11 setembro, 2020


[Resenha] A Babá do Milionário - Tia Louise


Ficha Técnica 

Título: A Babá do Milionário
Título Original: Make Me Yours
Autor: Tia Louise
ASIN: B08D5Z9WCH
Páginas: 308
Ano: 2020
Tradutor: Bianca Carvalho
Editora: Cherish Books
Ele é um pai solteiro bilionário que precisa de ajuda.
Ela é uma moça atrevida que precisa de trabalho.
Babá ao vivo? O que poderia dar errado?
Remington Key: Deixei a Marinha, fiz um bilhão em minha empresa de tecnologia, casei-me e tive um bebê. Eu fiz tudo conforme o combinado. Felizes para sempre, certo?
Avanço quatro anos e estou sozinho, criando minha filha, cuidando da minha sogra e tentando manter minhas coisas juntas. Como isso aconteceu? Eu estava claramente bêbado na noite em que ofereci a uma garota linda em um bar US$ 500 por dia para ser minha babá. Ou talvez fosse meu pau falando. E se eu estiver sozinho desde sempre? Estou focado em lançar meu novo negócio, não em colocar as mãos na sereia sexy que dorme do lado do meu quarto.
Pelo menos é o que eu continuo falando pra mim mesmo...
Ruby Banks: Remington Key é distante, mediativo e sexy demais. E quando ele pega sua adorável filha de quatro anos, Lillie, e sopra framboesas em sua barriga enquanto ela grita de alegria, eu me derreto totalmente. Esbarrar com ele em nosso bar local naquela noite, estando ele um pouco bêbado e excessivamente frustrado foi um completo acidente. Ele precisava de ajuda e me ofereceu um salário ridiculamente alto. Eu não poderia dizer não. Certo? Agora ele me deu a chance de pagar minhas dívidas e assumir o controle da minha vida. Não posso estragar essa chance. Mas por mais que eu queira ser boa, não tenho certeza se posso fingir ... A maneira como ele me olha envia calor escaldante pelo meu interior. Nossas mãos se tocam, nossos olhos se encontram e eu quero fazer coisas muito desobedientes com meu novo chefe.

Resenha


Chegou a hora de conhecer uma nova autora. A Cherish Books trouxe agora a Tia Louise e seu romance A Babá do Milionário

Ruby Bank tem 22 anos, mas, ainda que tenha um mestrado em Serviço Social e trabalhe como terapeuta na clínica da melhor amiga, Drew, construir uma clientela na pequena Oakville não é fácil, mesmo tendo vivido lá toda a vida.

Ruby é metade estadunidense, por parte de pai, e metade coreana, por parte de mãe. Enquanto sua mãe trabalhava como secretária na igreja, o pai era um renomado neurocirurgião em Charleston (cidade vizinha) e cobrava excelência de sua filha, por isso nunca incentivou sua clara vocação para as artes, alegando que isso não daria nenhum futuro para ela. Mas agora, após anos da morte do pai, ainda morando com a mãe, ela tem certeza de que ainda não sabe o que quer para o futuro.

Remington Key tem 30 anos e há quatro vive em Oakville. Depois que saiu da Marinha criou alguns aplicativos, vendeu para o governo e, assim, ficou bilionário e passou a ser um investidor da área de tecnologia. Com a gravidez da esposa, e por insistência dela ao descobrir que a gravidez era de risco, eles trocaram Seattle por Oakville, para que ela pudesse ficar mais próxima da mãe, mas com o nascimento de Lillie, Sandra faleceu. Com uma filha recém-nascida, a ajuda de Eleanor foi fundamental, e Remi se afundou no trabalho. Mas agora que quatro anos se passaram e ele fez terapia para superar o luto, ele tem percebido que as coisas na sua casa não estão tão bem como ele imaginava: Eleanor é muito rígida com Lillie e os desentendimentos com a sogra têm sido cada vez mais constantes, o que o deixa desgastado, sem foco para trabalhar e, consequentemente afetará sua relação com Lillie.

Quando em uma rara ocasião aceita o convite de um amigo para ir a um bar, Remi encontra Ruby, a quem sua antiga terapeuta (que é ninguém menos que Drew, claro) havia tentado apresentar um dia na igreja, ele sente-se atraído pela beleza dela. Claro que Ruby o nota, afinal essa foi a razão de sair naquela noite, paquerar e, quem sabe, encontrar um novo namorado. Mas ela não imaginava que sairia dali com o emprego de babá e ganhando tão bem.

Mesmo com a atração que sente por Ruby, Remi não vê nenhum problema em contratá-la para ser babá de Lillie e, quando as duas se conhecem no dia seguinte, ele tem ainda mais certeza de ter feito a melhor coisa, o que ele não havia pensado é que, caso ele se envolvesse com Ruby, ela provavelmente deixaria de ser babá de Lillie e então, como ficaria sua filha nessa situação? E sem falar na sogra: o que ela pensaria de uma jovem morando com eles para ser babá de sua neta sendo que sempre foi ela quem cuidou de tudo?
Ruby é ferozmente independente, e ela tem seu próprio estilo. Não imita ninguém. Não é um membro do rebanho. Não parece querer nada de mim além de um trabalho honesto e incrível com minha filha.
Posição 58%
Ruby e Lillie se tornam inseparáveis logo de cara e óbvio que na mesma proporção está o ódio de Eleanor por Ruby, que a vê como uma oportunista que com certeza está apenas de olho no dinheiro de seu genro.

Com o passar dos dias, Ruby e Remi vão tendo a oportunidade de se conhecerem mais, a atração aumenta e passar a tormar outras proporções, levando-os a questionar se trata-se apenas de atração ou amor.

A escrita da Tia é envolvente e vai levando a gente alternando os capítulos entre a narrativa da Ruby e do Remi, nos deixando completamente presos para saber o que acontecerá a seguir. Isso sem falar nos personagens que ganham nossa atenção mesmo não sendo os protagonistas: Lillie é uma fofa e Drew é uma amiga e tanto, maravilhosas!

Compre na Amazon

P.S.: Se quiser adicionar esse livro na sua lista de leitura do Skoob basta clicar na capa que você será redirecionado para a página do livro no Skoob. 😉 
Comentários
2
Compartilhe

2 comentários:

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos. Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por e-mail.
Obrigada!

 
imagem-logo
De Tudo um Pouquinho - Copyright © 2016 - Todos os direitos reservados.
Layout e Programação HR Criações