10 fevereiro, 2022


[Resenha] Britânico Atrevido - Jennifer Woodhull


Ficha Técnica 

Título: Britânico Atrevido
Título Original: British Banger
Autor: Jeniffer Woodhull
ISBN: 978-65-5933-007-2
Páginas: 228
Ano: 2021
Tradutor: Lilian Centurion
Editora: Charme
O sotaque britânico deveria ser acompanhado por um aviso de “perigo”. Quando vem na forma de uma voz grave de barítono de um homem sexy e abusado, só nos resta assinar um documento entregando os pontos.
A maioria dos corretores não quer saber de propriedades para locação de curto prazo, mas, desde que a minha sócia sumiu levando a minha lista de clientes, preciso de todas as oportunidades que aparecerem na minha frente. E é aí que entra em cena um Camden Reid absurdamente sexy e totalmente irritante.
O executivo presunçoso achou defeito em todos os imóveis que mostrei a ele. Pequeno demais. Feminino demais. Longe demais de um pub de verdade.
As exigências dele eram ridículas, e eu mal podia esperar para me ver livre dele e das suas linguiças britânicas.
Mas, em algum ponto entre a primeira e a zilionésima propriedade, ficou impossível ignorar a atração que eu estava sentindo por Camden.
Assim que as exigências malucas dele finalmente foram satisfeitas, o deus grego arrogante propôs que estreássemos a sua nova e temporária casa.
Mal sabia eu o quanto ficaria viciada em Camden, ou como o tempo que passaria com ele seria inesquecível.
Afinal, eu sabia que o nosso relacionamento tinha um prazo de validade.
Tudo o que é bom precisa terminar, não é?
Só que eu não esperava pelo nosso final.

Resenha


Britânico Atrevido é mais um romance da série Cocky Hero Club, livros com histórias inspiradas na série Cocky Bastard da Vi Keeland e da Penelope Ward e esse é inspirado particularmente em Amante Britânico.

Quinn Whitley tem trinta e dois anos e acabou de levar uma rasteira da sócia na imobiliária que construiu do zero e agora, depois de perder os clientes, corretores e funcionários — tendo ficado apenas a assistente e amiga Kimberly — ela precisará começar tudo outra vez.

Depois de ir atrás de clientes, uma solução para Quinn é firmar contrato com uma empresa que intermedia locação de imóveis de luxo para executivos, o que permitir que sua empresa saia do vermelho, gere indicações de clientes e, assim, a empresa volte a crescer. Ela só não imaginava que seu primeiro cliente seria tão rápido — dia seguinte à assinatura do contrato — e tão exigente em relação ao imóvel, e a outras coisas também.

Camden Reid e seu sócio, Ashok Mukherjee, estão prestes a passar do patamar de milionários para bilionários e para isso Cam irá para Providence, nos Estados Unidos, para cuidar da aquisição de uma empresa que levará a Reid & Mukherjee Holdings Ltda a outro nível e para quem saiu do nada, é realmente muita coisa. Cam odeia os Estados Unidos, mas está indo apenas porque seu sócio e melhor amigo acabou de ficar noivo e está organizando o casamento. Além do mais, ele poderá encontrar a irmã, Calliope, e o amigo, Simon, que não vê faz algum tempo e moram na mesma região, mas o plano é voltar para Londres em no máximo seis meses. Porém, Cam não pode negar que a mudança de ares chegou em um momento crucial, pois parecia ter chegado a um beco sem saída no qual já havia ficado com todas as mulheres do seu padrão de Londres.
Não sei quanto tempo vou ficar preso aqui fechando esse acordo, mas Quinn está deixando esta viagem bem mais tolerável. Gosto dela. Eu a desejo e, julgando pela forma como ela tem olhado para mim, pelo jeito como reage ao toque da minha mão no braço dela ou ao roçar dos meus dedos nos dela, ela também me deseja. Ela só precisa relaxar o suficiente para entender que não há problema em se deixar levar e se divertir um pouco. Pretendo convencê-la de que sou o homem perfeito para se fazer isso.
Posição 19%
Cam é um cliente-chave para Quinn, a sobrevivência da Lá em Casa Imóveis depende de ela achar o apartamento perfeito para ele, mas conviver com o inglês não é fácil; Cam é lindo, atrevido, inteligente e tem um sotaque absurdamente encantador, mas ainda é um cliente. Entretanto, quanto mais ela tenta “entrar na cabeça dele” para encontrar o imóvel perfeito, mais ela vê outras facetas do homem que ele é.

Do outro lado dessa história, Cam se vê intrigado por essa mulher independente, bela e inteligente que, por mais que ele veja nos olhos dela o desejo por ele, não cede e não o deixa se aproximar. Quinn é uma surpresa que ele certamente não esperava ter mais na vida, não mais depois do que houve em sua juventude.

Mas, enquanto Cam é um cara de aventuras, Quinn é uma mulher pé no chão e, sabendo que Cam tem uma data para voltar para a Inglaterra, para que se arriscar se envolver com alguém e acabar se envolvendo como ela sabe que provavelmente fará?
Quando ele vai embora, as palavras que Bridget disse mais cedo retornam à minha mente. O jeito como ele olha para você.
É nesse momento que a minha ficha cai.
Estou começando a ter sentimentos por Camden. Não é só que ele seja absurdamente gostoso, o que ele é, ou que me sinta atraída por ele. Eu me preocupo com o que ele está pensando, com o que ele está sentindo. Eu me preocupo com ele.
Estou me apaixonando por um cliente. 
Pior: estou me apaixonando por um homem que mora a quase cinco mil quilômetros daqui.
O pior de tudo? Não sei como parar tudo isso.
Posição 37%
Jennifer não apenas se inspira na história de Amante Britânico como ela traz os personagens para a história e é maravilhoso ver aqui Simon, Bridget e Calliope  de novo, então casou muito bem. Achei a história bem dinâmica e fluída. Algumas questões acredito que ela optou por não se aprofundar, mas não ficaram sem solução, então não ficaram pontas soltas na história. Para mim, a missão foi cumprida e meu coração ficou bem feliz com a história, só queria um áudio para ouvir Camden falando no meu ouvido.😂😂
— Ou você pode se mudar para cá.
Ela levanta o olhar para o meu rosto e dá umas rápidas piscadinhas.
— O quê? Para os Estados Unidos? Eu? Puta merda, Calli, você enlouqueceu de vez?
— Admita, aqui é melhor do que você esperava. Além do mais, Quinn tem uma empresa aqui, e amigos, e uma vida. Se você a ama, não pode esperar que ela faça todos os sacrifícios.
— Eu não disse que a amo.
Olho para a minha irmã preferida.
— Mas você ama.
Droga. Odeio quando ela tem razão.
Posição 70%


P.S.: Se quiser adicionar esse livro na sua lista de leitura do Skoob basta clicar na capa que você será redirecionado para a página do livro no Skoob. 😉
Comentários
0
Compartilhe

0 comentários:

Seu comentário é sempre bem-vindo e lembre-se, todos são respondidos. Portanto volte ao post para conferir ou clique na opção "Notifique-me" e receba por e-mail.
Obrigada!

 
imagem-logo
De Tudo um Pouquinho - Copyright © 2016 - Todos os direitos reservados.
Layout e Programação HR Criações