fim e isso é maravilhoso!!!!
    Com certeza, espero ainda ter todos os livros e morrer de suspiros..rs
    Beijo

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos.
Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por e-mail.
Obrigada!

 
imagem-logo
De Tudo um Pouquinho - Copyright © 2016 - Todos os direitos reservados.
Layout e Programação HR Criações