26 de abr. de 2020


[Seriando um Pouquinho] Designated Survivor


Sinopse: O Presidente dos E.U.A. é vitimado durante um ataque a bomba durante o discurso do Estado da União, no capitólio, e todos os outros membros do governo que estavam presentes morrem também. Tom Kirkman (Kiefer Sutherland), o secretário de habitações e desenvolvimento urbano, funcionário público de mais alto escalão ainda vivo, vira presidente do dia para noite. Uma conspiração parece se desvelar ao seu redor e ele precisa proteger sua família enquanto descobre o que está acontecendo.


Você sabe o que é um sobrevivente designado? Pois até assistir Designated Survivor eu também não sabia. Nos Estados Unidos um sobrevivente designado é um membro do Gabinete dos Estados Unidos indicado para ficar em um lugar secreto, seguro e fisicamente distante quando o presidente e os outros líderes do país estão reunidos em um mesmo lugar. Essa medida visa manter o governo caso algum evento catastrófico mate muitos oficiais na linha de sucessão presidencial, assim, essa pessoa assumiria o cargo de presidente dos Estados Unidos. Perceberam porque esse é o plot perfeito para uma série?

O arquiteto Tom Kirkman (Kiefer Sutherland) é secretário de habitação e desenvolvimento urbano e por conta desse cargo ele e a família se mudaram para Washington D.C., mas Tom não é um político, ele é um visionário. Entretanto, ao que tudo indica, ele não é mais necessário no governo e por isso lhe oferecem um novo cargo. Curiosamente, no mesmo dia ele também é nomeado sobrevivente designado. Ele só não imaginava que um atentado explodiria o capitólio durante o discurso do Estado da União e que se tornaria presidente dos Estados Unidos em meio ao caos que o país se encontra. 



Todo o alto escalão do governo morreu no atentado e cabe a Tom enfrentar esse desafio. Com o apoio da esposa, Alex (Natascha McElhone), ele decide encará-lo de frente. Outro apoio fundamental para Tom nesse momento é sua assessora, Emily Rhodes (Italia Ricci), que permanece ao seu lado em sua ascenção ao cargo de presidente e, como ambos têm ideologias muito parecidas, ela é de suma importância. Dois acréscimos inesperados à equipe são Aaron Shore (Adan Canto) e Seth Wright (Kal Penn). Aaron era Chefe Adjunto do gabinete do anterior presidente e Seth era escritor de discursos também do anterior presidente. A chegada desses integrantes na equipe é fundamental por já serem funcionários da Casa Branca e conhecer muitas pessoas e o jogo envolvido, ao contrário de Tom e Emily, que apenas compareciam em reuniões quando eram solicitados. 


No comando do país mais poderoso do planeta, Tom Kirkman precisa lidar com os problemas decorrentes do atentado no capitólio, afinal, não foi o acaso que levou a explosão, certo? Sem dúvida foi um atentado. Mas quem foi o mandante? Em paralelo, vários países percebem nesse momento de fragilidade a oportunidade de enfrentar os Estados Unidos. Aliado a isso, também há a questão familiar, pois Tom e Alex têm dois filhos: o adolescente Leo e a caçula Penny e Leo já vinha mostrando sinais de rebeldia adolescente - como se fosse necessário acrescentar mais problemas, não é mesmo?

Durante os episódios, que tem em média 42 minutos de duração, Tom Kirkman tenta lidar com todos os problemas, mas ainda que existam muitos deles, é possível notar que o diferencial em suas respostas se deve ao fato dele não ser um político e de não ter vínculo com nenhum partido.


Enquanto vemos Tom na Casa Branca, o FBI investiga a explosão do capitólio e quem se destaca aqui é a agente Hannah Wells (Maggie Q), que esta determinada a descobrir os responsáveis pelo atentado e prendê-los. Ela conta com o apoio do seu diretor, Jason Atwood (Malik Yoba) e do analista Chuck Russink (Jake Epstein), por quem tenho um crush doido, além do Kiefer, é claro hahaha. 



As duas primeiras temporadas de Designated Survivor, com 21 e 22 espisódios respectivamente, foram transmitidas pelo canal ABC, mas, mesmo com o sucesso, a emissora cancelou a série em maio de 2018. Em setembro do mesmo ano a Netflix anunciou que assumiria a série, mas a terceira temporada contou com apenas 10 episódios e alguns personagens simplesmente sumiram sem deixar nem uma explicação. Para completar, em julho de 2019 a Netflix anunciou o cancelamento da série. Ou seja, acho que agora já era, né?

A série estadunidense criada por David Guggenheim traz muito drama, intriga e estratégia política, comédia e ação. Além disso, a série não exita em abordar temas complicados como estar em um cargo político e não ser filiado a nenhum partido, o direito de não votar, preconceito sexual, reliogioso e étinico - ainda mais quando situações como o atentado ocorrem -, vícios e muitos outros, trazendo assim uma premissa totalmente verossímil.


Olha esse sorriso, minha gente, como não apaixona?

Confesso que só comecei a assistir Designated Survivor por conta do Kiefer, que eu amo de paixão desde que assisti 24 Horas, mas a série me pegou de jeito e por isso fiquei triste em saber que foi cancelada.

E vocês, já assistiram? O que acharam?
Se ainda não assistiram, o que acham de dar uma chance? As três temporadas estão disponíveis na Netflix.




Elenco:
Kiefer Sutherland como Tom Kirkman
Natascha McElhone como Alex Kirkman
Adan Canto como Aaron Shore
Italia Ricci como Emily Rhodes
LaMonica Garrett como Mike Ritter
Kal Penn como Seth Wright
Maggie Q como Hannah Wells
Tanner Buchanan como Leo Kirkman
Mckenna Grace como Penny Kirkman
Malik Yoba como Jason Atwood
Ashley Zukerman como Peter MacLeish
Geoffrey Pierson como Cornelius Moss
Comentários
2
Compartilhe

2 comentários:

  1. Já vi a chamada para essa série tantas vezes, mas admito(com vergonha) que nunca parei de fato para ler do que se tratava.
    Sei lá, isso de presidentes, gabinetes, sempre me irritou um pouco.
    Mas lendo acima por este outro ângulo, há uma grande chance de eu desejar ver as três temporadas..rs
    Beijo

    Angela Cunha Gabriel/Rubro Rosa/O Vazio na flor

    P.s(saudade da coluna de lançamentos de cinema ;/)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acredita que sempre lembro disso nesses dias de distanciamento? Mas sem cinema... Vamos voltar em breve, tenho esperança que sim!
      Quanto a série, sério, muito boa <3
      Beijo

      Excluir

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos. Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por e-mail.
Obrigada!

 
imagem-logo
De Tudo um Pouquinho - Copyright © 2016 - Todos os direitos reservados.
Layout e Programação HR Criações