08 outubro, 2021


[Resenha] Meia-Noite na Tiffany's - Sarah Morgan


Ficha Técnica 

Título: Meia-Noite na Tiffany's
Título Original: Midnight at Tiffany's
Autor: Sarah Morgan
ISBN: 978-65-5970-059-2
Páginas: 97
Ano: 2021
Tradutor: William Zeytoulian
Editora: Harlequin
Matilda é uma garçonete de dia, mas uma aspirante à autora de noite, e sua especialidade são protagonistas confiantes, graciosas e baixinhas… ou seja, nada parecidas com ela.
Quando ela conhece Alex, um homem misterioso, logo depois de ter sido demitida, Matilda decide personificar sua heroína mais recente e fazer algo a respeito da atração que parece pairar entre eles. Mas o choque de realidade, quando suas identidades vêm à tona, pode ser demais para os dois.



Resenha


Ai, gente, vamos de conto chick-lit para voltar à série Para Nova York, com amor? Pois então, este conto (0.5) está antes do livro em que conhecemos as amigas PaigeFrankie e Eva, ou seja, elas ainda trabalhavam na Estrela Eventos. 

Matilda, a protagonista deste conto, é uma garçonete que trabalha na mesma equipe que elas e tenta a todo custo manter o emprego mesmo sendo desastrada — e derrubando mais bandejas do que mantenho-as equilibradas — e tendo que lidar com a chefe insuportável que nós já conhecemos, Cynthia.

Claro que esse não é  melhor emprego do mundo, mas seu sonho é ser escritora e, sendo absurdamente tímida e sem conseguir fazer amigos e interagir, estar invisível nos eventos em que trabalha é a oportunidade de observar as pessoas e assim ter material para construir seus personagens e suas histórias. Entretanto, o objetivo do atual evento é criar coragem, descobrir quem é Chase Adams e falar com ele para conseguir o contato do irmão dele, Brett, dono de uma editora cujo um dos selos combina perfeitamente com seu mais recente livro — e para ela, seu melhor trabalho até o momento. 
— (…) Há sempre essa sensação de que qualquer coisa pode acontecer. De que os sonhos podem se tornar realidade. De que milagres acontecem.
— Me mostra? Quero ver essa Nova York que você ama.
Posição 39%
Bem, mas as coisas desandam no trabalho, ela derrama champanhe novamente nos convidados, é demitida e conhece o misterioso e gato Alex quando está deixando o edifício sorrateiramente e ao que parece há um clima entre eles, mas ela, tímida, não daria corda. Porém, por que não encarnar sua protagonista mais recente, a determinada Lara Striker?

Chase Adams estava em mais um evento da empresa da família e todos os convidados tinham algum interesse nele, e ele estava sinceramente cansado das pessoas o abordarem apenas por estarem interessadas em algo que ele poderia fazer por elas e nunca por estarem interessadas nele como pessoa. Como seria encontrar alguém que estivesse interessado unicamente nele? Qual seria a sensação? Por isso, quando encontra uma mulher no elevador quando está fugindo de seu próprio evento, ele usa seu nome do meio, Alex.
Era melhor estar sozinho e poder ser ele mesmo do que ser outra pessoa na companhia de estranhos.
Posição 20%
A relação entre eles, apenas uma noite — ainda que eles normalmente não tenham esse tipo de relação — é muito intensa e íntima e a conexão entre eles se mostra muito forte.

Sendo um conto de menos de cem páginas, a história se desenvolve rapidamente então não esperamos tanto para descobrir o que virá a seguir, entretanto, quando chega ao fim ficamos tristes por ele ter sido um conto e não um livro com mais de duzentas páginas porque esse casal certamente merecia mais. Minha esperança é de que eles apareçam pelo menos um pouquinho nos livros (tenho a leve impressão de eles terem sido citados em algum dos livros anteriores, mas só relendo para ter certeza 🤷🏾‍♀😂).
— (…) “As pessoas podem dificultar as coisas, podem te desestimular e te deixar para baixo, mas, no final das contas, a única pessoa que pode matar seu sonho é você mesma. Nunca desista.”
Posição 60%
Fato é que foi delicioso, mesmo curto, e foi uma introdução para pegar o quinto livro da série para ler, Férias nos Hampton. Let's go!
— Todo mundo é imperfeito, Matilda. Todo mundo. A maioria das pessoas, porém, tem medo de mostrar esse lado.
Posição 78%

P.S.: Se quiser adicionar esse livro na sua lista de leitura do Skoob basta clicar na capa que você será redirecionado para a página do livro no Skoob. 😉 
Comentários
0
Compartilhe

0 comentários:

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos. Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por e-mail.
Obrigada!

 
imagem-logo
De Tudo um Pouquinho - Copyright © 2016 - Todos os direitos reservados.
Layout e Programação HR Criações